Quanto custou a minha viagem a Alemanha?

Alemanha

Em outubro do ano passado, eu fiz uma viagem de 15 dias pela Europa, passei pela Alemanha, Bósnia e uma noite em Portugal. Como muitas pessoas me perguntaram sobre os gastos que eu tive na Alemanha, resolvi escrever esse post para detalhar quanto custou a viagem, erros e acertos e o que dava para economizar.

A viagem começou por Berlim, passei por Frankfurt e terminei em Munique, onde eu fiz um bate-volta até Nuremberg e Dachau.

Passagens aéreas
Eu comprei os trechos São Paulo x Berlim e Munique x São Paulo todos na TAP, com conexão em Lisboa. O trecho de Munique a Sarajevo (ida e volta) foram pagos pelo órgão de turismo da Bósnia e Herzegovina, já que essa parte da viagem foi a convite.

Depois de meses pesquisando diariamente, eu comprei as passagens na TAP por R$2.369,00 com as tarifas de embarque, o que eu considerei um bom preço para esses 4 trechos.


Passagens de trem
As passagens eu comprei no site da Deutshe Bahn, saiu mais barato que o site da Raileurope, no blog tem um post explicando como comprar as passagens. Eu fiz os trechos de Berlim a Frankfurt no ICE e paguei R$242,00 no trecho direto, sem conexões.

Nos trecho entre Frankfurt e Munique, eu também comprei no site da Deutsche Bahn e paguei R$150,00 o trecho.

A viagem de Munique a Nuremberg eu usei trens regionais e paguei o equivalente a R$80,00 reais ida e volta, as passagens eu comprei direto na estação central de trens de Munique. O trecho de Munique a Dachau, como o trem até lá é metropolitano, eu usei o mesmo bilhete diário do U-Bahn e S-Bahn (metrô e trem) de Munique e custou o equivalente a R$38,00 e esse valor entrou como despesa diária no meu orçamento.


Hotéis
Em Berlim eu me hospedei no Meininguer Hotel, do lado da Berlin Hauptbanhof, a estação central de trens e distante uns 500 metros do Portão de Brandemburgo. Pelas 5 diárias, eu paguei R$1.000,00 quando fiz a reserva, mas por conta da variação cambial + IOF, quando a fatura foi fechada a conta ficou em R$1.195,00, o que deu R$239,00 por diária.

Apesar de ser um bom hotel, com ótima localização, já que eu ia chegar e sair de Berlim pela Hauptbanhof, eu vi hostels nas redondezas por R$ 120,00 a diária, mas nessa viagem eu queria um pouco mais de conforto.

Em Frankfurt eu fiquei no Star Inn Hotel Frankfurt Centrum e mais uma vez tive prejuízo com a alta do dólar, mas o estrago foi menor, eu paguei R$ 630,00 por 3 diárias, o que deu R$210,00 por diária, um bom valor pelo excelente hotel. Em Frankfurt tinham hostels bem legais com diárias por menos de R$100,00.

Em Munique eu fiquei em um hostel, mas quando fiz a reserva só tinham disponíveis quartos individuais, aí acabou saindo um pouco caro, eu paguei R$976,00 por 5 diárias, o que deu um valor de R$195,20 por noite.


Seguro viagem
Eu fiz pela Sulamérica, na época com um cupom de desconto eu paguei R$262,00 para uma cobertura de 15 dias. Lembrando que na Europa o seguro viagem é obrigatório, mesmo que a imigração não te peça.


Câmbio
Eu fiz um câmbio de 480,00 euros, na época eu paguei R$2.284,00 por esse valor. Eu me lembro que poucos dias antes da viagem, tanto Dolar, quanto o Euro estavam assustadoramente caros. Esses 480,00 euros foram para pagar o transporte público, alimentação, passeios e algumas bugigangas como meus amados imãs de geladeira e um casaco de 18 euros que eu comprei na Primark de Berlim, pois estava congelando. Dava um total de 40 euros por dia.

Mas e aí? Foi o suficiente? Foi no limite. Confesso que eu cheguei no Brasil com alguns centavos no bolso, mas não precisei usar o cartão de crédito em nenhum momento, o que foi maravilhoso.

Muitos passeios eu fiz a pé, pois não tinham a necessidade de usar o transporte público justamente por ser tudo muito perto. Deixei para visitar alguns museus nos dias em que a visitação não eram cobradas e abusei das atrações gratuitas.

Comi comida de rua, não todos os dias, mas também comprava muitas coisas em mercadinhos para comer no hotel e isso representou uma super economia. Quando comia em restaurantes, evitava os muito turísticos e isso sempre representava uma boa economia.


Total da viagem
Passagens aéreas: R$  2.369,00
Passagens de trem: R$ 472,00
Hotéis: R$2.801,00
Seguro viagem: R$262,00
Câmbio: 2.284,00

Total geral: R$8.188,00 por 12 dias na Alemanha


Dava para melhorar?
Sim, se eu tivesse ficado em hostels mais em conta, os custos da viagem ficariam assim:

Passagens aéreas: R$  2.369,00
Passagens de trem: R$ 472,00
Hotéis: R$1.450,00
Seguro viagem: R$262,00
Câmbio: 2.284,00
Total geral: R$6.837,00. Uma super economia de R$ 1.351,00.


Leia também:
Como é viajar de trem pela Alemanha
Com comprar passagens de trem no site da DB
Todos os posts sobre a Alemanha


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

1 Comentário

  • Responder janeiro 13, 2016

    Guilherme

    Achei bacana. Até achei que ficaria mais caro.
    Muito bem detalhado.

Deixe uma resposta