Conheça o Boeing 747 transformado em hostel, o Jumbo Stay

Boeing 747 transformado em hostel

Já pensou em ficar confortavelmente hospedado dentro de um Boeing 747? Aviões transformados em hotéis não é novidade, a KLM transformou um MD-11 aposentado residência para ser alugado pelo Airbnb, um antigo Boeing 727 também já foi transformado em hotel na Costa Rica.

Mas o que faz desse hostel especial? O tamanho! O Boeing 747 foi durante anos a maior aeronave comercial em serviço, hoje o irmão mais novo, o 747-8 é o segundo maior avião, só perdendo para o gigantesco Airbus A380.

Quarto para 3 pessoas

Quarto para 3 pessoas

O Jumbo Stay foi montado dentro de um Boeing 747-200 que pertenceu a PanAm e possui quartos individuais e coletivos para 2 ou 4 pessoas. Ao todo são 27 quartos e os preços variam de €63,22 nas acomodações compartilhadas, até €229,31, no que seria a “suíte presidencial”, que fica localizada no que um dia foi o cockpit do avião. Também é possível dormir dentro da carenagem dos motores do Boeing. Todos os valores podem ser consultados aqui.

O quarto principal, localizado no cockpit do avião

O quarto principal, localizado no cockpit do avião

O Jumbo Stay também possui várias áreas sociais. Um deck que ocupa toda asa esquerda, bar, restaurante e sala de TV com as confortáveis poltronas da primeira classe.

O Hostel fica localizado ao lado do Aeroporto Internacional Arlanda, em Estocolmo na Suécia e pode ser reservado pela maioria dos sites de reservas de hotéis.

Mais imagens:

Quarto individual

Quarto individual

Quarto para 4 pessoas

Quarto para 4 pessoas

Restaurante

Restaurante

Sala de TV

Sala de TV

Os quartos dentro dos motores

Os quartos dentro dos motores

O Boeing 747-200 quando voava nas cores da PanAm

O Boeing 747-200 quando voava nas cores da PanAm

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar