Como funciona a conexão no Panamá com a Copa Airlines

Conexão no Panamá

É muito comum brasileiros fazerem conexão no Panamá a caminho de outro destino internacional voando com a Copa Airlines. O Aeroporto Internacional Tocumen localizado na Cidade do Panamá é o hub de conexão da companhia aérea panamenha. Conhecido como “Hub de las Americas“, vai ser neste aeroporto que você fará a sua conexão quando voar com a Copa.

***

Fazer uma conexão no meio do caminho é uma prática normal em viagens, entretanto passageiros pouco habituados tem dúvidas sobre esse procedimento. Como funciona a conexão no Panamá? Preciso fazer a imigração? Como funciona a imigração? Todas as suas dúvidas serão respondidas neste post.


Como funciona a conexão no Panamá 


Primeiramente, vamos entender que todos os procedimentos de conexão no Panamá são simples. O objetivo é justamente facilitar o trânsito dos passageiros e assim fazer com que a rede da Copa Airlines tenha mais fluidez e menos procedimentos burocráticos. Entretanto, existem pequenas diferenças que eu já vou explicar.

Quando você embarcar no Brasil (ou no país de retorno), você já sairá do check-in com o cartão de embarque do seu voo até o Panamá e do voo seguinte. Por exemplo, digamos que você voará de São Paulo para a Cidade do México. No check-in você receberá o cartão de embarque do voo de São Paulo até o Panamá e o segundo cartão de embarque do voo seguinte, do Panamá até a Cidade do México. Com isso, não será necessário um novo procedimento de check-in.

Conexão no Panamá
Aeroporto Tocumen

Conexão para qualquer destino (menos Estados Unidos)

Se você vai fazer uma conexão no Panamá para qualquer destino da Copa, exceto para os Estados Unidos é muito simples. Basta sair do avião e verificar nos painéis do aeroporto de qual portão o seu voo seguinte sairá. O número do voo vai estar marcado no cartão de embarque.

Não precisa passar por nenhum procedimento de segurança ou imigração. As malas inclusive seguem direto até o seu destino final. Basicamente você sairá de um avião e entrará no outro.


Conexão para os Estados Unidos

Aqui as coisas mudam um pouco, mas também é tudo bem simples. Ao sair do avião, você vai verificar em qual portão seu voo para os Estados Unidos partirá. Ao chegar no portão designado para o seu voo, um novo procedimento de segurança será realizado.

Toda a bagagem de mão é inspecionada pelo raio-x e revistas adicionais podem ser realizadas. Mas fique tranquilo, não é nada diferente do que já fazemos antes de entrar em qualquer aeroporto.

Feito isso, é só entrar no avião. As malas despachadas na origem seguem direto até os Estados Unidos.

Conexão no Panamá
Centro de conexões da Copa Airlines

Conexão no Panamá: vou desembarcar, como é a imigração?

Se você optar por desembarcar no Panamá, seja para aproveitar uma conexão mais longa ou sendo este o seu destino final, precisará fazer os procedimentos de imigração.

Primeiramente, importante dizer que brasileiros não precisam de visto para entrar no Panamá. Mas é necessário que o seu passaporte tenha validade, o Panamá também exige a vacina contra a Febre Amarela e o Certificado Internacional de Vacinação emitido pela ANVISA. Veja como tomar a vacina e emitir o certificado e também existe a possibilidade de solicitar o certificado pela internet para quem já tomou a vacina.

Ainda no avião, os comissários distribuição dois formulários para os passageiros com destino final no Panamá ou para aqueles que pretendem sair do aeroporto para aproveitar a conexão no Panamá. Um formulário é da imigração e outro da alfândega. As perguntas são as mesmas da maioria dos formulários de imigração.

Ao sair do avião, basta seguir as placas indicando desembarque e imigração. No setor de imigração, a maioria dos balcões são para turistas, o que faz com que o procedimento seja mais rápido.

O atendimento é feito em espanhol ou inglês e as perguntas são sempre as mesmas:  o motivo da viagem, duração, país de origem e profissão. Feito isso, o passaporte é carimbado e pronto.

Se o seu destino final for o Panamá, caso tenha malas despachadas, elas deverão ser retiradas e em seguida passar pela alfândega. Caso você esteja em conexão, as malas despachadas seguem até o seu destino final.

***










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


Compartilhe este post:
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.