O que fazer em Toronto no Canadá uma conexão de 1 dia

O que fazer em Toronto

Hoje eu conto para vocês o que fazer em Toronto no Canadá em 1 dia, ideal para quem está em conexão na cidade.

***

No fim da minha volta a mundo eu tinha uma conexão de 1 dia em Toronto, uma ótima oportunidade para conhecer um pouco da cidade. Toronto é uma das cidades mais vibrantes e cosmopolitas do Canadá e eu estava super empolgado para conhecer um pouco dela.

Eu estava viajando do Vancouver para São Paulo com a Air Canada e cheguei em Toronto às 5h da manhã e meu voo para o Brasil só sairia às 22h. Apesar de ter 17 horas livres na cidade, eu tive que esperar o dia amanhecer e claro, até as 8h da manhã que é quando as atrações começam a funcionar. Também voltei no começo da noite para o aeroporto, para ter tempo de sobra para fazer todos os procedimentos de segurança. Por tanto, nunca volte para o aeroporto em cima da hora, tenha pelo menos umas 3 horas para você fazer tudo com calma.

Leia mais:
Como tirar o visto para o Canadá pela internet
Como é passar pela imigração no Canadá

O que fazer em Toronto
O que fazer em Toronto

Do aeroporto ao centro da cidade


O Aeroporto Internacional Pearson em Toronto é conectado com o centro da cidade através de um serviço de trem expresso, o UP – Union Pearson Express que vai do aeroporto até a Union Station bem no centro da cidade.

E da Union Station a gente consegue fazer tudo a pé e foi exatamente o que eu fiz no meu roteiro com o que fazer em Toronto em 1 dia.

A estação do UP fica em um prédio anexo ao Terminal 1. Portanto, se você chegar em Toronto pelo Terminal 3, terá que pegar o Link Train até a estação do UP. Mas é fácil e o Link Train pára ao lado da plataforma do UP.

O bilhete ida e volta custa 24.70 dólares canadenses. Crianças com menos de 12 anos não pagam e existem preços especiais para idosos e famílias. Confiram todas as tarifas aqui. O pagamento pode ser feito em dinheiro ou cartão de crédito.

Aqui eu explico passo a passo de como pegar o UP e como é a viagem até o centro da cidade. Recomendo a leitura.

O que fazer em Toronto
Plataforma do UP

O que fazer em Toronto


Eu me localizei em Toronto usando o Google Maps, que você pode baixar e usar offline no seu celular, mas eu recomendo usar um chip de internet que vai facilitar demais a sua vida. Eu sempre uso o chip da YesBrasil, que funciona de forma impecável no Canadá, EUA e Europa.

Ao sair da Union Station eu segui para a CN Tower, a minha primeira parada em Toronto. E chegar lá é muito fácil, a torre fica praticamente ao lado da estação.

O que fazer em Toronto

Inaugurada em 1976, a CN Tower – Canadian National Tower – é o principal ponto turístico de Toronto e cartão postal da cidade. Mas a sua fama vai além, com seus 553 m de altura, durante 34 anos ela foi a estrutura mais alta do mundo. Hoje o título pertence ao arranha-céu Burj Khalifa em Dubai com impressionantes 828 metros de altura. Mas a CN Tower segue sendo a terceira torre mais alta do mundo.

O que fazer em Toronto
Vista da CN Tower

Lá de cima temos uma visão em 360 graus de Toronto. Dizem que em dias de céu claro é possível avistar até as Cataratas do Niágara, distante mais de 100 km. Verdade ou mito, a vista da CN Tower é sensacional. Um passeio que eu realmente recomendo fazer em Toronto.

O que fazer em Toronto
Vista da CN Tower

Quando eu visitei a torre era outono e o dia estava lindo. Um amigo visitou no meio do inverno e estava tudo branco de gelo e o céu cinza, confesso que pelas imagens não foi tão bonito quanto no outono. Acho que se o dia estiver fechado ou chuvoso, é um passeio que não vale muito a pena.

O que fazer em Toronto
Entrada da torre

Eu escrevi um post onde dou mais detalhes da visita e tudo o que você precisa saber para visitar a CN Tower, recomendo a leitura.

Em frente a CN Tower fica o Roadhouse Park, um parque onde funciona um museu ferroviário aberto. Eu amo trens, sobretudo trens antigos e adorei visitar o lugar e não precisa pagar.

O que fazer em Toronto
Museu ferroviário

Em um dos galpões do museu funciona uma cervejaria artesanal bem bacana, o Steam Whistle Biergarten. Se você gosta de cerveja, tem que provar as cervejas da casa. O lugar também é legal para um happy hour. E em alguns dias da semana eles servem um chopp de degustação, é só entrar e pedir.

O que fazer em Toronto
Steam Whistle Biergarten ao lado do Museu Ferroviário

Depois do almoço eu segui direto para o Waterfront, a orla de Toronto banhada pelo imenso Lago Ontário, que inclusive marca a divisa do Canadá com os Estados Unidos. Ali você pode simplesmente passear ou fazer um passeio de barco pelo lago.

O que fazer em Toronto
Waterfront

Os barcos saem dali mesmo, você pode comprar o passeio pelos links no final desse post. É bem bacana e vemos Toronto de um ângulo completamente diferente.

O que fazer em Toronto
Passeio em barcos históricos

Se você não quiser fazer o passeio de barco, recomendo pegar a balsa e atravessar até a Toronto Island. Um ilha arborizada com um imenso parque e onde também temos uma vista linda da cidade e você pode alugar uma bicicleta para passear pela ilha. A balsa sai da Waterfront e a ida e volta custa 8 dólares canadenses.

O que fazer em Toronto
A vista da Toronto Island

Para fechar o roteiro com o que fazer em Toronto, vale uma caminhadinha até a Nathan Phillips Square, que é onde fica o famoso letreiro de Toronto.

O que fazer em Toronto
Nathan Phillips Square

Esse letreiro foi colocado ali por conta dos Jogos Panamericanos de 2014 e devido ao grande apelo popular, ele acabou ficando. Assim, o lugar que já era bacana acabou virando ponto turístico. E as fotos ali ficam lindas, além de ser uma ótima maneira de se despedir da cidade.

***

No pouco tempo que eu fiquei em Toronto, eu amei a cidade e as pessoas. Todo mundo sempre muito educado e gentil. Certamente eu vou incluir Toronto nos meus planos para o futuro.

***










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.