5 coisas pra fazer no centro de São Paulo em um dia frio

centro de São Paulo

Eu não tinha a intenção de escrever esse post, só queria sair para dar um passeio pelo centro de São Paulo nessa tarde fria, mas é inegável que essa região da cidade tão abandonada no passado, vem vivendo um resgate nos últimos anos.

São ótimos centros culturais, cafés, bares, livrarias e marcos que ajudam a contar a história de São Paulo e do Brasil. Se você acha que é perigoso, que é cheio de mendigos, não é bem assim, posso te garantir. Quem gostou da ideia, seja morador de São Paulo ou não, vou dizer 5 coisas que você pode fazer no centro de São Paulo.

Comer um doce português na Casa Mathilde

A Casa Mathilde é uma tradicional doceria portuguesa bem no centro de São Paulo, na Praça Antônio Prado em frente ao Edifício Martinelli. O cardápio de doces portugueses a base de creme de ovos é imenso, vai dos tradicionais pastéis de nata (Pois pastel de Belém, só em Belém) até outros doces de massa folhada, como o Jesuíta, esse da foto. A casa também tem outros quitutes doces e salgados, todas receitas autênticas da terrinha e algumas “abrasileiradas”. Preço do doce: R$6,90.

Jesuita na Casa Mathilde

Jesuita na Casa Mathilde

Ver uma exposição no Centro Cultural Banco do Brasil

O CCBB de São Paulo fica na Rua Álvares Penteado, número 112. Pertinho da Casa Mathilde e sempre tem exposições incríveis. NO CCBB eu já vi Picasso, Mondrian e agora está em cartaz está a exposição “Los Carpinteros” com 70 obras espalhadas pelo subsolo, térreo e mais quatro andares do prédio. Falando nisso, só prédio do CCBB já é uma atração, ele foi construído em 1901 e funcionou até 1996 como agência do Banco do Brasil. Preço: Grátis. Mais informações: culturabancodobrasil.com.br/programacao/sao-paulo

CCBB

Fazer um walking tour pelo centro de São Paulo

Existem vários tours gratuitos pelo centro de São Paulo e também por outras regiões da cidade. Hoje eu vi o Free Walking Tour São Paulo que acontece toda segunda, quarta e sábado e começa às 11h30 na Praça da República e tem 3h30 de duração. Esse tour é todo em inglês, mais para turistas estrangeiros, mas nada te impede de fazê-lo, mas também existem outros tours pelo centro.  Preço: Pague quanto achar que vale. Mais informações: cidadedesaopaulo.com/sp/br/o-que-visitar/roteiros/free-walking-tours

Free Walking Tour

Free Walking Tour

Visitar uma pequena livraria

O centro de São Paulo é cheio de pequenas e charmosas livrarias, algumas tem pequenos cafés que são uma ótima opção para um dia frio. Eu gosto da Martins Fontes da Praça do Patriarca, pegue um bom livro e peça um cheesecake de frutas vermelhas com um café expresso.

Martins Fontes

Martins Fontes

Fugir do mundo no Mosteiro de São Bento

O Mosteiro fica no Largo São Bento, um dos lugares mais bonitos do centro de São Paulo e que já hospedou em 2007 o Papa Bento XVI. O prédio belíssimo que a gente pode visitar hoje sofreu diversas modificações ao longo dos anos, mas o Mosteiro tem mais de 400 anos de história. É uma ótima maneira de fugir do tumulto do centro da cidade. Lá dentro também tem uma padaria com pães produzidos pelos 42 monges que vivem lá. Preço: Grátis e os pães custam de 10 a 40 reais.

Mosteiro de São Bento

Mosteiro de São Bento

Gostou das dicas? Aqui no blog tem um roteiro mais amplo pelo Centro de São Paulo, dá uma olhada: Roteiro em São Paulo: o que fazer no centro da cidade


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar