CN Tower em Toronto: a terceira torre mais alta do mundo

Voltando de Vancouver para São Paulo eu tinha uma longa conexão em Toronto, o que possibilitou que eu conhecesse um pouco da cidade. E na hora de escolher o que visitar em Toronto, claro que eu coloquei a CN Tower no topo da minha lista.

Inaugurada em 1976, a CN Tower – Canadian National Tower – é o principal ponto turístico de Toronto. Mas a sua fama vai além, com seus 553 m de altura, durante 34 anos ela foi a estrutura mais alta do mundo. Hoje o título pertence ao arranha-céu Burj Khalifa em Dubai com impressionantes 828 metros de altura.

CN Tower
CN Tower

A CN Tower pode não ser a torre mais alta do mundo, mas nem por isso ela perdeu o seu brilho ou deixou de ser um lugar interessante para conhecer em Toronto. E a sua estrutura colossal pode ser vista de todos os cantos de Toronto, até mesmo do aeroporto da cidade.

E o seu maior atrativo é a vista. Lá de cima temos uma visão em 360 graus de Toronto. Dizem que em dias de céu claro é possível avistar até as Cataratas do Niágara, distante mais de 100 km. Verdade ou mito, a vista da CN Tower é sensacional. Um passeio que eu realmente recomendo fazer em Toronto.

CN Tower
A torre é colossal

Como chegar na CN Tower


Como eu estava no aeroporto de Toronto, eu peguei o UP Express, o trem que liga o aeroporto até a Union Station no centro da cidade. E a CN Tower fica ao lado da Union Station, uma caminhada curtinha de 8 minutos. Na dúvida, use esta estação como ponto de partida para chegar na CN Tower.

Outra opção um pouco mais distante para chegar na torre é usando a estação St. Andrew do metrô de Toronto, a distância é de cerca de 900 metros.

Veja a localização no mapa abaixo:


Como visitar a CN Tower


Eu comprei a entrada nas máquinas de autoatendimento na entrada da torre. Existem também algumas bilheterias, mas comprar nas máquinas é muito simples e não tinha ninguém na fila. 

CN Tower
Entrada da torre

Existem dois tipos e ingressos, o General Admission dá acesso a o Observation Deck. Um mirante todo envidraçado e a 342 metros de altura. Logo abaixo dele fica um segundo deck que acessamos por escadas, ele é aberto e fechado com grades. Em algumas partes ele tem piso de vidro, a vista é bem bacana. Em dias frios a gente congela nesse deck e o vento parece que vai nos arremessar longe.

A General Admission para o Observation Deck custa 38 dólares canadenses para adultos, 38 dólares idosos e 28 dólares para crianças.

CN Tower
Observation Deck
CN Tower
Deck inferior
CN Tower
Piso de vidro
CN Tower
Vista

A segunda opção de entrada é o General Admission + SkyPod, que dá acesso ao Observation Deck e ao SkyPod. Um mirante bem menor e quase no topo da torre, a 447 metros de altura. Mas se você tem medo de altura, é algo a ser evitado.

Esta entrada é um pouco mais salgada, e custa 53 dólares canadenses para adultos, 49 dólares idosos e 43 dólares para crianças.

Mas se você não tem medo de altura, e busca uma experiência mais radical, pode fazer o Edge Walk. Uma caminhada por uma plataforma acima do Observation Deck ao ar livre e a 365 metros do chão. A experiência é super segura, todo mundo fica preso em cabos e com monitoramento de perto do pessoal da torre. Mas honestamente, eu não teria tanta coragem. E o preço começa em 195 dólares canadenses! Eu não disse que era barato!

CN Tower
Explicando a CN Tower

Vale a pena visitar a CN Tower?


Sim! Vale super, por ser uma das estruturas mais altas do mundo, e claro, pela vista sensacional que a gente tem lá de cima. Se você está com dúvidas sobre qual ingresso comprar, eu acho que o SkyPod não vale o investimento. A vista do Observation Deck já é uma grande atração.

CN Tower
Detalhe do módulo principal da torre
CN Tower
Downtown de Toronto

Reserve um passeio em Toronto


 


Resolva aqui a sua viagem


Reserve a sua hospedagem pelo Booking.com

Faça aqui o seu seguro viagem internacional

Compre aqui os ingressos para os seus passeios

Consultoria de viagens e roteiros personalizados

Ebooks e guias para download


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram



mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

1 Comentário

  • Responder janeiro 29, 2020

    Leonardo

    Quais as perguntas frequentemente feitas na imigração para Holanda?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.