Como é voar na Business da Emirates no Airbus A380

Business da Emirates

Não é todo dia que a gente pode voar de classe executiva, e voar na Business da Emirates, a melhor companhia aérea do mundo, é um privilégio e tanto. Certamente a companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos é hoje a mais famosa empresa aérea do mundo, seu nome está diretamente ligado a luxo e sofisticação, não tem como pensar em conforto sem pensar em Emirates.

No ano passado eu voei com eles do Brasil para a Ásia em classe econômica e publiquei aqui dois reports sobre como era voar com eles:

Como é voar na Emirates de São Paulo a Dubai
Como é voar no A380 da Emirates, o maior avião do mundo

Airbus A380-800

Airbus A380-800

Agora, eu tive a oportunidade de voar na Business da Emirates no Airbus A380, o maior avião comercial em operação no mundo e o mesmo modelo que está sendo usado agora nos voos de São Paulo a Dubai.

Meu voo foi de Bangkok na Tailândia até Hong Kong na China, apesar de ser um voo relativamente curto – aproximadamente 3 horas – o serviço é muito semelhante ao que é oferecido na rota entre São Paulo e Dubai. Por tanto, serve de parâmetro para quem está em dúvidas sobre escolher ou não a linha aérea.


Como é voar na Business da Emirates


Checkin

Eu cheguei no Aeroporto Internacional Suvarnabhumi em Bangkok com três horas de antecedência pois queria aproveitar bastante a sala vip exclusiva da Emirates. A experiência de voar de Primeira Classe e Classe Executiva já começa no check-in, com balcões exclusivos e rápido atendimento.

E despachei uma mala de 16 quilos, mas a franquia para a Business era de 40 quilos. Rapidamente a funcionária me deu o cartão de embarque, cartão de orientações para retirada de bagagem e um Priority Pass, um cartão para passar pelos procedimentos de raio-x e imigração em uma área exclusiva, sem filas.

Posições da Emirates em Bangkok

Posições da Emirates em Bangkok


Sala vip da Emirates

A sala vip exclusiva da Emirates fica no terceiro andar da zona G do Aeroporto de Bangkok, um espaço imenso com várias salas, poltronas e dois restaurantes: um self service e um a la carte, onde o visitante pode fazer seus pedidos diretamente a um chefe.

A comida era fantástica e para beber tinham todo tipo de bebida e champanhe Moet e Veuve Clicquot. Também tinha uma grande variedade de sobremesas e snacks. Além disso, a sala vip tem chuveiros em todos os banheiros, ótima internet, jornais, revistas e várias TVs.


Embarque

Na hora do embarque um funcionário veio me comunicar pessoalmente que meu embarque estava sendo iniciado e ele me acompanhou até a porta do avião, eu entrei por uma ponte exclusiva para a primeira classe e executiva. Não sei se no Brasil eles tem esse mesmo serviço, mas sei que em GRU o embarque nos A380 são feitos com duas pontes, semelhante aos grandes aeroportos que recebem essa aeronave.

Para a minha surpresa, fui recebido na porta do avião por uma comissária brasileira, que foi extremamente gentil e me atendeu durante todo o voo.

Priscilla, fofíssima

Priscilla, fofíssima


O avião

Como disse acima, os voos foram operados com o Airbus A380-800 e a aeronave que cumpriu a rota estava configurada em primeira classe, executiva e econômica. A classe econômica ocupa todo piso inferior do avião e o segundo piso é dividido entre a primeira classe e a executiva.

Na última seção do avião fica um bar com um lounge, que pode ser usado pelos passageiros que voam de executiva e primeira classe. Além disso, a primeira classe tem banheiro com chuveiro, algo realmente extraordinário, não é mesmo? Quem sabe um dia!

A Business da Emirates nesse avião é dividida no layout 1-2-1, o que garante um espaço enorme para as poltronas e privacidade para todos os passageiros. Com esse layout, todas as poltronas tem acesso ao corredor, o que facilita muito a locomoção dentro do avião.

Visual da Business da Emirates

Visual da Business da Emirates


Conforto

As poltronas da Business da Emirates são tipo flat bed, que viram cama. Além disso, elas tem várias configurações diferentes de reclino e massageadores. Sim, a poltrona faz massagens em você.

Todas as poltronas tem um monitor de 18 polegadas touch-screen e controle remoto. Além disso, no apoio lateral tem um tablet que com ele conseguimos controlar a TV, a poltrona, fechar as persianas das janelas, acender as luzes de leitura e chamar os comissários.

Na poltrona eu encontrei travesseiro e cobertor de ótima qualidade, fones de ouvido com redução de ruídos, um kit com meia e máscara de dormir. No apoio lateral ficam também um suporte com água, refrigerantes, suco e um copo de vidro, para que passageiro se sirva quando quiser.

Como esse voo era curto, não foi distribuída as famosas necessaires da Bulgari, mas eles me deram duas de presente, para que eu pudesse mostrar aqui no blog, uma masculina e uma feminina.

No amenity kit masculino da Bulgari vem escova de dentes e creme dental, espuma de barbear e barbeador, pente, lenços, loção pós barba, body lotion e perfume, todos da Bulgari. Na bolsa vem também meia e máscara de dormir.

Maculina

Masculina

Feminina

Feminina

No banheiro ficam também pequenas toalhas de mão, bem macias e felpudas, para quem não quiser usar toalhas de papel. Os banheiros são também um pouco mais espaçosos do que os tradicionais, mas não tem grande diferença.


Serviço de bordo

Logo após me sentar, uma comissária serviu um drink de boas vindas, eu escolhi uma taça de champanhe para começar o voo com o pé direito. Antes mesmo da decolagem eles já tinham disponível alguns snacks e comidinhas no bar que fica no lounge nos fundos da aeronave.

Lounge bar

Lounge bar

Certamente o lugar favorito dos passageiros

Certamente o lugar favorito dos passageiros

Pouco antes da decolagem eles distribuíram um menu com todas as opções de refeição disponíveis a bordo e a carta de vinho. Logo após anotaram meus pedidos, o serviço de bordo da Business da Emirates é personalizado. Não vem carrinho e comida, como na econômica, o comissário forra a mesa com uma toalha de linho e trás seu pedido em uma bandeja.

Menu e carta de vinhos

Menu e carta de vinhos

Logo após a decolagem eu fui explorar o bar, pedi um blood mary, e aproveitei para conversei com outros passageiros e a tripulação. O bar realmente é a uma das grandes atrações dessa aeronave e pelo que eu sei, só a Emirates tem esse tipo de serviço.

Depois de zanzar pelo bar eu voltei a minha poltrona pois a refeição já estava pronta para ser servida. Eu escolhi um frango ao curry estilo tailandês, que veio com arroz de jasmim e legumes salteados. De entrada tinham frutas, um pão fresco e de sobremesa um cheesecake de coco com raspas de limão. Para beber eu escolhi um vinho tinto Clos du Marquis, safra de 2006 que estava impecável.

Refeição servida na Business

Refeição servida na Business

Excelente serviço

Excelente serviço

A comida mais uma vez não decepcionou, estava perfeito. A qualquer momento a gente pode pedir mais comida e mais bebida, além dos mais de 10 drinks que são preparados no bar, uma grande variedade de destilados, cervejas, espumantes e snacks.

Entretenimento

Depois da refeição eu fui explorar o entretenimento da Emirates. Todos os A380 e alguns Boeings 777 tem Wi-fi a bordo, os primeiros 10mb são gratuitos e cada 500mb adicional custa 1 dólar americano. A velocidade não é das melhores, mas dá para usar o Whatsapp e até postar uma foto no Instagram.

Sistema de entretenimento ICE

Sistema de entretenimento ICE

Todas as aeronaves da Emirates tem sistema on-demand de entretenimento de bordo, o ICE – Information, Communication & Entertaiment. São mais de 2500 títulos entre filmes, programas de TV, músicas e jogos. Além dos tradicionais mapas de navegação e três câmeras externas por onde a gente consegue acompanhar o voo do A380: uma no nariz, uma na barriga do avião e uma na cauda, o estabilizador vertical, que tem sem dúvidas a melhor imagem.

Tablet controla tudo

O tablet controla tudo na Business da Emirates

A variedade de filmes é imensa, a gente pode passar horas só olhando o que está disponível e talvez viajar meses para conseguir ver todos. A experiência fica ainda melhor com os fones de ouvido com redução de ruídos.

No bolsão da poltrona ficam várias revistas internacionais e a Portfolio, que é uma revista exclusiva para Primeira Classe e da Classe Executiva. Além da Open Skies, a premiada revista mensal da Emirates.


O voo

O A380 deixou o gate rigorosamente no horário, mas em razão do tráfego pesado em Bangkok, decolamos com um pequeno atraso, o que não comprometeu em nada o horário de chegada em Hong Kong.

O voo foi super tranquilo, o A380 é uma aeronave excepcional que vence com facilidade qualquer zona de turbulência. Acho também que a cabine dele é ainda mais silenciosa que a dos Boeing 787 Dreamliner e do A350, que são aeronaves projetadas para ter um melhor isolamento interno.

Apesar do voo ter partido com um pequeno atraso, chegamos ligeiramente adiantados em Hong Kong, no Aeroporto Internacional Chek Lap Kok, que é absurdamente grande. Os passageiros pegam até um trem interno para agilizar o desembarque.

Voo perfeito

Voo perfeito


Conclusão

Voar com a Emirates é sempre uma experiência, eles já ofereciam um bom serviço do Brasil aos Emirados com os Boeings 777, agora com a operação do Airbus A380 na rota de São Paulo a Dubai, os passageiros podem desfrutar do serviço cinco estrelas da empresa em todas as classes de serviços.

Postado em:
Terça-feira, 30 de maio de 2017


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

11 Comentários

  • Responder maio 31, 2017

    Juliana Trevisan

    Absolutamente incrível, pena ser tão caro.

  • Responder maio 31, 2017

    Paulo Shimitch

    Fabricio, tudo bem? Sou leitor assíduo do seu blog, absolutamente o melhor. Vejo que você tem excelente conhecimento de companhias aéreas, aeronaves, etc. Você consideraria a Business da Emirates melhor que a da Qatar? Pois estou com esta dúvida neste exato momento, estou planejando uma viagem para o Japão e estava pensando na Qatar antes de ler seu review. Mais uma vez, parabéns pelo blog.

    • mm
      Responder maio 31, 2017

      Fabricio Moura

      Oi Paulo, obrigado pela mensagem. Eu fiz um trecho na executiva da Qatar entre São Paulo e Buenos Aires, achei bom, mas honestamente, nada se compara a voar na Business do A380 da Emirates. Melhor do que isso deve ser só a primeira classe, mas quem sabe um dia.

  • Responder maio 31, 2017

    João Paulo Matsumoto

    Oi Fabricio, como vai? Então agora se eu for do Brasil a Dubai, será nesse avião? Mas não era um mais simples? A Emirates trocou a aeronave? Eu devo ir em agosto para Dubai a trabalho, estava considerando a Qatar pois o voo direto é um pouco mais caro, mas sendo assim, a coisa muda um pouco. O que você me recomenda?

    • mm
      Responder maio 31, 2017

      Fabricio Moura

      Oi João, tudo bem? Sim, desde março a Emirates está operando com o A380 de São Paulo (GRU) a Dubai (DBX), antes era um Boeing 777, eu voei nele no ano passado, é uma diferença gigantesca de uma aeronave para a outra e nem me refiro ao tamanho colossal do A380. Mesmo sendo mais cara, vale a pena ir com a Emirates.

  • Responder maio 31, 2017

    Mariana Amaud

    Uau, que demais. Você já fez esse voo na econômica, queria saber como é, pois nas férias em outubro quero ir para a Tailândia com meu noivo.

    • mm
      Responder maio 31, 2017

      Fabricio Moura

      Ainda não, eu fiz no ano passado o voo de SP x Dubai no Boeing 777, mas a experiência no A380 é completamente diferente.

  • Responder maio 31, 2017

    Ana Claudia Sarmiento

    O preço é salgado, mas se você colocar na balança tudo que é oferecido, a gente paga pela experiência. Tem que ver a viagem como um item a mais das suas férias e não como um transporte do ponto A ao ponto B.

    • mm
      Responder maio 31, 2017

      Fabricio Moura

      Exatamente, Ana. A gente paga pela experiência.

  • Responder junho 7, 2017

    Victor Brandão

    Olá Fabricio, tem algum post sobre sala de embarque em Dubai. Li que voce iria fazer um post disso mas nao achei.

    • mm
      Responder junho 9, 2017

      Fabricio Moura

      Oi Victor, tá la lista aqui, de Dubai e Doha. Ambos saem esse mês.

Deixe uma resposta