O Despertar dos Monges em Luang Prabang no Laos (ronda das almas)

Despertar dos Monges

A Ásia é o lugar onde eu mais tive experiências únicas e extraordinárias, talvez por ser tudo tão diferente para nós, ocidentais, a região revela uma surpresa por dia. Mas existem experiências que marcam, a religiosidade da Tailândia, o dia amanhecendo em Angkor Wat no Camboja, os milhares de templos de Bagan em Mianmar… a lista é longa, mas hoje um novo momento inesquecível entrou para a minha lista, o Despertar dos Monges em Luang Prabang no Laos.

Luang Prabang é uma das cidades mais antigas do Laos, já foi a capital do país e talvez por sua importância, ela reúna a maior parte dos templos e monastérios do país, por conta disso, são centenas de monges de todas as idades pelas ruas diariamente.

O Despertar dos Monges

O Despertar dos Monges

O Despertar dos Monges

O Despertar dos Monges

Mas o que torna esse lugar ainda mais especial, é o ritual do Despertar dos Monges, quando centenas deles saem dos templos às 5h da manhã para recolher doações pelas ruas da cidade.

Eu acordei na hora, a rua por onde os monges passam fica pertinho do meu hotel, de modo que eu precisei caminhar somente umas duas quadras, meio sonolento e esfregando os olhos, cheguei na Sakkaline Road, a rua principal por onde eles passam. Não demorou para o primeiro grupo aparecer.

Um dos maiores exemplos de humildade que eu já vi

Um dos maiores exemplos de humildade que eu já vi

O ritual é lindo

O ritual é lindo

A cerimônia é linda, em silêncio eles chegam em fila, de cabeça baixa e em silêncio. Os moradores e alguns visitantes os aguardam pelas ruas limpas – algo bem comum em Luang Prabang – com suas doações.

As pessoas doam comida – principalmente arroz – frutas, verduras e legumes. Eles recolhem em silêncio, em um sinal de respeito e extrema humildade. Já é uma tradição centenária e faz parte da rotina diária dos monges e dos moradores. Mas qualquer um pode trazer suas doações, basta trazer ou comprar na hora de algumas vendedoras idosas por 20mil Kips, menos de 8 reais.

Só em Luang Prabang para a gente ver esse ritual

Só em Luang Prabang para a gente ver esse ritual

Um dos ensinamentos mais bonitos do budismo é sobre compartilhar e o que torna esse momento ainda mais especial, é que os monges que acabaram de receber suas doações, também dividem com outras pessoas mais pobres. Basta lembrar que o Laos é um dos países mais pobres do mundo.

Dividindo com quem tem menos

Dividindo com quem tem menos

Por volta das 6h da manhã, eles retornam para seus respectivos templos com suas doações, e no dia seguinte e assim como em todos os outros, o ritual se repetirá.

Testemunhar o Despertar dos Monges é um momento lindo, mas que nos ensina muito sobre saber compartilhar o que temos com quem tem menos, saber valorizar as pequenas coisas da vida e levar uma vida simples. Passar por momentos assim me leva a esse tipo de reflexão. Quando viajar, tente ler o livro e não apenas folhear as páginas.


O Despertar dos Monges, como chegar


O ritual acontece diariamente em Luang Prabang no Laos das 5h às 6h da manhã, entre as ruas Sakkaline Road e Kounxoua. Acorde cedo, veja tudo e você não se arrependerá.

 

Postado em:
Luang Prabang, Laos – 12 de maio de 2017


Procurando hospedagem em Luang Prabang?


Olha a nossa lista de sugestões no Booking.com. Reservando um hotel pelo Booking, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso. Clique aqui.


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar