A Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?

Depois de fazer 3 voos em diferentes rotas, eu vou responder neste post se a Itapemirim é boa? Se vale a pena viajar com a Itapemirim? Onde eles acertaram e também onde eles erram feio.

***

A Itapemirim Transportes Aéreos realizou o seu primeiro voo oficial no dia 29 de junho, entretanto, se tratava de um voo apenas para convidados entre os aeroportos de Guarulhos em São Paulo e o aeroporto de Brasília.

As operações comerciais começaram para valer transportando passageiros pagantes no dia 01 de julho de 2021. Inclusive, eu fiz o voo inaugural de São Paulo para Salvador. Posteriormente eu fiz mais dois voos com a Ita, o que permitiu que eu fizesse uma ótima avaliação da companhia aérea para poder responder neste post se a Itapemirim é boa.

Mas primeiramente, vamos entender o que a empresa oferece e destacar os pontos positivos, os pontos negativos e fazer uma análise final.


O que a Itapemirim oferece aos passageiros?


A Itapemirim escolheu a família Airbus A320 para compor a sua frota. Todas as aeronaves pertenceram a outros operadores antes de chegarem na Ita. Contudo, eles foram revisados e pintados nas cores da empresa, além de mudanças internas.

E a proposta da empresa é ser diferente das concorrentes. Para começar, a Itapemirim oferece mais espaço dentro dos aviões. As poltronas dos antigos operadores foram mantidas, mas configuradas com 162 lugares no layout 3-3, que são 18 a menos que a capacidade máxima do A320. Com isso, o passageiro tem mais espaço para as pernas.

A Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?
Mais espaço para as pernas

As 7 primeiras fileiras são chamadas de ITA Class (ou Itapemirim Class) e tem 101 cm de espaço. Certamente é um legroom bem generoso. No total, são 42 lugares nesta configuração. As demais 120 poltronas possuem 79 cm de espaço, que também é bem generoso. E diferente das outras empresas, a Ita não cobra a marcação das poltronas.

A empresa também oferece o despacho de bagagem gratuito, até mesmo nas classes tarifárias mais baratas. Cada passageiro, na tarifa promocional, pode despachar uma mala de até 23 quilos + uma mala na cabine de até 10 quilos + um item pessoal que pode ser uma bolsa ou mochila. 

A Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?
Check-in em Guarulhos

E quando possível (por conta da pandemia), os passageiros também terão à disposição serviço de bordo diferenciado. Atualmente a Anvisa suspendeu o serviço de bordo em voos domésticos.

Por enquanto a empresa não oferece sistema de entretenimento, seja por telas individuais ou acessível via dispositivos mobile. Tão pouco não existe internet wi-fi a bordo. A revista da empresa estava disponível no balcão de check in nos voos inaugurais, depois ela desapareceu.


Pontos questionáveis


As aeronaves da Itapemirim vieram de diferentes operadores, na Espanha, Turquia, Índia, Tailândia e até da Indonésia. Como a empresa não comprou novas poltronas para equipar o interior das aeronaves, as poltronas dos antigos operadores foram mantidas e reconfiguradas para 162 lugares.

Com isso, não existe uma padronização de interiores. Tem avião onde as poltronas reclinam bem, outras reclinam menos. Tem avião em que as poltronas não reclinam, tem avião com portas USB e outros que não tem nada disso.

A Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?
Cabine

No primeiro voo que eu fiz, o avião tinha voado na IndiGo da Índia e tinha poltronas em tecido cinza. No segundo voo, a aeronave que voou na Turkish Airlines e tinha as poltronas pretas com detalhes em vermelho, no padrão da companhia aérea turca. Já o meu terceiro voo foi avião que voou na Vueling da Espanha – o primeiro a chegar na frota – e tinha as poltronas em couro sintético cinza.

Honestamente, para mim, o que importa é voar com segurança do ponto A ao ponto B e pagando pouco. A cor das poltronas pouco me interessa, mas eu sei que este pode ser um ponto sensível para algumas pessoas.


Pontos negativos da Itapemirim


O primeiro ponto negativo da Itapemirim são os constantes atrasos, cancelamentos de voos e mudanças de horários. Eu tive alguns voos cancelados e voos onde os horários foram alterados com uma grande diferença. Inclusive, estas notícias a respeito dos cancelamentos da Itapemirim foram amplamente veiculados na imprensa, o que causou bastante desconfiança nos clientes.

Eu faria o voo inaugural de São Paulo para o Rio programado para o dia 30 de junho. Meu voo foi cancelado e a passagem remarcada para 3 dias depois. Outro voo que eu faria e estava previsto para partir às 11h da manhã, posteriormente foi remarcado para às 17h e por fim, foi programado para decolar às 22h30. Quase 12 horas de diferença. E como fica a situação do passageiro que tem compromissos?

Em uma das ocasiões o call center da Itapemirim me ligou para remarcar a passagem e fui muito bem atendido. Mas nas ocasiões seguintes, eu descobri por acaso que o meu voo tinha sido cancelado ou que os horários haviam sofrido alterações.

Como pedido de desculpas, a Itapemirim enviou para alguns passageiros afetados uma carta em PDF assinada pelo diretor da empresa oferecendo uma passagem de ida e volta para qualquer destino da empresa. Atitude bem bacana, mas eu ainda não pedi a minha passagem de cortesia.

Um leitor do Vou na Janela me contou que comprou uma passagem do Rio de Janeiro para Porto Seguro na Bahia. Somente dentro do avião a tripulação avisou que o voo havia sofrido uma mudança de itinerário. O que antes seria um voo direto, virou um pinga-pinga com paradas em São Paulo e Salvador, antes de seguir para Porto Seguro.

E por que isso acontece?

A Itapemirim pretendia iniciar as suas operações com 10 aeronaves, mas os voos começaram com apenas 2 aviões. Até hoje (setembro de 2021) eles possuem apenas 5 aviões na frota. E como a empresa assumiu uma malha muito grande com poucos aviões, é bem explicável os constantes cancelamentos e atrasos.

A Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?
Airbus A320

Um exemplo foi este voo que o leitor do blog relatou, onde eles juntaram os passageiros de três voos, que seriam operados por três aeronaves em um único avião.

O segundo ponto sensível da Itapemirim é o site. A interface não é muito amigável e o site tem problemas funcionais. Com exceção da home, a sensação é de que estamos navegando em um site vulnerável e com interface que lembra muito os sites de antigamente.

Embora as funções básicas como pesquisa e compra de passagens funcionam bem, contudo, se você precisar cancelar uma passagem, remarcar ou fazer qualquer outra operação básica, pode esquecer. Estas funções não estão disponíveis e você terá que recorrer ao call center.


Enfim, a Itapemirim é boa? Vale a pena viajar com a Itapemirim?


A Itapemirim definitivamente tem uma boa proposta sim. Mas não adianta oferecer mais espaço para as pernas e despacho gratuito de bagagem e deixar o passageiro literalmente no chão.

Cancelar uma passagem e remarcar para 3 dias depois é inaceitável. Quando programamos uma viagem, existe todo um planejamento por trás. Nem sempre temos muitos dias disponíveis, às vezes temos reserva de hotel, aluguel de carros e passeios agendados e precisamos estar no destino naquele dia, entretanto, não 3 dias depois.

Neste momento, eu não me sinto muito confiante em comprar uma passagem com a Itapemirim, pois foram tantos cancelamentos e atrasos, que eu só acredito que irei voar, quando já estou dentro do avião.

Acredito que a medida que a empresa for recebendo mais aviões, estes problemas de cancelamentos e atrasos serão resolvidos. Apesar da imagem negativa que está ficando no ar.

Eu desejo toda sorte do mundo para a empresa, precisamos de mais concorrência no mercado, mas é preciso ter bases mais sólidas para alçar voos mais longos.

***

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.