O que fazer em Manaus no Amazonas: 10 atrações imperdíveis

coisas para fazer em Manaus

A capital do estado do Amazonas desponta como uma das cidades mais interessantes do Brasil. Uma metrópole pujante que abraça a floresta amazônica e banha seus pés em seus rios caudalosos. Manaus foi uma das cidades que mais me surpreendeu no Brasil. Descobri um centro histórico bem cuidado, assisti a um concerto no Teatro Amazonas, vi o encontro das águas e tive uma experiência única visitando uma tribo indígena. Aqui eu compartilho com vocês o que fazer em Manaus, separado em 10 atrações imperdíveis.

***

A origem do nome Manaus vem da tribo dos Manaós, que habitava a região banhada pelos rios Negro e Solimões antes da chegada dos europeus. E na real, não foram os portugueses os primeiros estrangeiros a chegar ao Amazonas, mas os espanhóis liderados por Francisco de Orellana em 1542. Mas a cidade só foi fundada mesmo em 1669 com a construção de uma fortificação portuguesa.

Durante o chamado Ciclo da Borracha a cidade viveu seu apogeu, chegando a ser chamada de “Paris dos Trópicos”, época em que o imponente Teatro Amazonas foi construído. Por essas e tantas outras histórias bem guardadas no coração da Amazônia, Manaus se revela uma das cidades mais interessantes do Brasil.

Leia mais:
6 coisas que você precisa saber antes de visitar Manaus
As cores de Manaus: da influência francesa aos azulejos portugueses


O que fazer em Manaus


  • Conhecer o centro histórico
  • Visitar o Teatro Amazonas e assistir um concerto
  • Encontro das águas dos Rios Negro e Solimões
  • Visitar uma tribo indígena
  • Conhecer uma comunidade ribeirinha
  • Praia da Ponta Negra
  • Fazer um cruzeiro pelos afluentes do Rio Negro
  • Visitar o MUSA, o Museu da Amazônia
  • Conhecer a Praia Dourada
  • Visitar o Mercado Municipal Adolpho Lisboa

Conhecer o centro histórico de Manaus

A grande herança deixada pelo Ciclo da Borracha está bem guardada no centro histórico de Manaus. O Largo de São Sebastião bem em frente ao Teatro Amazonas é o epicentro dessa época. Ali ficam os casarões mais bonitos do século XIX, com sua arquitetura preservada de influências francesas e azulejos portugueses por todos os lados.

coisas para fazer em Manaus
Centro histórico

Essa região foi a primeira de Manaus a receber energia elétrica e a ter bondes tipicamente portugueses circulando pelas ruas.

O Centro Histórico de Manaus também é um ótimo lugar para comer, em vários dos casarões funcionam restaurantes que servem pratos maravilhosos. Como o Tambaqui de Banda onde eu comi 2 vezes, o Tacacá da Gisela e claro, os sorvetes exóticos da Sorveteria Glacial.

coisas para fazer em Manaus
Casas simples de cores alegres

Visitar o Teatro Amazonas e assistir um concerto

Certamente Visitar o Teatro Amazonas e ter a oportunidade de assistir um concerto será uma das experiências mais bacanas que você terá em Manaus.

Inaugurado em 1886, quando o Manaus vivia o auge do Ciclo da Borracha, se tornando uma das cidades mais prósperas do Brasil. O projeto arquitetônico do Teatro Amazonas ficou a cargo do Gabinete Português de Engenharia e Architetura de Lisboa. Apesar do “dedo” português no projeto, as influências francesas estão por todos os lados, como a cúpula do prédio, copiada dos clássicos edifícios parisienses. Por conta dessa influência francesa, a cúpula tem as cores da bandeira do Brasil e da França desde a sua inauguração.

coisas para fazer em Manaus
Teatro Amazonas

O teatro tem 691 lugares, com uma platéia no centro da arena e três andares de camarotes. Na época da inauguração, quanto mais alto se sentava, mais alta era a posição na sociedade. Hoje as posições se inverteram e os ingressos mais baratos são os dos últimos andares.

Eu já mostrei aqui no blog como é a visita guiada e como assistir um concerto no Teatro Amazonas. E o melhor, é bem baratinho. Recomendo a leitura.

Teatro Amazonas coisas para fazer em Manaus
Teatro Amazonas

Encontro das águas dos Rios Negro e Solimões

O encontro das águas é um dos passeios mais populares que você pode fazer em Manaus. É o marco onde os Rios Negros e Solimões se encontram para formar o Rio Amazonas.

O Rio Solimões tem a água mais barrenta e vem lá do Peru, enquanto o Rio Negro tem a água mais escura. O ponto de encontro deles é muito nítido, pois as águas dos dois rios não se misturam e seguem assim por 6 quilômetros.

A razão deles não se misturarem é a diferença entre as águas, como o pH, temperatura, velocidade e composição. O guia nos explicou que o Rio Negro tem o pH da água mais ácida. A razão é a grande quantidade de substâncias orgânicas decompostas que escorrem para o rio, deixando as águas do Rio Negro mais ácida e escura. Curiosamente, essa característica também ajuda a reduzir a proliferação de mosquitos.

Veja aqui o post onde eu mostro como é esse passeio em Manaus

coisas para fazer em Manaus
Encontro das águas

Visitar uma tribo indígena

A visita a aldeia Tupé das etnias Desanos e Tucanos é um dos passeios mais comuns para quem visita Manaus. Distante 25 quilômetros de Manaus, a aldeia fica na Reserva São João do Tupé, uma das maiores áreas de selva preservadas do Amazonas ao longo do Rio Negro.

Os Desanos estão entre as tribos que foram massacradas pelos exploradores portugueses nos séculos que sucederam a chegada dos europeus a partir de 1500. E apesar de ser algo para turista ver, essa aldeia tem a responsabilidade de preservar e manter as tradições ancestrais dos Desanos.

aldeia indígena coisas para fazer em Manaus
Visitar uma tribo indígena

A aldeia não possui energia elétrica, água encanada e tão pouco rede de esgoto. Eles vivem em pequenas ocas e dormem em redes espalhadas por uma área atrás da grande oca.  Durante a visita é feita uma pequena demonstração dos rituais típicos. Os índios dançaram, tocaram instrumentos e no fim nos convidaram para a cerimônia. 

Leia o post completo sobre a visita

coisas para fazer em Manaus
Desanos e Tucanos

Conhecer uma comunidade ribeirinha

Este não é um passeio turístico, é mais uma experiência que podemos ter no Amazonas. Conhecer uma comunidade ribeirinha, isolada do mundo, com um modo de viver diferente de tudo o que estamos acostumados, mostra o quanto vivemos em um país de contrastes.

Janauary é uma dessas pequenas vilas que como ela existem centenas na beira dos rios da amazônia. Não tem ruas ou calçadas, sem energia elétrica, esgoto ou água encanada. Farmácia ou serviços médicos não existem. Uma vez por mês o barco médico passa pela comunidade. 

Veja o post completo sobre a experiência e como fazer a visita

Coisas para fazer em Manaus
Comunidade ribeirinha

Praia da Ponta Negra

A Praia da Ponta Negra é a mais famosa de Manaus, uma belíssima praia fluvial no Rio Negro localizado no bairro mais rico da cidade. Há pouco tempo, toda a região da orla da  praia passou por um processo de revitalização e tudo ficou bem bonito por lá.

A região fica distante aproximadamente 40 minutos de carro ou 1 hora de ônibus do centro histórico de Manaus. Por isso, se você quer aproveitar bem essa região, seria bacana se hospedar lá. Um hotel que eu recomendo de olhos fechados o Tropical Executive Hotel, os quartos são grandes e super confortáveis, a piscina e vista do Rio Negro são de tirar o fôlego. Além do Tropical Executive na mesma região com excelente custo benefício.


Fazer um cruzeiro pelos afluentes do Rio Negro

Existe um cruzeiro que pode ser feito pelo Rio Negro, a viagem é realizada pelo barco Iberostar Grand Amazon. É uma viagem de alguns dias e requer planejamento. Entretanto, um passeio muito bacana que eu fiz foi em um barco menor, pelos afluentes do Rio Negro.

O barco faz paradas ao longo do caminho, em pequenas vilas, em meio a braços de rio e lagos repletos de Vitórias Régias. Manadas de macacos nas árvores e o verde exuberante da Amazônia dão o tom. Definitivamente uma experiência bem bacana para ter no Amazonas.

Coisas para fazer em Manaus
Cruzeiro pelos afluentes do Rio Negro

Visitar o MUSA, o Museu da Amazônia

O MUSA foi criado em 2009, dentro de uma área de mata da Reserva Florestal Adolpho Ducke, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, distante cerca de 1 hora de Manaus.

No MUSA você não encontrará obras de artes famosas, sua maior riqueza é a floresta e todo o conhecimento que é retirado dela. No MUSA a gente pode fazer uma imersão na Floresta Amazônica e aprender com as pesquisas que são realizadas na região há mais de 60 anos. Percorrer trilhas no meio da mata, avistar a imensidão da floresta do alto de uma torre de 42 metros. 

Coisas para fazer em Manaus
Vitória Régia

Praia Dourada

Outra boa opção de praia nos arredores de Manaus, a Praia Dourada é pequena, de águas escuras, porém limpas e mornas. A praia fica no Igarapé do Tarumã-Açu, ligado ao Rio Nego e a cerca de 1h30 do centro de Manaus. Apesar da distância, é um lugar bacana para dar uma fugidinha de Manaus e curtir uma praia, se você achou a Praia de Ponta Negra muito cheia.


Visitar o Mercado Municipal Adolpho Lisboa

O Mercado Municipal Adolpho Lisboa, ou simplesmente Mercadão de Manaus, é mais uma das joias deixadas de herança pelo Ciclo da Borracha. Inaugurado em 1883 nas margens do Rio Negro, o edifício teve sua arquiterura inspirada no antigo mercado de Le Halle de Paris e toda a estrutura de ferro foi projetada por Gustave Eiffel, o mesmo que projetou a Torre Eiffel.

Por mais de 137 anos o Mercadão segue sendo um importante ponto comercial e de distribuição para a cidade de Manaus. A visita é bacana para comer algumas das comidas mais típicas do Amazonas e também para comprar lembrancinhas e artesanato local.

***


Como na maioria das cidades brasileiras, Manaus não tem rede de metrô ou trens, por conta disso, um hotel de boa localização é fundamental para quem pretende visitar a capital do Amazonas. E existem duas regiões muito procuradas em Manaus, o centro histórico e a Ponta Negra

Falando do centro, que foi onde eu fiquei, Hotel Villa Amazônia bem no centro da cidade. O hotel tem uma localização mais do que excelente, ele está a apenas 2 minutos da Praça São Sebastião, coração do centro histórico da cidade com seus belíssimos casarões conservados e o magnífico Teatro Amazonas.

Outro hotel bom e barato nessa região é o Hotel Saint Paul, que fica muito perto do Teatro Amazonas. Pertinho dele ficam os ótimos Seringal Hotel e o Aldeia Hostel, para quem quer economizar.

Já em Ponta Negra eu recomendo de olhos fechados o Tropical Executive Hotel, os quartos são grandes e super confortáveis, a piscina e vista do Rio Negro são de tirar o fôlego. Além do Tropical Executive na mesma região.

Ponta Negra é uma região muito bacana, a desvantagem de ficar lá é a distância para o centro histórico.


Teatro Amazonas: uma viagem ao Brasil do ciclo da borracha
As cores de Manaus
Como é a vida dos ribeirinhos
Como é a visita a uma aldeia indígena
5 coisas que você precisa saber antes de visitar Manaus










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.

Compartilhe este post:
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.