Chip de celular da Coréia do Sul: qual operadora usar

Chip de celular da Coréia do Sul

Assim que eu pousei em Seul e me livrei de todos aqueles procedimentos chatos de imigração, restituição de bagagem e alfândega (que vocês podem ler aqui), eu tratei de providenciar um chip de celular da Coréia do Sul.

Eu tinha pesquisado anteriormente sobre qual seria a melhor operadora da Coréia do Sul, mas não achei muita informação. Sabendo que o país tem a melhor conexão de internet do mundo, acho que não teria muito erro.


Chip de celular na Coréia do Sul


Logo no desembarque do Aeroporto Incheon em Seul eu vi alguns balcões de vendas de chip de operadoras sul coreanas. Dei uma rápida olhada nos preços e o que cada uma ofereciam. Achei que a SK Telecom oferecia o melhor custo benefício.

Comprei um chip para 5 dias, que custou 27.500 Wons (5.000 Wons por dia + 2.500 Wons de custo do chip) somente para dados. Convertendo para reais deu uns 90 reais para 5 dias de uso, achei bem caro, especialmente por ter chegado da Tailândia onde a internet é excelente e muito barata. Mas não custa lembrar que Seul é uma das cidades mais caras do mundo e simplesmente não dava para ficar sem internet em Seul.

Chip de celular na Coréia do Sul

Para usar o chip de celular da Coréia do Sul é muito simples, basta colocar no celular (no meu caso, um iPhone) e reiniciar o aparelho. Quando ele ligar, já vai estar funcionando na rede da SK Telecom, não precisa fazer nenhuma configuração.

Este plano da SK Telecom é ilimitado e funciona da seguinte forma: 1GB por dia de dados na velocidade 4G ou 3G. Caso você consuma esse 1GB, a velocidade cai e se mantém em 5Mbps até a meia noite, quando o sistema renova a franquia de 1GB e passa a funcionar novamente na rede 4G ou 3G automaticamente.

Chip de celular na Coréia do Sul

Eu achei a internet na Coréia do Sul ótima, realmente a qualidade de dados é superior, o único problema é que a bateria do celular acabava muito rápido. Eu saía do hotel com 100% de carga e após fazer uns 10 stories no Instagram do Vou na Janela eu já estava com 60% de bateria. Não dá para ficar sem um power-bank na mochila e todo mundo leva o seu.

Falando nisso, se você estiver passando pela Ásia ou em lugares em que existam lojas da Miniso e que vendem eletrônicos, pois nem todas vendem, vale comprar um power-bank deles. Custa pouco e rende mais de 2 cargas no iPhone e ele transfere a carga muito rápido. Eu comprei o meu de 5.000 amperes na Tailândia e paguei pouco mais de 30 reais.

Imagem de capa: Unplash

***


Confira o nosso post com todas as dicas de hospedagem em Seul. O Vou na Janela é parceiro do Booking.com e reservando um hotel aqui, você ajuda a manter o blog e não paga nada a mais por isso. =)

Eu fiquei no Loisir Hotel Seoul Myeongdong, era perto de tudo e tinha um quarto com tamanho bom para os padrões locais. Além de ser tudo bem confortável, com uma ótima cama, ar condicionado e aquecedor. Achei bacana que o piso era aquecido, o que foi sensacional pois fazia -9 graus quando eu estive em Seul.

Um amigo meu estava no Hotel MIDO Myeongdong, um hotel menor mas com uma localização perfeita. Eu fui no MIDO e achei o hotel limpo, bem organizado e o dono era muito simpático.

Em Gangnam e recomendo o Hotel La Casa, que como diz o nome, tem um conceito de casa. Um ambiente menos impessoal, menos com cara de hotel, tudo lindo.

Outra região muito procurada é Mapo-Gu, é a área com mais hotéis em Seul e não fica distante dos principais palácios da cidade, também pode ser uma boa opção de hospedagem. Veja a lista de hotéis em Mapo-Gu aqui

Por fim, Itaewon é uma das áreas mais bacanas de Seul, talvez o bairro mais “internacional” da cidade, pela enorme quantidade de bares e restaurantes de culinária mundial. Bateu uma saudade da comida brasileira? Lá você encontra. Veja a lista de hotéis em Itaewon aqui


Dicas gerais para visitar a Coréia do Sul
Chegando em Seul: visto, imigração e transporte
Veja aqui como obter o visto para mais de 90 dias
Onde ficar em Seul, dicas de hospedagem
Como usar o metrô de Seul
Dica de chip de celular na Coréia do Sul


O que fazer em Seul
Como visitar os palácios reais de Seul
Como visitar a fronteira entre as Coréias










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

3 Comentários

  • Responder janeiro 12, 2019

    Caio

    Olá Fabricio
    Obrigado pelo texto, veio bem a calhar pois daqui a dois meses estou indo para Coreia e estou nessa pesquisa para não ficar sem internet durante a viagem.

    Mas estou entre mil dúvidas, pois da Coreia vou para o Japão, e tenho medo de sair tudo mais caro, pq terei que adquirir outro chip lá, alem da burocracia.
    Me recomendaram a EasySim4U que tem plano q cobre esses dois países, sem trocar de chip, mas vi tanta gente reclamando deles que agr fiquei com um pé atrás.

    Agora estou buscando alternativas, mas tá dificil rs

    • mm
      Responder janeiro 12, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Caio, tudo bem? Cara, EasySIM4U é a maior furada da vida! Eles eram parceiros do blog, eu cancelei a parceria pois não funcionava. Eu testei na Europa inteira e na Ásia, a velocidade era de internet discada, para postar uma foto no Instagram era um sufoco, demorava uns 10 minutos para subir. O único lugar que funciona bem é no México e EUA, pq o chip deles é da T-Mobile, no resto do mundo é um lixo. Tem blog que fala bem pq ganha comissão com a venda do chip. Enfim, não recomendo mesmo. Ah, fica de olho aqui no bloq pois eu estou postando todos os dias novos conteúdos sobre Seul.

      • Responder janeiro 21, 2019

        Caio

        Oi Fabricio, tudo beleza e contigo? Cara, muito obrigado pela resposta esclarecedora e honesta, agr sim risquei de vez a EasySIM4U da minha lista de opções. Estou pensando em pegar o chip adesivo da FlexiRoam que inclusive tem pacote de dados especifico para Japão/Coreia, mas ainda to pesquisando.
        Quanto ao contéudo, com certeza ficarei de olho, inclusive já até favoritei aqui, pois vai ajudar pra caramba na elaboração do meu roteiro, muito obrigado!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.