Laguna de Humantay: como é o passeio saindo de Cusco, Peru

Laguna de Humantay

A Laguna de Humantay é um daqueles lugares que quando vemos as imagens ficamos sem acreditar que tudo aquilo fica no Peru. Parece mais um daqueles cenários noruegueses, no meio dos fiordes e bem distante da gente. Mas sim, a Laguna de Humantay fica no meio dos Andes peruanos e eu vou contar um pouco dessa experiência para vocês.

***

Depois de sofrer com a altitude peruana durante a visita às Montanhas Palcoyo, onde chegamos aos inacreditáveis 5 mil metros acima do nível do mar, eu achava que visitar a Laguna de Humantay seria mamão com açúcar. Mas eu estava infinitamente enganado.

Falando um pouco sobre a laguna, ela fica distante cerca de 130 km do centro de Cusco, entre a Montanha Salkantay e a Montanha Humantay a uma altitude superior a 4 mil metros. E justamente por ser mais baixa que as Montanhas Palcoyo, eu achei que seria mais tranquilo ou pelo menos sofrido visitar a Laguna de Humantay.

Leia mais:
Montanhas Palcoyo (nova Rainbow Mountain)
Como visitar a Laguna de Humantay
Veja aqui o passo a passo para visitar Machu Picchu
Regras para visitar o Peru em 2022
Onde se hospedar em Cusco e Machu Picchu
Como funciona o trem de Cusco a Machu Picchu

Vídeos:
Confiram os vídeos do Peru no nosso canal no YouTube

Laguna de Humantay
Um dos cenários mais lindos do Peru

Como fazer o passeio da Laguna de Humantay


Dá pra fazer por conta própria alugando um carro, mas como estamos falando de trechos de estrada de terra bem perigosos no meio dos Andes, recomendo contratar um passeio. O preço varia bastante de acordo com o que as agências oferecem. Mas você pode reservar o seu passeio com toda comodidade aqui.

O passeio que eu reservei inclui café da manhã e almoço, já a entrada no parque onde fica a laguna é cobrado a parte e custa 20 soles para estrangeiros e 10 soles para peruanos. E o pagamento é apenas em dinheiro. A van passou no nosso hotel por volta das 4h da manhã e chegamos de volta ao hotel depois das 18h. 

Laguna de Humantay
Estradinha montanha acima

O primeiro trecho da viagem leva cerca de 2 horas até o vilarejo de Mollepata, onde fazemos o pagamento da entrada e tomamos o café da manhã. Inclusive, é neste mesmo lugar que almoçamos na volta do passeio.

Depois são mais 1h30 de estrada montanha acima, naquelas estradinhas bem perigosas no meio do abismo até chegar ao pé da Montanha de Humantay.


Como é a visita a Laguna de Humantay


Ao chegar na base da montanha existe a opção de subir de cavalo, obviamente com um guia acompanhando. O custo é de 100 soles. Eu optei por fazer da maneira tradicional, ou seja, botando as pernocas para trabalhar montanha acima.

Laguna de Humantay
Parte plana da trilha antes da subida

O primeiro trecho da trilha é de 1 km em um caminho mais plano e sem sofrimentos. Já a subida é de 3 km em um ângulo de 45 graus. Quando chegamos ao pé da montanha e vemos aquela fila íngreme montanha acima, entendemos porque muita gente opta por subir de cavalo. Neste momento eu só queria um teleférico, mas depois a gente entende que todo o sofrimento faz parte da experiência.

Laguna de Humantay
Subida em 45 graus

O guia recomenda subir devagar, passo a passo e controlando a respiração. Devagar e sempre, sabe? Mas a verdade é que com a trilha naquela inclinação e acima dos 4 mil metros, o soroche (o mal da altitude) pega pesado. A falta de ar é constante, algumas pessoas sentem fortes dores de cabeça, náuseas e tontura. Definitivamente, visitar a Laguna de Humantay não é para todo mundo.

Eu levei umas 2 horas para percorrer os 3 km da base da montanha até a Laguna. Confesso que em alguns momentos pensei até em desistir, mas subir de cavalo, jamais! 

Mas eis que finalmente chegamos ao topo da montanha, onde a Laguna de Humantay fica escondida e aí entendemos que todo o esforço valeu muito a pena.


Sim, é lindo demais!

A laguna é formada pelo degelo do glaciar localizado logo acima dela. E a medida que essa água vem descendo desde o topo da montanha, vem absorvendo minerais que junto dos minerais que já estão no fundo da laguna, dão a ela essa cor característica que varia do azul turquesa ao esmeralda.

Laguna de Humantay
Laguna de Humantay

De acordo com a temperatura e o nível de água, as cores podem mudar, fazendo com que cada visita a Laguna de Humantay seja única.

E depois de tanto sofrimento para chegar neste lugar realmente único, a gente só quer saber de descansar, respirar o ar puro e contemplar este verdadeiro espetáculo.

Laguna de Humantay
E as fotos ficam incríveis
Laguna de Humantay
Certamente é um dos lugares mais bonitos dessa região do Peru

Dicas para visitar a Laguna de Humantay 

  • Contrate uma agência para fazer o passeio. Ter a assistência de um guia faz toda diferença. Você pode reservar o seu passeio com toda comodidade aqui.
  • Use roupas confortáveis e quentes, faz bastante frio lá em cima em qualquer época do ano. Use calçados adequados, nada de chinelos ou sandálias.
  • Leve água e algo para comer. Balinhas de folhas de coca ajudam a combater o mal da altitude.
  • Não esqueça o filtro solar, tanto o sol quanto o vento gelado queimam a pele.
  • Respeite os limites do seu corpo, se perceber que não dá mais, pare e peça ajuda. Se você tiver um smartwatch, fique atento aos batimentos cardíacos e a sua oxigenação. A minha chegou a 67% e os batimentos em mais de 180 por minuto.
  • Tenha muito cuidado na trilha, os tombos são praticamente inevitáveis.

***










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.