Regras para visitar o Peru em 2022 + imigração peruana

Regras para visitar o Peru

Recentemente eu estive visitando Cusco e Machu Picchu no Peru e se você está planejando uma viagem ao nosso país vizinho e está em dúvidas sobre quais são as regras para visitar o Peru, este post foi feito para você.

***

O Peru está aberto para visitantes brasileiros desde setembro de 2021, entretanto existem algumas regras para poder viajar para o país. Neste post, eu explico as regras e também falo como foi passar pela imigração em Lima.

Leia mais:
Montanhas Palcoyo (nova Rainbow Mountain)
Como visitar a Laguna de Humantay
Veja aqui o passo a passo para visitar Machu Picchu
Regras para visitar o Peru em 2022
Onde se hospedar em Cusco e Machu Picchu
Como funciona o trem de Cusco a Machu Picchu


Regras para visitar o Peru


O país está recebendo visitantes vacinados e também não vacinados. Porém, os não vacinados precisam apresentar um exame do tipo RT-PCR ou de antígeno negativo feito até 48 horas antes do embarque.

Quem está vacinado não precisa apresentar o exame. Quem tem menos de 40 anos basta ter as duas doses de qualquer vacina aplicada no Brasil ou a dose única. E para quem tem mais de 40 anos é preciso ter a dose de reforço. O Certificado de Vacinação do ConectSUS (em inglês ou espanhol) é aceito no Peru. 

Também é necessário preencher a declaração de saúde do Governo Peruano (Declaración Jurada de Salud y Autorización de Geolocalización) em até 72 horas antes do embarque. 

Dica: leve tanto o seu certificado do Conecte SUS quanto a declaração impressos.


Embarque no Brasil

Eu voei para o Peru com a Latam e a empresa está oferecendo um serviço de pré-checagem de documentos via Whatsapp. O serviço facilita demais a nossa vida pois a gente já recebe pelo telefone um selo que deve ser apresentado no embarque.

Caso você não esteja voando com a Latam ou não tenha o selo, é preciso fazer a conferência de documentos no check in ou em um balcão ao lado do portão de embarque, antes de entrar no avião.

Durante todo o voo é obrigatório o uso de máscaras do tipo N95 ou duas máscaras cirúrgicas por regra do governo peruano. Inclusive, tanto nos aeroportos do Peru, como nos voos domésticos, o uso da N95 ou de duas máscaras cirúrgicas é obrigatório.


Imigração em Lima

Regras para visitar o Peru
Aeroporto de Lima

Chegando na imigração, antes de entrar na fila um funcionário já pede para ver o passaporte, o Certificado de Vacinação do ConectSUS e a Declaração de Saúde do Governo Peruano, tudo isso impresso. 

Depois eu segui para a imigração onde pediram para ver todos os documentos novamente, além das perguntas de praxe: quanto tempo ia ficar no Peru, motivo da viagem, onde ficaria hospedado, etc.

O passaporte não é carimbado e nenhum comprovante da nossa entrada no país é emitido. Assim como em alguns países, o processo no Peru é digital e sem carimbos.


Volta para o Brasil

No retorno ao Brasil eu fiz novamente a pré-checagem de documentos pelo Whatsapp e só mostrei o selo de autorização ao pessoal da Latam no portão de embarque. Recentemente a Anvisa deixou de exigir o exame Antígeno ou RT-PCR para entrar no Brasil para vacinados. Chegando em São Paulo, é conferido o passaporte e o Certificado de Vacinação do ConectSUS antes da gente seguir para a imigração.











Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.