Quem visita a cidade de Cusco no Peru, vai para conhecer a cidade sagrada de Machu Picchu, porém, a cidade oferece uma grande variedade de atrações culturais e também de beleza natural. E um dos lugares mais procurados pelos visitantes é a Rainbow Mountain, a montanha colorida do Peru.

***

A Rainbow Mountain também é conhecida como “Montanha das 7 Cores” ou a “montanha colorida do Peru”. Entretanto, o seu nome oficial é Vinicunca (Montaña Winikunka) e oficialmente são 14 cores. O que explica a coloração destas montanhas é uma combinação de diferentes solos e a reação de minerais presentes na terra. As cores variam entre o branco, vermelho, rosa, lilás, verde, lavanda, turquesa, mostarda e marrom.

Rainbow Mountain
A montanha colorida do Peru

Por estar sempre coberta de neve, até 2013 a montanha era desconhecida. Como o aquecimento global, muitas montanhas nos Andes começaram a derreter e foi aí que a Rainbow Mountain foi descoberta. A beleza dela nadou no crescimento do Instagram, pois era considerada “instagramável”.

Essa palavra surgiu com o crescimento da rede de fotos e que hoje está mais para plataforma de vídeos. O termo significa “o que fica bem no Instagram”, ou algo assim. E os influenciadores em busca de imagens do tipo, descobriram que a montanha colorida do Peru era puro ouro para os seus feeds.

Rainbow Mountain
Muitos vão em busca da melhor foto

E foi aí que imagens, como as que ilustram este artigo caíram na rede e cada vez mais e mais pessoas que visitam Cusco, colocam o passeio até a Rainbow Mountain nos seus roteiros.

Para organizar a sua viagem ao Peru, eu vou deixar abaixo alguns posts úteis:

Montanhas Palcoyo (nova Rainbow Mountain)
Como visitar a Laguna de Humantay
Veja aqui o passo a passo para visitar Machu Picchu
Onde se hospedar em Cusco e Machu Picchu
Como funciona o trem de Cusco a Machu Picchu


Como visitar a Rainbow Mountain, a montanha colorida do Peru


Primeiramente, é preciso entender que a Rainbow Mountain fica dentro de uma área indígena que é protegida e o acesso é controlado. Dessa forma, não é possível visitar a montanha por conta própria. É preciso contratar um passeio com guia.

Inclusive, é comum os indígenas que controlam a região terem desavenças com as agências de turismo que organizam os passeios por conta dos lucros com a visitação. Um negócio bem lucrativo no Peru. E por consequência, em 2022 quando eu estive no Peru pela primeira vez, a montanha estava fechada justamente por causa dessas brigas.

Como alternativa, eu fui conhecer as Montanhas Palcoyo, que também são coloridas e foi uma experiência incrível. Recomendo ler o artigo que escrevi sobre a visita às Montanhas Palcoyo e também o vídeo que eu gravei no lugar.

Sobre a visita a Rainbow Mountain, recomendo reservar o seu passeio com antecedência pela Get Your Guide, que são super organizados e confiáveis. Não deixe para reservar em cima da hora pois são passeios que se esgotam rápido. Nas agências locais em Cusco o passeio é vendido facilmente, mas os preços nem sempre são os mais interessantes.

Powered by GetYourGuide

Como é a visita

Os passeios duram o dia inteiro, pois a viagem até a Rainbow Mountain é longa. A montanha fica distante 140 km de Cusco e a viagem é feita em duas etapas. Primeiro um trecho de 3 horas de van até o estacionamento mais próximo da Vinicunca e depois uma caminhada de 2 km.

O tour sai por volta das 4h da manhã de Cusco e duas horas depois a van faz uma parada para o café da manhã. É importante se alimentar bem, mas sem exageros pois é comum sentir enjoos com a altitude. A região de Cusco está acima dos 3 mil metros de altitude em relação ao nível do mar. Mas a Rainbow Mountain está bem mais alta que isso, acima dos 5 mil metros.

Estrada até a montanha

Do estacionamento até a Rainbow Mountain é preciso fazer uma caminhada de 2 horas em média, o tempo de caminhada vai depender de cada um. Algumas pessoas sofrem mais que as outras. É comum sentir muita falta de ar, dor de cabeça, náuseas e tontura por conta do ar rarefeito.

O que nem todo mundo diz, é que essa caminhada é de puro sofrimento, ou seja, é comum muita gente desistir do passeio por conta do Soroche, o mal da montanha. O trecho final é o pior de todos, com a subida até o ponto de observação da Rainbow Mountain a 5.200 metros de altitude. 

Por fim, a chegada ao topo é de puro encantamento. Sobretudo em dias de tempo aberto e céu azul, o que deixa a montanha colorida do Peru ainda mais bonita.

Rainbow Mountain
Se o tempo estiver nublado, não desanime, o tempo muda muito rápido lá em cima

O tempo de permanência na Rainbow Mountain

O tempo de visita à Rainbow Mountain é bem curto, apenas 30 minutos. Mesmo depois de tanto sacrifício, a visita é curtíssima em razão da longa viagem de volta até Cusco.

Neste tempo, você terá que disputar o espaço com dezenas de pessoas tentando fazer a foto mais instagramável para as suas redes. Muitos vão apenas para fazer belas fotos e esquecem de contemplar um dos lugares mais belos e interessantes da América do Sul.

Rainbow Mountain
Observe abaixo a fila para as fotos
O tempo muda em questão de minutos, mas é sempre muito lindo

Visitar a Rainbow Mountain de quadriciclo

Recentemente uma nova forma de visitar a Rainbow Mountain sem sofrimento foi lançada, o tour com quadriciclos. É mais caro, não é nada sustentável e também não é muito seguro, mas se você tem um pouco de habilidade nestes veículos, é uma opção. Você pode reservar este passeio aqui.


Dicas para visitar


  • Use roupas confortáveis e quentes, faz bastante frio lá em cima em qualquer época do ano. Use calçados adequados, nada de chinelos ou sandálias.
  • Leve água e algo para comer. Balinhas de folhas de coca ajudam a combater o mal da altitude.
  • Não esqueça o filtro solar e protetor labial, tanto o sol quanto o vento gelado queimam a pele.
  • Respeite os limites do seu corpo, se perceber que não dá mais, pare e peça ajuda. Se você tiver um smartwatch, fique atento aos batimentos cardíacos e a sua oxigenação. A minha chegou a 67% e os batimentos em mais de 180 por minuto.
  • Tenha muito cuidado na trilha final, que é mais íngreme. Os tombos são praticamente inevitáveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.