Os bazares de Istambul e um mergulho na cultura turca

bazares de Istambul

Existem coisas que você só consegue fazer na Turquia: um autêntico banho turco, navegar pelo Bósforo ou mergulhar nos bazares de Istambul. Na Turquia, os mercados populares são conhecidos como bazar, e os de Istambul são os mais famosos do país.

Conhecer os bazares de Istambul é uma excelente maneira de mergulhar na cultura turca, além de poder levar para casa alguns itens que a gente só encontra lá.

Istambul tem dois grandes bazares, o Grand Bazaar, que fica na região da central da cidade, perto da Mesquita Azul e o Bazar de Especiarias, também conhecido como Bazar Egípcio que fica perto da Ponte Gálata.

Uma das entradas do Grand Bazaar

Uma das “ruas” do Grand Bazaar

Os detalhes do teto

O Grand Bazaar é o maior e mais famoso, tem a sua origem no ano de 1461. É o maior e mais antigo mercado coberto do mundo, que conta com aproximadamente 60 ruas e mais de 5 mil estabelecimentos, entre lojas e barraquinhas.

O lugar parece uma cidade, tem bancos e casas de câmbio (com ótima cotação), restaurantes, farmácia, mesquita e lojas… muitas e muitas lojas. Vendendo tudo que você possa imaginar: as cerâmicas mais tradicionais, artigos de couro, luminárias e até roupas e bolsas falsificadas.

As cerâmicas que você não pode deixar de comprar

Grand Bazaar

Enquanto uma parte do Grand Bazaar parece uma viagem a essência da cultura turca, em algumas ruas parece um grande camelódromo qualquer.

Se você gosta de fazer compras, no Grand Bazaar vai achar coisas que a gente só acharia na Turquia por um preço muito bom. As peças de cerâmica, luminárias e artigos de couro estão entre as mais procuradas. Mas aqui vai uma dica: nunca acredite no preço, tem que pechinchar muito, faz parte da cultura turca.

Bazar de Especiarias

Um muito de temperos

Já o Bazar de Especiarias, como o nome diz, é focado em especiarias, temperos, doces e comidas. Mas também tem roupas e artigos de decoração. É um bazar bem menor que o Grand Bazaar, mas eu achei ele mais interessante, mais organizado e bonito.

O cheiro dos temperos é algo de outro mundo, não deixe de provar os doces turcos, que são excelentes. As frutas cristalizadas são sensacionais.

Toneladas de doces turcos

Luminárias típicas

Mesmo que os bazares de Istambul tenham se modernizado e se contaminado com os produtos made-in-china, caminhar por aquelas ruas é uma maneira muito bacana de se aprofundar na cultura turca e entender um pouco mais desse país.


Como visitar os bazares de Istambul


Recomendo começar pelo Grand Bazaar, por ser o maior e demandar mais tempo de visita.

Chegar lá é muito fácil, a parada Beyazıt da linha T1 (azul escura) dos trams fica em frente a uma das entradas. Para entrar não paga nada, mas todo mundo precisa passar pelo detector de metais.

Já o Bazar de Especiarias fica perto da Ponte Gálata, chegar lá também é bem fácil. O acesso é pela parada Eminönü, também da linha T1 (azul escura) dos trams.

Veja aqui como usar os trams de Istambul



Se você estiver procurando onde ficar em Istambul, aqui no blog tem um post bem completo explicando os melhores bairros e onde você deve evitar. Veja aqui.

Veja também onde se hospedar perto do Novo Aeroporto de Istambul.

Na minha última passagem por Istambul eu fiquei no Dosso Dossi Hotels Old City. O Hotel fica no Sultanahmet, colado na Mesquita Azul e na Hagia Sofia. O hotel tem um café da manhã fantástico, além de alguns mimos como chá da tarde e sopa no fim da noite como cortesia.

Na minha primeira viagem eu fiquei em Yenikapi, e essa região é cheia de boas opções de hospedagem e eu escolhi o Marmara Place Old City Hotel e gostei muito desse hotel. A localização era perfeita, a poucos metros do metrô e apenas 2 quadras curtas do ponto de onde passam os trams em direção ao centro histórico.

Pertinho dele, e ainda mais perto do ponto dos trams, tem o Eskar Hotel, que falaram super bem dele pra mim e também é uma ótima opção de hospedagem em Istambul.

Outro hotel nessa região que estava entre os meus favoritos era o Eternity Hotel, com decoração super clean e vista incrível do salão de onde é servido o café da manhã.

Quer ficar hospedado em um hotel no melhor estilo palácio vitoriano e pagando pouco? A dica é o Deluxe Golden Horn Sultanahmet Hotel e como o nome diz, ele fica no Sultanahmet, colado nas grandes atrações de Istambul.

Agora, se você não quer arriscar e prefere ser conservador na hora de escolher onde ficar em Istambul, a dica é o Eurostars Hotel Old City. Ele fica pertinho da Ponte Galata e do Sultanahment.

Outras opções no Sultanahmet, dá uma olhada no Optmist Hotel, que tem uma vista linda da Mesquita Azul, o principal ponto turístico de Istambul. Outro hotel lindinho é o Coliseum, que fica praticamente dentro do Hipódromo e com uma vista perfeita da Mesquita Azul, Hagia Sofia e do Bósforo.


Dicas da Turquia para organizar a sua viagem
Como ir do novo aeroporto de Istambul até a cidade
Com ir do aeroporto Sabiha Gökçen até o centro de Istambul
Como usar a rede de metrô e bondes de Istambul
Imigração em Istambul
Golpes na Turquia


O que fazer em Istambul
Como visitar a Mesquita Azul
Os bazares de Istambul
Passeio de barco pelo Estreito do Bósforo










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


Compartilhe este post:
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.