Como é voar com a Aeroflot de Moscou para São Petersburgo

Como é voar com a Aeroflot

“Bem vindos a lendária Aeroflot”, foi assim que o comandante deu as boas vindas aos passageiros do voo SU42 de Moscou a São Petersburgo, na Rússia. Eu sempre tive curiosidade de saber como é voar com a Aeroflot, a mais tradicional e sim, lendária companhia aérea da Rússia com quase 100 anos de existência.

Depois de visitar Moscou, meu próximo destino era São Petersburgo e eu precisava decidir como chegar até lá. Tinha o trem, que me pareceu uma boa opção, o ônibus e claro, o avião. Que foi a melhor escolha.

Entre as companhias aéreas existiam várias que faziam o trecho. Todas desconhecidas para mim e certamente para você também. Algumas com histórico de segurança duvidoso, tanto que não podem operar fora do território russo e tão pouco voar para os países da União Europeia. Historicamente, a Rússia faz vista grossa para questões de segurança que o restante do mundo respeita.

Por essas e outras razões eu escolhi a Aeroflot, por ser uma empresa internacional, de bandeira e membro da Aliança Skyteam, o que obriga que eles sigam uma série de importantes protocolos de segurança e manutenção da aeronaves.

Como é voar com a Aeroflot: Presença da Aeroflot no Aeroporto Sheremetyevo


Como é voar com a Aeroflot


Compra da passagem

Eu comprei a passagem pelo site da Aeroflot, que tem uma versão em inglês e de fácil uso. Não foi a passagem mais barata, tinham outras empresas menores com preços bem mais em conta, mas pensando na segurança, escolhi a Aeroflot, como disse acima.

O lado positivo é que todas as tarifas da Aeroflot incluem o despacho de bagagem, até mesmo na tarifa mais barata, a que eu escolhi e dava direito a uma mala de até 23kgs.

Check-in

O meu voo partiu do Aeroporto Sheremetyevo e vale ficar ligado pois Moscou tem 3 grandes aeroportos. Eu fiz o checkin 2 horas antes do voo direto no balcão. Tinham máquinas de autoatendimento mas elas não encontraram a minha reserva.

Cartão de embarque

Controle de segurança

Depois eu segui para o controle de segurança, que é super rígido e lento. Mas, curiosamente, não pediram para tirar o notebook da mochila. Mas tiramos casacos, sapatos, passamos pelo detector de metais, pela revista pessoal e tudo isso com muita cara feia.

Eu estava com o cartão do metrô no bolso, e ele ativa o sensor de metais – algo que eu claramente não sabia – os caras ficaram loucos por causa disso. Enfim, a gente aprende né?

A aeronave

O voo entre Moscou e São Petersburgo foi operado com um Boeing 737-800 e aparentava pouco tempo de uso. Depois eu descobri que ele foi entregue novo para a Aeroflot em outubro do ano passado, ou seja, estava novíssimo mesmo.

Os Boeings 737-800 da Aeroflot estão equipados com 20 poltronas na classe executiva (layout 2-2) e 138 lugares na classe econômica (layout 3-3).

Como é voar com a Aeroflot: Boeing 737-800

Interior do Boeing 737-800

Conforto

Nenhum item de conforto como travesseiros ou cobertores foram distribuídos, algo normal para um voo de pouco mais de 1 hora de duração. O espaço entre as poltronas era ok, mas não me senti espremido ou desconfortável.

Espaço entre as poltronas

Espaço entre as poltronas, eu tenho 1.77cm

Entretenimento

Essas aeronaves não possuem sistema de entretenimento individual, mas elas são equipadas com um sistema online que a gente consegue acessar pelo celular, tablet ou computador. Já o conteúdo era mais pra russo ver, se é que você me entende, mas tinham alguns filmes ocidentais. As poltronas não tem porta USB, mas tem uma tomada entre cada par de poltronas, que ajuda muito para recarregar a bateria dos equipamentos.

Como é voar com a Aeroflot: Entretenimento para dispositivos mobile

Tomada entre as poltronas

Por outro lado, no bolsão das poltronas tinha nada menos do que 5 revistas da Aeroflot, incluindo uma de Dutty-free. Todas em Russo e com uma pequena parte em inglês, o que também não ajuda muito.

Nada de sistema individual de entretenimento

Revistas e mais revistas

Mais uma

Interessante essa matéria com as propagandas antigas da Aeroflot

Voo e serviço de bordo

Nosso voo estava programado para ter 1h25m de duração, deixamos o finger na hora certa, mas o avião precisou passar pelo degelo, o que atrasou a partida em alguns minutos. Mas nada que me comprometesse já que eu não ia fazer nenhuma conexão em São Petersburgo.

Como é voar com a Aeroflot: Descongelando as asas

Após a decolagem a tripulação começou o serviço de bordo. Que teve um padrão diferente do que eu estou acostumado. Um comissário passa pelo corredor com o carrinho de bebidas e outro comissário pergunta passageiro por passageiro que sanduíche ele gostaria de comer, pega na galley e serve em seguida. Só depois é que chega o carrinho de bebidas. Acho que isso talvez seja para ganhar tempo em um voo relativamente curto.

Como é voar com a Aeroflot: Serviço de bordo

Bom, tinham meio sanduíche de peito de peru ou queijo no pão integral. Bem simples, mas achei um ponto positivo para um voo tão curto. Para beber tinha até Vodka, mas como o meu estômago não andava bem naqueles dias, fiquei na água mesmo.

O sanduíche

 

No meio do voo eu fui até o banheiro, estava limpo, mas acho que foi um dos menores banheiros de avião que eu já entrei. Olha o tamanho dessa pia, mal dava pra lavar as mãos.

A pia é minúscula

O voo foi super tranquilo, com decolagem em Moscou no meio de uma nevasca e pouso em São Petersburgo também no meio de muita neve.

Eu gostei de voar com a Aeroflot, achei a tripulação até “simpática” para os padrões russos. A bagagem despachada já inclusa na tarifa, a variedade de horários e o lanchinho foram pontos muito positivos.


Leia mais


Chegando na Rússia: imigração em Moscou e transporte até a cidade
Como usar o metrô de Moscou


Dicas de hotéis baratos na Rússia


Confira as nossas dicas de hotéis baratos na Rússia:

Aproveite as facilidades oferecidas pelo Booking.com e reserve sua hospedagem na Rússia. O Vou na Janela é parceiro do Booking e reservando um hotel por aqui, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso.



Booking.com


Resolva aqui a sua viagem


Reserve a sua hospedagem pelo Booking.com

Faça aqui o seu seguro viagem internacional

Compre aqui os ingressos para os seus passeios

Consultoria de viagens e roteiros personalizados

Ebooks e guias para download


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

2 Comentários

  • Responder Maio 17, 2018

    Vanessa

    Olá. Estou pensando em voar pela Aeroloft de Vilnius até Moscou. Viq ue ela dá direito a esses 23kg de bagagem, mas o tamanho da mala não pode ultrapassar 158cm, somando-se altura, largura e profundidade. Ou seja, não daria para levar uma mala grande. Gostaria de saber se vc estava com mala grand eou se a sua se encaixava nas especificações. Obrigada.

    • mm
      Responder Maio 17, 2018

      Fabricio Moura

      Oi Vanessa, tudo bem? Por padrão eles entendem que uma mala de até 23kgs é uma mala média, por isso as dimensões especificadas. Eu levei uma mala média com o expansor aberto, ou seja, um pouco acima dessas dimensões e ninguém mediu.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.