Dicas de Seul na Coréia do Sul para a sua primeira viagem

Dicas de Seul

Depois que eu estive em Seul no ano passado, muitos leitores me procuraram querendo saber mais sobre a cidade para planejar a sua primeira viagem. Para ajudar, este post reúne as mais importantes dicas de Seul para organizar melhor a sua viagem.

***

Seul é uma cidade que não figura entre os destinos internacionais favoritos dos brasileiros, talvez por isso eu tinha poucas expectativas sobre a Coréia do Sul. E quando menos esperamos, algo muito bom pode nos surpreender, e foi isso que aconteceu. Eu amei Seul, voltaria lá mais vezes sem pensar duas vezes.

E se você escolheu a cidade para sua próxima viagem, certamente não se arrependerá.

A melhor vista da cidade


Dicas de Seul para sua primeira viagem


Visto e imigração

Vamos começar com uma boa notícia? Brasileiros não precisam de visto para visitar a Coréia do Sul por até 3 meses. Basta o passaporte com validade mínima de 6 meses, mas fiquem atentos pois desde setembro de 2018 eles estão pedindo o certificado internacional de vacinação contra febre amarela.

Caso você tenha que ficar mais de 3 meses no país, ou precise de algum visto especial (trabalho ou estudo), recomendo ler o post onde eu explico como pedir o visto da Coréia do Sul.

Fazer a imigração em Seul foi muito fácil, não me fizeram nenhuma pergunta. Mas é necessário preencher dois formulários e fazer uma paradinha no balcão de quarentena antes de seguir para a imigração.

Eu fiz um post em que explico o passo a passo desde a saída do avião, até o transporte até cidade. Leia o post aqui.

Aeroporto de Seul


Quando ir

Seul pode se visitada em qualquer época do ano, mas existem algumas particularidades e grandes variações climáticas. Entre julho e o começo de setembro são os meses mais quentes e abafados. A temperatura chega facilmente aos 30 graus. De outubro a fevereiro é frio. Eu estive em Seul em dezembro e no dia em que eu cheguei a temperatura estava em -11 graus e nevando.

Dicas de Seul: Palácio Gyeongbokgung com o lago congelado


Que moeda levar e cartões de crédito

A moeda oficial da Coréia do Sul é a Won e somente ele é aceito. Como a gente não encontra a moeda com facilidade no Brasil, a melhor opção é lavar dólares americanos e trocar em Seul. Para vocês terem uma ideia dos custos, no câmbio de março de 2019, 1 Real vale 297 Wons.

Cartões de crédito são aceitos normalmente pelos estabelecimentos comerciais, e uma curiosidade é que existem lojas que só aceitam cartões, como algumas unidades da rede Starbucks. Eu tentei pagar um café com dinheiro e não foi possível. Já o comércio de rua, como as barraquinhas de comidas dos mercados noturnos e bugigangas não aceitam cartões.

Só no Brasil que o comércio de rua aceita cartões, nesse quesito, nós estamos muito na frente dos países desenvolvidos.

Dicas de Seul: que moeda levar


Gastos

Seul é uma cidade cara, mas o maior custo que você vai ter é com hospedagem. Os passeios são baratos e o metrô também é bem barato. Comer nas barraquinhas dos mercados noturnos pode sair bem em conta caso você queira economizar, mas sem abrir mão da gastronomia local.

Eu fui bem econômico em Seul, e gastei uma média de 60 dólares por dia com alimentação, passeios e metrô.


Seguro viagem

O seguro viagem é obrigatório para entrar na Coréia do Sul. Não portar a apólice de seguro viagem no momento da imigração pode resultar em recusa e o visitante ser deportado ali mesmo. Para evitar que isso aconteça, recomendo que nunca saia do Brasil sem o seguro viagem, até mesmo para sua proteção em países onde o seguro não for obrigatório.

Faça seu seguro viagem aqui com desconto


Quantos dias ficar e o que fazer em Seul 

Eu recomendo ficar pelo menos 4 ou 5 dias cheios em Seul, a cidade tem muita coisa para fazer. Eu fiquei 4 dias e não consegui visitar muitos lugares que eu gostaria de ter conhecido.

Leia mais:
O que fazer em Seul em 4 dias
Os palácios reais de Seul
Como visitar a fronteira entre as Coréias

O que fazer em Seul

Bukchon Hanok Village


Onde ficar em Seul

Escolher bem onde se hospedar em Seul é fundamental para uma melhor experiência na cidade. Só para você ter uma ideia do tamanho de Seul, ela e as vizinhas de Incheon e Gyeonggi, formam a segunda maior região metropolitana do mundo, são mais de 25 milhões de pessoas!

Leiam aqui o meu post com todas as dicas de onde ficar em Seul e onde evitar

Bairro Myeongdong


Como se locomover

A melhor maneira de se locomover em Seul é de metrô. A rede metroviária da cidade é formada por 22 linhas e são mais de 700 estações cobrindo toda a cidade, região metropolitana e os aeroportos. Transportando uma média de 2 bilhões de pessoas por ano, é o mais importante meio de transporte em Seul, tanto para moradores quanto para os visitantes. Por isso, ele será definitivamente o seu principal meio de transporte na cidade.

Veja aqui como usar o metrô de Seul

Como usar o metrô de Seul

Metrô de Seul


Internet e celular

A Coréia do Sul é conhecida por ter a melhor internet do mundo, eu tinha pesquisado anteriormente sobre qual seria a melhor operadora da Coréia do Sul, mas não achei muita informação. Sabendo que o país a conexão lá é tão boa, acho que não teria muito erro.

Eu achei que a SK Telecom oferecia o melhor custo benefício. Comprei um chip para 5 dias, que custou 27.500 Wons (5.000 Wons por dia + 2.500 Wons de custo do chip) somente para dados. Convertendo para reais deu uns 90 reais para 5 dias de uso, achei bem caro, mas não custa lembrar que Seul é uma das cidades mais caras do mundo e simplesmente não dava para ficar sem internet em Seul.

Leia o post completo com dias de internet em Seul aqui

Chip de celular da Coréia do Sul

Internet em Seul


Segurança

Seul é uma das cidades mais seguras do mundo, mas eu costumo dizer que a gente precisa ter o mesmo cuidado andando seja pelo centro de São Paulo ou em qualquer país. Pois gente mal intencionada tem em todo lugar, claro, uns mais que outros. Em Seul a gente pode andar sem medo, nada de ficar na paranoia com medo de assalto. Em nenhum momento eu senti insegurança.

***

Bom, pessoal, espero ter ajudado. Qualquer dúvida vocês podem consultar a página com todos os posts sobre a Coréia do Sul clicando aqui. Ou vocês podem postar as suas perguntas nos comentários que eu responderei assim que possível.

***


Confira o nosso post com todas as dicas de hospedagem em Seul. O Vou na Janela é parceiro do Booking.com e reservando um hotel aqui, você ajuda a manter o blog e não paga nada a mais por isso. =)

Eu fiquei no Loisir Hotel Seoul Myeongdong, era perto de tudo e tinha um quarto com tamanho bom para os padrões locais. Além de ser tudo bem confortável, com uma ótima cama, ar condicionado e aquecedor. Achei bacana que o piso era aquecido, o que foi sensacional pois fazia -9 graus quando eu estive em Seul.

Um amigo meu estava no Hotel MIDO Myeongdong, um hotel menor mas com uma localização perfeita. Eu fui no MIDO e achei o hotel limpo, bem organizado e o dono era muito simpático.

Em Gangnam e recomendo o Hotel La Casa, que como diz o nome, tem um conceito de casa. Um ambiente menos impessoal, menos com cara de hotel, tudo lindo.

Outra região muito procurada é Mapo-Gu, é a área com mais hotéis em Seul e não fica distante dos principais palácios da cidade, também pode ser uma boa opção de hospedagem. Veja a lista de hotéis em Mapo-Gu aqui

Por fim, Itaewon é uma das áreas mais bacanas de Seul, talvez o bairro mais “internacional” da cidade, pela enorme quantidade de bares e restaurantes de culinária mundial. Bateu uma saudade da comida brasileira? Lá você encontra. Veja a lista de hotéis em Itaewon aqui


Dicas gerais para visitar a Coréia do Sul
Chegando em Seul: visto, imigração e transporte
Veja aqui como obter o visto para mais de 90 dias
Onde ficar em Seul, dicas de hospedagem
Como usar o metrô de Seul
Dica de chip de celular na Coréia do Sul


O que fazer em Seul
Como visitar os palácios reais de Seul
Como visitar a fronteira entre as Coréias










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

12 Comentários

  • Responder maio 3, 2019

    Michelly Faria

    Olá!
    Adorei todos os posts sobre a Coréia do Sul, estou planejando ir pra Seul em maio de 2021 e me ajudou muito para começar a planejar a minha tão sonhada viagem pra lá.
    Obrigada!

    • mm
      Responder maio 3, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Michelly, tudo bem? Super obrigado pela mensagem, fico muito feliz que tenha ajudado. Eu amei Seul, quero muito voltar, você vai adorar.

  • Responder junho 11, 2019

    Carolina

    Estou conhecendo o blog hoje e já estou seguindo o Instagram!! Adorei as dicas, não são muito comuns para a Coreia do Sul.
    Em setembro eu e meu marido iremos para um congresso em Daegu, e só conseguiremos ficar em Seul por 3 dias e meio, infelizmente. Mas já estou pegando todas as tuas dicas. Obrigada, estão sendo dicas valiosas.

    Parabéns pelo site!
    Carol

    • mm
      Responder junho 11, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Carol, tudo bem? Super obrigado pela atenção e fico muito feliz por estar te ajudando.

  • Responder julho 10, 2019

    bia

    Um post completíssimo que vai me ajudar muito para minha primeira viagem à Coreia. Adorei o modo como explicou as coisas e todos os conteúdos, é bem simples de entender e tudo o que eu procurei em outros sites só achei no seu blog!

    • mm
      Responder julho 10, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Bia, tudo bem? Que bacana! Fico muito feliz em ter te ajudado =)

  • Responder julho 26, 2019

    Naele

    olá Fabricio, estou planejando minha viagem pra seoul, mas confesso que estou com medo pois é minha primeira viagem internacional e ainda por cima vou sozinha. planejo fazer parada em dubai para ir pra coreia, e minha maior duvida é saber o que fazer quando chegar lá em dubai? e minha outra duvida é como funciona essa coisa de passagem ida e volta? ( nunca viajei de avião), e minha outra duvida é a seguinte: nao moro em sao paulo, como faço pra comprar adiantada e ter minha passagem em maos?

    • mm
      Responder julho 26, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Naele, tudo bem? Você pode comprar a passagem pela internet, mas fique atenta ao comprar uma passagem que permita uma parada em Dubai. Se você quiser, aqui no blog a gente faz a consultoria de viagem. Resolvemos tudo para você, se quiser, posso te mandar um orçamento sem compromisso.

  • Responder agosto 13, 2019

    Ronaldo

    Salve, Fabricio!

    Eu tenho uma dúvida principal com relação à Seul… o Google Maps funciona lá? Qual app vc usou para locomoção a pé?

    Grato pelas dicas, todas super úteis!

    Abraços!

    • mm
      Responder agosto 13, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Ronaldo, tudo bem? Eu usei o Google Maps mesmo, atendeu muito bem. Recomendo comprar um chip de internet.

  • Responder novembro 14, 2019

    Isabella

    Oi Fabricio !!!

    Pretendo passar o Natal de 2020 na Coréia e achei seu blog ( muito bom por sinal).

    Como foi para você o frio de dezembro ? Quero ir nesse período, mas nunca enfrentei um frio abaixo de zero.

    Obrigada.

    Bjs

    • mm
      Responder novembro 16, 2019

      Fabricio Moura

      Oi Isabella, tudo bem? Eu estive em Seul na semana do natal do ano passado, é bem frio. Todos os dias a temperatura estava abaixo de zero, normalmente -5, -6, mas apesar disso, não me atrapalhou em nada. Não tenha medo, aproveite!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.