Ritual de limpeza espiritual do templo Tirta Empul em Bali

limpeza espiritual

A Ilha de Bali é um ‘mundo’ à parte da Indonésia. Eles tem sua própria língua, costumes e religião. Até a geografia e natureza ajudam a destacar a ilha do restante do país. Bali segue o hinduísmo balinês, uma versão deles do hinduísmo que surgiu na índia, com imagens de deuses e seus avatares bem diferentes do que a corrente mais comum do hinduísmo segue.

Bali é carregada de misticismo e espiritualidade e um ritual em especial se destaca:  a limpeza espiritual do templo Pura Tirta Empul.

Fonte sagrada

Fonte sagrada

O ritual é algo muito comum na vida do balinês

O ritual é algo muito comum na vida do balinês

O Pura Tirta Empul nasceu em torno de uma poderosa nascente de água descoberta em 962 A.C. A água foi considerada sagrada e um templo para limpeza espiritual foi construído ao redor com devoção ao deus Vishnu.

O ritual acontece dentro de uma grande piscina com diversas fontes de água, é preciso passar por todas – desde a primeira até a última – fazer uma oferenda, mergulhar a cabeça na água extremamente gelada, orar e agradecer.

Ritual de limpeza espiritual

Ritual de limpeza espiritual

É um ritual que os balineses fazem sempre, é super tradicional entre elas, mas é democrático, qualquer pessoa pode fazer, desde que siga algumas regras e faça de coração aberto:

– A primeira coisa é acreditar no que você está fazendo, não apenas para dizer que fez o ritual sagrado de limpeza espiritual em Bali.

– Você precisa fazer uma oferenda, que normalmente é feita com um punhado de arroz, flores e incenso. Na porta do templo umas senhoras vendem a caixinha feita de folha de bananeira com a oferenda.

– Precisa se vestir de acordo, usando o tradicional sarong balinês e você precisa comprar um, tem que ser seu. Mas é baratinho, com 100.000 rúpias (R$23,00) você compra um sarong na porta de templo mesmo e vai poder guardar de recordação para sempre.

– Nunca deixe pertences na beira da fonte enquanto faz o ritual, o ideal é que tenha alguém com você para cuidar das suas coisas.

– Nunca troque de roupas na fonte, é considerado ofensa grave.

– Mulheres que estiverem em período menstrual não podem fazer o ritual.

O ritual é dividido em duas fases, são dois tanques separados por essa escultura

O ritual é dividido em duas fases, são dois tanques separados por essa escultura

Independente de qualquer que seja sua religião ou crença, quem visita Bali precisa passar por esse ritual, tanto para quem está chegando e começar bem a sua jornada pela ilha, ou para quem está indo embora e quer levar boas energias para casa.

Para quem acredita nessa questão energética, certamente sairá de lá revigorado. É como se os problemas fossem deixados para trás. A gente sai de lá de alma limpa.

A nascente da fonte é linda e impressionante

A nascente da fonte é linda e impressionante


Como chegar


O templo Pura Tirta Empul fica em Tampaksiring, uma pequena localidade perto de Ubud, no centro da ilha de Bali. Não existe transporte público na ilha, o jeito é alugar uma moto – como a maioria faz – ou contratar um táxi ou tour que te leve até lá.

Não é difícil chegar, eu recomendo ir de táxi ou alugar uma moto, para você fazer o ritual no seu tempo.

A entrada do templo custa 30.000 rúpias (7 reais) e o ideal é fazer pela manhã, para começar bem o dia.

Tanque de carpas do templo

Tanque de carpas do templo

Postado em:
Quinta-feira, 01 de junho de 2017


Procurando hospedagem em Bali?


Olha a nossa lista de sugestões no Booking.com. Reservando um hotel pelo Booking, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso. Clique aqui


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar