Como é viajar de trem no Marrocos saindo de Marrakech

Como é viajar de trem pelo Marrocos

Viajar de trem pelo Marrocos foi uma surpresa muito positiva na minha viagem pelo país. Os marroquinos tem uma excelente rede ferroviária e algumas estações bem modernas que são administradas pela estatal ONCF.

Os trens são bem antigos, mas são confortáveis e até rápidos. Eu viajei de Marrakech a Casablanca e nesse post vou contar como é viajar de trem pelo Marrocos.


Comprando os bilhetes


A ONCF tem um site em francês e árabe, é possível comprar as passagens por lá, mas eu não consegui. No final da transação, já depois de ter inserido os dados do meu cartão de crédito, o site apresentava um erro desconhecido.

Site: www.oncf.ma

Um dia antes da viagem eu fui até a estação de trens de Marrakech e comprei o bilhete, fácil e rápido. Os trens do Marrocos tem duas classes de serviço, primeira e segunda. A diferença de preço é pequena e valeu mais a pena comprar a primeira classe, pois além de poltronas mais confortáveis, os lugares são marcados, sem correria no embarque para pegar um bom lugar.

De Marrakech a Casablanca eu paguei 148 Dirhams, o que dá uns 14 euros. Um excelente preço par uma viagem com duração de aproximadamente 3 horas.

Apesar dos trens antigos, é tudo bem funcional

Apesar dos trens antigos, é tudo bem funcional


Embarque


O embarque em Marrakech foi ordeiro, só entra na plataforma dos trens quem for embarcar na composição que estiver saindo naquela hora.  A estação é bem nova e moderna, parece um pequeno aeroporto e tem lojas, casa de câmbio e mercadinho. Tem até um McDonalds.

A estação de Marrakech

Como é viajar de trem pelo Marrocos: A estação de Marrakech

É tudo muito bem sinalizado, tem vários painéis com horários das próximas partidas e a plataforma correspondente, mas tudo em francês e árabe. Mas mesmo quem não domina os idiomas, é fácil de se virar.

Plataforma de embarque

Plataforma de embarque

Mesmo com o embarque bem organizado, o trem partiu com 15 minutos de atraso, algo bem comum no Marrocos.

O trem fazia a linha Marrakech x Fez, mais ao norte do país via Casablanca e Rabat, a capital.

A segunda classe é bem zoneada

A segunda classe é bem zoneada


O trem


Notei que apenas que algumas locomotivas são mais novas, os vagões são bem antigos, mas confortáveis. A segunda classe é mais bagunçada, não sei se as poltronas são confortáveis. Na primeira classe tem ar condicionado, bem fraco, mas como estava frio, foi aceitável. Não sei se o ar condicionado atende bem no verão.

A primeira classe dos trens do Marrocos

Como é viajar de trem pelo Marrocos: A primeira classe dos trens do Marrocos

A primeira classe dos vagões tem compartimentos com 6 poltronas, 3 de cada lado e uma de frente para a outra. Achei a poltrona bem larga e confortável, deu para relaxar bastante e trabalhar. Inclusive esse post foi escrito quase todo dentro do trem.

Os vagões tem bagageiros acima das poltronas, mas apenas para malas pequenas. Malas grandes tem que ficar embaixo, com jeitinho para não incomodar ninguém.

trem-marrocos-8

Antigo, mas é confortável

trem-marrocos-3

Outro ângulo da primeira classe


A viagem


O trem corre suave, pela janela a paisagem típica do Marrocos: deserto de terra vermelha e céu azul.  Passamos por pequenas cidades no meio do deserto, pastores e nômades. Poucas áreas verdes e muita aridez.

Pouco tempo depois da saída de Marrakech, um funcionário da ferrovia passou conferindo os bilhetes, por tanto, tenha o seu na mão para a conferência. 

O trem tem um serviço de bordo pago, com sanduíches, Doritos, batata chips, água e café. Preço do café: 10 Dirhams, que dá 1 Euro. Em geral o preço é um pouco mais caro do que o mercadinho da estação, vale comprar alguma coisa lá antes de embarcar.

A paisagem é quase sempre assim

Como é viajar de trem pelo Marrocos: A paisagem é quase sempre assim

Durante a viagem a gente percebe muitas obras da ferrovia, sinal que está havendo um grande investimento nesse tipo de transporte.

O trem também faz algumas rápidas paradas nas cidadezinhas ao longo da ferrovia, mas não fica mais de 2 minutos em cada estação.


Chegada


Em Casablanca o trem passa em duas estações, a Casa Oasis e a Casa Voyageurs, no centro da cidade, que ao lado da Casa Port são as principais da cidade. Na porta da Casa Voyageurs passa a única linha de Tram da cidade, mas que cobre uma boa área de Casablanca, uma opção interessante dependendo de onde for a sua hospedagem. Caso você esteja em trânsito, é da Casa Voyageurs que saem os trens até o aeroporto.

Em um país com tantos problemas, a viagem de trem foi uma ótima e positiva surpresa no Marrocos. Um serviço que eu recomendo.

Chegada em Casablanca

Como é viajar de trem pelo Marrocos: Chegada em Casablanca

Dica

Se o seu destino for Casablanca, fique atento pois a cidade não é o ponto final da linha e o trem fica poucos minutos parados. Se o seu destino for a Casa Voyageurs, como a maioria das pessoas, recomendo já esperar no corredor com as malas após o trem sair da Casa Oasis para um desembarque mais rápido e como muitas pessoas embarcam em Casablanca para outras cidades, rola um tumulto de gente saindo e entrando no trem.

Se Marrakech for o seu destino final, pode ficar mais tranquilo, pois a cidade é o ponto final da linha.

Imagem de capa: ONCF


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar