Chegando em Istambul: imigração, visto e transporte

Chegando em Istambul

Istambul é uma cidade fascinante, dividida ao meio pelo estreito de Bósforo –  que separa a Europa da Ásia – a cidade é literalmente uma ponte entre os dois continentes. Bonita, cheia de cultura, lugares lindos e ótima comida. Milhares brasileiros visitam a cidade, principalmente em conexão com o voo diário da Turkish Airlines do Brasil para a Turquia e esse post vai ajudar quem estiver chegando em Istambul pela primeira vez.


Chegando em Istambul


Istambul é atendida por dois aeroportos: Sabiha Gokcen no lado asiático e Ataturk, o principal aeroporto do país e que fica no lado europeu. Existe um novo aeroporto sendo construído e que deve ficar pronto ainda este ano. Uma necessidade urgente, pois o Ataturk está extremamente saturado e não comporta mais as operações da Turkish Airlines.

Sendo o principal aeroporto do país, certamente você chegará a Istambul por ele, que fica na região metropolitana de Istambul.

Chegando em Istambul com a Turkish Airlines

Visto e imigração

Cidadãos brasileiros não precisam de visto para entrar na Turquia, a permissão é concedida na chegada ao país e vale para uma permanência de até 90 dias. Para isso, basta ter um passaporte válido por pelo menos 60 dias adicionais aos 90 dias do visto. Ou seja, 150 dias (90 dias + 60 dias) de validade no momento de entrada no país, de acordo com a embaixada da Turquia no Brasil.

Eu cheguei em Istambul vindo de São Petersburgo na Rússia e logo após o desembarque basta seguir pelos longos corredores até a área de controle de passaportes. Chegando lá, existem duas filas: uma para cidadãos turcos e outra para as demais nacionalidades. Lembrando que a Turquia não faz parte da União Europeia.

No balcão de imigração o oficial tirou uma foto, colheu as digitais e carimbou o passaporte. Não me fez nenhuma pergunta. Mas vi pessoas de outras nacionalidades sendo entrevistadas, não sei qual é o parâmetro deles.

Atenção: O Seguro viagem é obrigatório para viajar para a Europa. Faça seu seguro viagem aqui com desconto.

Chegando em Istambul: imigração em bagagem

Restituição de bagagens e alfândega

Saindo dali eu fui retirar as bagagens, que já estavam na esteira pois o tempo entre o desembarque e a imigração demorou uns 50 minutos em razão das filas enormes. Para minha infelicidade, minha mala veio estragada. Uma das rodas foi arrancada o que me atrapalhou bastante.

Os carrinhos de bagagens do aeroporto são pagos e como eu estava sem moeda local, tive que ir arrastando a mala pela alfândega, que felizmente só passou pelo raio-x sem a necessidade de abrir. Depois eu fui até o táxi.

Como ir do Aeroporto Ataturk até o centro

A minha intenção era ir do Aeroporto Ataturk até o centro de metrô, já que ele liga muito bem o aeroporto a cidade e meu hotel era pertinho da estação final do metrô. Mas com a mala danificada eu tive que pegar um táxi, que custou uma pequena fortuna. Simplesmente 40x mais do que o bilhete do metrô. Não recomendo! Existe Uber em Istambul, mas eles não gostam de pegar os passageiros no aeroporto.

Comprando o bilhete do metrô

Como eu ainda tive um problema com a minha reserva de Istambul para Praga (meu destino seguinte) tive que voltar no aeroporto para resolver e aproveitei para descobrir como funciona o metrô.

No piso de desembarque, basta seguir as placas Metro/Subway. Na entrada da estação tem algumas máquinas chamadas Biletmatik que vendem o bilhete do metrô. Selecione o idioma e escolha a primeira opção. O pagamento pode ser feito em moedas e notas, por isso, recomendo trocar um pouco de dinheiro ainda no aeroporto.

Bilhete do metrô de Istambul

O bilhete custa 5 Liras Turcas (4 reais) e o metrô vai da estação Havalimani (a estação do aeroporto) até a estação Yenikapi no centro de Istambul. Mas fique atento pois no sentido inverso (do centro ao aeroporto) existem dois serviços na mesma linha. Alguns trens vão para a estação Havalimani e outros para a estação Kirazli Bagcilar. Fique atento para não pegar o metrô errado.

O metrô de Istambul não atende toda a cidade, mas ele pode ser combinado com a rede de trams. Para isso, é preciso comprar outro bilhete, não existe integração entre os dois serviços.

Metrô de Istambul

Vá para o aeroporto com tempo

Na volta, chegue no aeroporto com muita antecedência, pois as filas são imensas e tudo lá é muito lento. Já na saída do metrô e entrada no terminal a gente passa pelo raio-x e revista seletiva. No dia em que eu fui embora a minha mala foi “premiada” e já tive uma revista ali mesmo.

Depois a gente passa por outro raio-x antes de entrar no Terminal Internacional. As filas de check-in e despacho de bagagens também era imensas e para entrar na área fechada do aeroporto, mais um raio-x (tá contando? rs) e por fim, o controle de passaporte.

Ao todo eu fiz o raio-x três vezes! Nunca passei por isso em lugar nenhum do mundo, mas os turcos vivem com medo de ataques terroristas.


Onde se hospedar em Istambul


Aqui no blog tem um post com várias dicas de onde se hospedar em Istambul de forma econômica e com muito conforto. Leia aqui o post.

Ou faça uma busca no Booking.com:



Booking.com


Compre ingressos para passeios em Istambul



Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

2 Comentários

  • Responder junho 20, 2018

    Marcos Galanakis

    Sr. Fabrício, muito bom o post! Eu tenho 10h e 15 m em istambul e gostaria de saber qual o tempo que você demorou para passar pelas áreas de controle até a área de embarque. Muito obrigado e um grande abraço!!

    • mm
      Responder junho 20, 2018

      Fabricio Moura

      Oi Marcos, tudo bem? Aproximadamente 1h40m.

Deixe uma resposta