Pinacoteca de São Paulo: como chegar e o que visitar

Pinacoteca de São Paulo

A Pinacoteca de São Paulo é o meu museu favorito aqui na capital paulistana, que sempre tem muitas novidades para o visitante. Neste post, eu vou te explicar como chegar na “Pina”, o que visitar e mais algumas dicas bônus.

***

Fundada em 1905 pelo Governo do Estado de São Paulo, a Pinacoteca é o museu de arte mais antigo da cidade. O prédio foi projetado no final do século XIX pelo famoso arquiteto Ramos de Azevedo, responsável por obras icônicas como o Teatro Municipal de São Paulo e o Palácio dos Correios.

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

O acervo da Pinacoteca de São Paulo tem mais de 10 mil obras com foco na arte brasileira do século XIX, passeando por movimentos modernistas e contemporâneos. Que inclui nomes como Tarsila do Amaral, Portinari, Victor Brecheret, Anita Malfatti e Di Cavalcanti. Além do acervo, o museu recebe várias exposições todos os anos, como a de Ron Mueck que rendeu filas quilométricas na época.

Pinacoteca de São Paulo

Ron Mueck na Pinacoteca

Além de admirar as obras, o passeio pelo prédio da Pinacoteca de São Paulo é imperdível Para quem gosta de arte e arquitetura. Atrás e ao lado do prédio fica O Parque da Luz, espaço com dezenas de obras de arte que merece a visita.

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo


A Estação Pinacoteca

Em 2004 a Pinacoteca ampliou o seu espaço incorporando um antigo edifício do Largo General Osório, pertinho da Pinacoteca e ao lado da Estação Júlio Prestes. O prédio funcionava como armazém da escritórios da antiga Estrada de Ferro Sorocabana. O lugar também foi sede do Departamento Estadual de Ordem Política e Social de São Paulo, o temido Deops, entre os anos 1940 e 1983.


Como chegar na Pinacoteca de São Paulo


A melhor forma de chegar a Pinacoteca de São Paulo é usando o transporte público, preferencialmente trem ou metrô.

A Pinacoteca fica em frente a Estação da Luz, uma das estações mais bonitas do Brasil e que eu recomendo muito a visita. Vou falar melhor dela mais abaixo. A Estação da Luz é atendida pelas Linhas Azul e Amarela do metrô de São Paulo. Além das linhas 7, 11 e 13 dos trens da CPTM.

Pinacoteca de São Paulo

Estação da Luz

Como são muitas linhas e são praticamente 3 estações conectadas pelo subterrâneo, existem várias saídas e as pessoas podem ficar confusas. Se você chegar de metrô, observe que existem algumas placas indicando a saída da Pinacoteca de São Paulo. Basta seguir estas placas.

Se você se perder em algum momento, a saída da Linha Amarela do metrô fica na Rua Brigadeiro Tobias. Já a saída principal da Linha Azul do metrô fica na Avenida Tiradentes. Em ambas os casos, ao sair das estações vocês já conseguirão avistar o prédio da Pinacoteca de São Paulo a distância.

Já a saída da Estação da Luz da CPTM é a melhor localizada, a saída principal dela fica exatamente em frente ao Parque da Luz, ao lado da Pinacoteca. Pode parecer complicado, mas é só seguir a sinalização que não tem erro.

Pinacoteca de São Paulo

Estação da Linha Amarela


Bônus: Estação da Luz


Todas as vezes que eu vou na Pinacoteca de São Paulo eu não deixo de dar uma passadinha na Estação da Luz.

A Estação da Luz começou a operar em 1867, entretanto, o prédio atual foi inaugurado em 1901. A estação foi construída pelos britânicos da São Paulo Railway, um projeto do inglês Charles Henry Driver, um arquiteto renomado por fazer belíssimas estações ferroviárias.

Pinacoteca de São Paulo

Estação da Luz

E os traços ingleses estão por todos os lados da Estação da Luz, como a enorme torre do relógio ao melhor estilo “big ben” e na estrutura metálica que foi importada da terra da rainha.

A estação era o ponto de conexão da linha que vinha de Jundiaí e seguia para o Porto de Santos via Paranapiacaba transportando passageiros e escoando a produção de café do Brasil para diversos cantos do mundo.

Hoje a Estação da Luz é um dos principais hubs de São Paulo, conectando três linhas de trem com duas de metrô, além dos trens turísticos que saem dali nos finais de semana.

Pinacoteca de São Paulo

Estação da Luz

Pinacoteca de São Paulo

Trem da CPTM chegando na Luz

Pinacoteca de São Paulo

Toda estrutura metálica veio da Inglaterra

Pinacoteca de São Paulo

Marca da antiga São Paulo Railway


Mais imagens da Pinacoteca de São Paulo


Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Boa parte do acervo são esculturas

Pinacoteca de São Paulo

Stephan Kessler

Pinacoteca de São Paulo

O Mestiço de Cândido Portinari

Pinacoteca de São Paulo

Galeria de obras

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

O prédio é sensacional

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo

Escultura em mármore

Pinacoteca de São Paulo

Ron Mueck (2014)

Pinacoteca de São Paulo

Ron Mueck (2014)

Pinacoteca de São Paulo

Ron Mueck (2014)

Pinacoteca de São Paulo

Entrada do prédio

Pinacoteca de São Paulo

Parque da Luz

Pinacoteca de São Paulo

Pinacoteca de São Paulo


One ficar em São Paulo


Procurando onde ficar em São Paulo? Eu escrevi um post super completo falando das melhores regiões para se hospedar em São Paulo. Para todo tipo de visita e perfis de viajantes. Recomendo a leitura.


Booking.com


Resolva aqui a sua viagem


Reserve a sua hospedagem pelo Booking.com

Faça aqui o seu seguro viagem internacional

Compre aqui os ingressos para os seus passeios

Consultoria de viagens e roteiros personalizados

Ebooks e guias para download


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.