Como é voar para o Japão na Korean Air em classe executiva

Como é voar para o Japão

No ano passado eu fiz dois voos com a Korean Air quando eu morava na Tailândia. Na minha volta ao mundo eu optei por voar de Bangkok para Tóquio com a Korean com conexão em Seul. E esse é o assunto desse post: como é voar para o Japão com a Korean Air.

***

A Korean Air é a principal companhia aérea da Coréia do Sul, operando uma enorme rede de destinos, a empresa cobre muito bem a Ásia, Oceania, Estados Unidos e Europa a partir do seu hub em Seul. Até há pouco tempo a Korean operou um serviço entre Seul e São Paulo, com escala em Los Angeles nos Estados Unidos. Infelizmente esta rota foi cancelada pela baixa demanda. 

A empresa tem uma frota bem diversificada, operando os gigantes Airbus A380, Boeing 747-8 e o clássico 747-400. Também voa com o Boeing 777 série -200 e -300; 787-9; 737 série -800 e -900; Airbus A330 e recentemente o A220, nova designação dos CS300, ex-Bombardier.

No ano passado eu voei com eles em dois pesos pesados, no Airbus A380 e no Boeing 747-8. Nesta viagem de Bangkok até o Japão eu voei no Boeing 777-300ER e a segunda perna foi feita no A330-300.

E sobre a minha volta ao mundo, vou deixar os links aqui embaixo e vou atualizando a lista a medida que as resenhas forem postadas.

***

São Paulo x Doha – Qatar Airways – Classe Executiva
Doha x Bangkok – Qatar Airways – Classe Executiva
Bangkok x Krabi x Bangkok – Thai Airways – Classe econômica
Bangkok x Seul x Tóquio – Korean Air – Classe Executiva
Osaka x Seul – Korean Air – Classe Executiva (em breve)
Seul x Seattle – Delta Airlines – Classe Executiva (em breve)
Seattle x Vancouver – Delta Airlines – Primeira Classe (em breve)
Vancouver x Toronto – Air Canada – Classe econômica (em breve)
Toronto x São Paulo – Air Canada – Classe econômica (em breve)

***

Leia outras avaliações aqui

Como é voar para o Japão

Como é voar para o Japão na Korean Air em classe executiva: Boeing 777-300ER


Como é voar para o Japão com a Korean: Bangkok x Seul


Compra da passagem

Eu emiti os dois trechos via Smiles, para essa emissão eu usei 10.000 milhas + R$ 1.100 reais pelo Smiles&Money. Se eu fosse optar por emitir todo o trecho com milhas, custaria 55.000 milhas. Se eu fosse pagar a passagem cheia, o preço era de R$ 5.500 direto no site da Korean. Ou seja, foi um bom negócio esta emissão.


Check-in e embarque

Eu cheguei no Aeroporto Internacional Suvarnabhumi em Bangkok aproximadamente 3 horas antes do meu voo. O check-in foi feito no balcão prioritário em menos de 3 minutos. A funcionária da Korean já me deu os dois cartões de embarque, um cartão para usar o fast-track da imigração e um voucher para usar a sala vip da Air France em Bangkok, parceira da Korean na aliança Skyteam.

A sala da Air France não é das maiores, mas tem um bom espaço com uma ótima variedade de comidas e bebidas, vários lugares para sentar, espaços mais privativos e chuveiros para quem desejar tomar um banho antes de embarcar.

O embarque começou pontualmente às 21h30, o voo KE658 estava programado para partir às 22h40. Entrando na aeronave eu fui recebido por uma comissária que me levou até a minha poltrona, a última da cabine executiva do Boeing 777-300ER.

Como é voar para o Japão

Cartão de embarque e cartão de acesso ao lounge


A aeronave 

Como disse, o voo foi operado por um Boeing 777-300ER, a classe executiva da Korean se chama Prestige Sleeper. As poltronas são total flatbed, ou seja, reclinam 180 graus virando camas. O que não acontece em alguns modelos como os Boeing 777 ou nos A330 mais antigos e também nas aeronaves narrow-body, de corredor único.

Como é voar para o Japão

Poltronas da Executiva da Koren (a foto é no A380, mas é exatamente a mesma poltrona no 777)

Apesar de ser confortável, essa cabine da Korean já está bem desatualizada. As melhores poltronas da Korean estão nos Boeing 747-8 e nos Boeing 787-9 Dreamliner. São poltronas Apex Suite, que lembram uma suíte, mas sem portas. E como as poltronas são desalinhadas, todos os passageiros têm acesso ao corredor.

Como é voar para o Japão

Poltronas da Executiva da Koren (a foto é no A380, mas é exatamente a mesma poltrona no 777)

Mas voltando ao Boeing 777, essas aeronaves estão configuradas com 291 lugares –  considerado até pouco para o 777 – sendo 8 poltronas na primeira classe no layout 1-2-1. Seguido de 56 lugares na classe executiva distribuídas no layout 2-3-2 e 227 lugares na classe econômica na configuração 3-3-3.

Eu não gosto dessa configuração, pois o passageiro da janela não tem acesso direto ao corredor, caso o vizinho recline toda a sua poltrona. Existe uma pequena divisória entre as poltronas, o que não garante muita privacidade mas ajuda. Felizmente não tinha ninguém do meu lado.

Como é voar para o Japão

Poltrona (quase) na posição cama

Todas poltronas são equipadas com telas touchscreen de 15.4 polegadas, o controle controle remoto fica na parte inferior do braço da poltrona. Todas as cadeiras tem tomadas elétricas e portas USB. As poltronas também são equipadas com luzes de leitura e alguns compartimentos menores.

Como é voar para o Japão

Luzes de leitura

Como é voar para o Japão

Controles da poltrona

A cabine é muito ampla e arejada, o legroom é tão grande que a TV fica até distante da gente. Nas poltronas tinha um travesseiro super pequeno, um cobertor ótimo, uma sacola com pantufas e fones de ouvido com redutor de ruídos. A Korean só distribui amenity kits em voos de longa distância, mas eu pedi uma máscara de dormir e protetores de ouvido e fui atendido. Nos banheiros tinha kits com escovas de dentes, creme dental, enxaguante bucal, barbeador, creme de barbear e hidratante.

Como é voar para o Japão

Fones de ouvido com redutor de ruídos

Como é voar para o Japão

As pantufas vem nesses sacos para guardar os sapatos

Como é voar para o Japão

Produtos do banheiro


Voo e serviço de bordo 

Logo após o embarque a comissária que me atenderia se apresentou, assim como a chefe de cabine. Ambas eram cordiais, mas nada de especial. Trouxeram uma toalha quente para a higiene das mãos e serviram um welcome drink, eu escolhi um espumante brut, não recordo a marca, mas estava morno. Foi o segundo voo que eu fiz com a Korean e que a bebida estava quente.

Como é voar para o Japão

Welcome drink

O voo saiu de Bangkok com um pouco de atraso. Neste voo a Korean serviu apenas uma refeição, o jantar. Em voos que saem depois da meia noite a Korean só oferece o serviço de café da manhã antes do pouso. Confesso que é bem decepcionante para um voo de cerca de 6 horas.

Após atingir a altitude de cruzeiro a tripulação começou o serviço de bordo. Eu escolhi o peixe e veio acompanhado por uma massa tipo talharim, molho branco e um tomate grelhado. De entrada uma sopa de batatas, pães para acompanhar e frutas de sobremesa. Para beber eu pedi um vinho branco para conversar melhor com o peixe. Estava ok, mas nada espetacular. Eu já sabia que o serviço da Korean na classe executiva não era dos melhores, mas esse jantar estava bem triste. Acreditem, eu fui mais feliz quando voei com eles na classe econômica no ano passado.

Como é voar para o Japão

Entrada

Como é voar para o Japão

Pães

Como é voar para o Japão

Prato principal

Como é voar para o Japão

Sobremesa

Logo depois do jantar eu coloquei a minha poltrona na posição cama e tentei dormir, mas a cabine estava quente. E isso infelizmente é algo bem comum nas companhias aéreas asiáticas. Por fim eu dormi e acordei quando acenderam as luzes antes do pouso em Seul.

Como é voar para o Japão

Amanhecendo em Seul


Como é voar para o Japão com a Korean: Seul x Tóquio


Depois de desembarcar em Seul eu segui para a área de conexões, fiz o procedimento de raio-x sem problemas e entrei na imensa sala de embarque do Terminal 2, que é usado pela Korean e parceiras Skyteam em Seul.

A minha conexão em Seul era de 3 horas, deu para andar um pouco pelo terminal e depois esperar pelo meu voo na sala VIP da Korean. A sala é bem grande, mas não tem nada de especial e estava abarrotada de gente.

Confesso que estava até incomodando tanta gente entulhada naquela sala. Bom, saí dali e fui andar mais um pouco esperando o meu próximo voo.

Como é voar para o Japão

Detalhe da sala de embarque de Seul


A aeronave

O voo KE703 de Seul até Tóquio Narita estava programado para sair às 10h10 com 2h30 de duração. A aeronave desse voo foi um Airbus A330-300 configurado com 24 lugares na classe executiva no layout 2-2-2 e 252 lugares na classe econômica no layout 2-4-2. Totalizando 276 lugares.

Como é voar para o Japão

Como é voar para o Japão na Korean Air em classe executiva: A330-300

A poltrona era a mesma do voo anterior, a diferença é que a tela é um pouco menor, mas igualmente touchscreen e com boa resolução. Nas poltronas tinha aquele travesseiro bem pequeno e nada de cobertor. Uma sacola com pantufas e fones de ouvido com redutor de ruídos. Nos banheiros também tinha kits com escovas de dentes, creme dental, enxaguante bucal, barbeador, creme de barbear e hidratante.

Como é voar para o Japão

Exatamente a mesma poltrona


Voo e serviço de bordo

Após o embarque a comissária trouxe uma toalha quente para a higiene das mãos e uma bandeja com o welcome drink, tinha suco de laranja e água. Como o voo não estava cheio, o embarque foi rápido e já iniciamos o pushback.

Como é voar para o Japão

Pushback

O voo saiu no horário e pouco depois a tripulação começou o serviço de café da manhã. Tinha duas opções: omelete ou bibimbap – um prato típico da Coréia do Sul. Pedi o omelete que veio com 4 salsichas, espinafre e meio tomate. Também tinha iogurte, pães e frutas. Para beber sucos, café e chá. Novamente, estava ok, mas nada de espetacular. 

Como é voar para o Japão

Café da manhã

Como é voar para o Japão

Sobremesa

Logo depois do serviço a tripulação distribuiu os formulários de imigração do Japão. Depois de preencher eu ainda consegui dormir um pouco antes do pouso no aeroporto de Narita em Tóquio.

Como é voar para o Japão

Como é voar para o Japão na Korean Air em classe executiva

O voo em si foi super tranquilo e sem turbulências, novamente a cabine estava bem quente. 

***

Voar para o Japão com a Korean Air na classe executiva foi novamente uma experiência abaixo do esperado. Seja pela cabine desatualizada ou pelo fraco serviço de bordo. No ano passado eu disse que não voltaria a voar com eles em classe superior em voos de curta ou média distância, pois não vale o investimento, mas resolvi dar uma segunda chance. Depois desse voo eu ainda fiz mais um, de Osaka para Seul e esse foi uma experiência melhor, mas é assunto para o próximo post.


Onde ficar em Tóquio


Se você estiver procurando onde ficar em Tóqui, aqui no blog tem um post bem completo explicando os melhores bairros.

Reservando um hotel pelo Booking.com aqui no Vou na Janela, você ajuda a manter o blog e não paga nada a mais por isso.

***

Se você ainda não decidiu onde ficar em Tóquio, sugiro olhar a caixa de ofertas aqui embaixo. Ela é atualizada automaticamente pelo Booking.com.



Booking.com


Passeios em Tóquio


Compre aqui seus passeios em Tóquio, ganhe tempo e evite filas.


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.