Roteiro pelos Países Bálticos: Estônia, Letônia e Lituânia

Se você estiver procurando um roteiro pelos Países Bálticos, veio ao lugar certo! E se você ainda estiver na dúvida se vale a pena fazer esta viagem, eu já te digo de antemão: Sim, vale muito a pena!

Os Países Bálticos correspondem a Estônia, Letônia e Lituânia, são estados europeus banhados pelo Mar Báltico. Curioso é que os três países pertenciam a Rússia até 1910 quando se tornaram independentes. Mas após o fim da Segunda Guerra Mundial os três países – assim como vários outros – foram anexados a União Soviética, do qual fizeram parte até o fim da mesma em 1991. Por conta disso, a influência russa é imensa nesses três países, seja na cultura, gastronomia e arquitetura.

O que fazer em Tallinn:

Roteiro pelos Países Bálticos: Tallinn

Estônia, Letônia e Lituânia vem caindo no gosto dos viajantes e a explicação é fácil de entender: são países lindos e bem mais baratos que os vizinhos mais ricos do lado oeste. Onde a gente consegue fazer uma bela viagem sem gastar rios de dinheiro como na França, Alemanha ou Reino Unido, por exemplo.

São cidades que preservam a sua herança medieval, mas que também oferecem todo conforto e modernidade de qualquer capital européia. Tallinn é a capital da Estônia, Riga da Letônia e Vilnius na Lituânia.

Eu sei que até aqui eu já te convenci, então vamos falar das partes práticas antes de entrar no roteiro pelos Países Bálticos, ok?


Como fazer o roteiro?


Existem duas maneiras principais, começando por cima, pela Estônia e descendo para a Letônia e finalizando na Lituânia. Ou você pode fazer o inverso e começar pela Lituânia e finalizar na Estônia.

Dos três países, Estônia e Letônia são incríveis, a Lituânia fica um pouco na lanterna dos outros dois. Acho bom deixar claro para alinhar com as suas expectativas e evitar desapontamentos, ok?

Sabendo disso, eu acho mais legal começar o roteiro por cima e vir descendo. E aí se você não achar a Lituânia tão interessante assim, pode fazer a Estônia e a Letônia apenas.

Roteiro pelos Países Bálticos

Eu visitei os Países Bálticos em dois momentos, primeiro eu fui a Letônia e Estônia no outono gelado e senti falta de ter incluído a Lituânia no roteiro. Nove meses depois eu voltei nos Países Bálticos para visitar a Lituânia, no fim do verão. Dessa forma eu consegui montar este roteiro.


Como se locomover


Existem duas maneiras principais para se locomover entre as capitais: ônibus ou avião. O ônibus é a melhor opção pois você pode pode incluir cidades menores no seu roteiro, já que o avião só voa entre as capitais. E não se preocupe, as estradas são ótimas e os trechos não são longos demais.

Quem faz os trajetos de ônibus é a excelente Lux Express, uma empresa dos Países Bálticos que atende bem tanto Estônia, Letônia e Lituânia, como alguns países vizinhos. Eu viajei com eles e vale muito a pena, os ônibus são super confortáveis e o preço é bem barato. Por exemplo, de Riga para Tallinn eu paguei 5 euros na passagem, contra 100 euros que era cobrado no mesmo trecho de avião.

Recomendo ler esse post sobre como é viajar com a Lux Express e dicas de como comprar a passagem.

viajar entre os Países Bálticos

Ônibus da Lux Express

A opção aérea entre as capitais é voando com a Air Baltic, a companhia aérea dos Países Bálticos. A companhia oferece um bom serviço e também pode ser uma boa opção para chegar aos Países Bálticos se você estiver vindo de outra capital europeia.

Dá uma olhada nesse post sobre como é voar com a Air Baltic

Outra opção menos usada, mas que é certamente a mais cômoda, é alugando um carro. Você pode alugar um carro aqui.

Air Baltic


Roteiro pelos Países Bálticos


Estônia

Vamos começar o nosso roteiro pelos Países Bálticos em Tallinn, a belíssima capital da Estônia. Uma das mais charmosas cidades dos Países Bálticos e uma das menores capitais da Europa, são 400 mil habitantes. O que faz com que a cidade tenha cara de cidadezinha, mas com toda a comodidade que uma grande cidade pode oferecer.

Tallinn surgiu lá pelo ano de 1050 e por estar na margem do Mar Báltico, ela desenvolveu um importante papel mercantil no norte da Europa. Por essa razão, a cidade foi totalmente murada e são essas muralhas que delimitam até hoje a cidade velha, a Old Town, da parte mais nova que foi surgindo nos séculos seguintes.

Confira aqui o meu roteiro completo em Tallinn

Onde se hospedar em Tallinn

Roteiro pelos Países Bálticos: Tallinn

Em Tallin o bacana é explorar com calma a Cidade Velha, cada ruazinha, beco e cantinho da cidade. Não deixe de visitar as muralhas, as que ficam na parte mais alta da cidade garantem vistas lindas de Tallinn.

Desconsiderando o dia da chegada, eu recomendo ficar pelo menos 2 dias cheios em Tallinn para você possa conhecer a cidade melhor. Eu fiquei 3 dias e foi ótimo, pois no primeiro dia nevou bastante (era novembro) e nos dias seguintes o tempo melhorou, a neve derreteu e ficou tudo lindo. Mas foi interessante para ver a cidade a partir desses dois pontos de vista.

Veja aqui onde se hospedar em Tallinn para otimizar ao máximo a sua visita.

Old Town

Saindo de Tallinn em direção a Riga, no meio do caminho fica Parnu, uma cidade de praia no litoral da Estônia. Talvez pegar uma praia nas águas geladas do Mar Báltico não esteja nos seus planos, mas Parnu é uma cidade linda.

Vale passar pelo menos uma noite lá para explorar o centro histórico, os parques e um passeio na praia. Bacana por ser uma cidade linda e pouco turística! No dia seguinte você pode seguir seu roteiro para Riga.

Veja aqui as sugestões de hospedagem em Parnu

Roteiro pelos Países Bálticos: Parnu (imagem: Creative Commons)


Letônia

Riga é pequena, preservada e tranquila. A cidade nasceu na margem do Rio Daugava, onde hoje fica o que é a sua Old Town, a cidade antiga. Sim, toda essas cidades tem a sua “old town”. Essa área, com características medievais, bem preservadas e cheias de ruas estreitas e vazias são um presente para quem está cansado de lugares abarrotados de turistas.

Comece o seu roteiro em Riga explorando essas ruas, o bacana é se perder e ir explorando cada cantinho, descobrindo novos cenários a cada curva. A cidade parece que é feita de casinhas de bonecas e ela é originalmente assim, não é algo feito para encher os olhos dos turistas.

Veja aqui o meu roteiro completo em Riga

Roteiro pelos Países Bálticos: Riga

Riga tem lugares bacanas como a Igreja de São Pedro, no topo da torre do sino você vai ter a melhor vista de Riga. Ou o Museu da KGB, antigo quartel general da agência de espionagem russa, vale super a visita.

Como Riga é bem pequena, 2 dias cheios lá vai dar para conhecer tudo com calma e depois você pode seguir rumo a Lituânia.

Confira aqui as minhas dicas de onde se hospedar em Riga

Onde se hospedar em Riga

Old town


Lituânia

Antes de chegar em Vilnius, faça uma parada em Kaunas, uma linda cidade lituana no meio do caminho. A cidade é super bonita, ela é cortada pelo Rio Neman, tem um centro histórico pequeno e charmoso. Assim como Parnu, não é uma cidade muito turística e por isso é ainda mais interessante a visita. Recomendo passar pelo menos uma noite em Kaunas para que você possa aproveitar melhor a cidade.

Veja aqui as sugestões de hospedagem em Kaunas

Roteiro pelos Países Bálticos: Kaunas

Por fim, finalize o seu roteiro em Vilnius, a pequena capital da Lituânia. A cidade fica no vale Rio Neris, cercada por muitas colinas verdes e montes. É uma das cidades mais verdes que eu já visitei nessa parte do mundo.

E assim como as outras cidades, Vilnius também tem a sua Cidade Velha, infelizmente não é tão bonita ou bem cuidada como em Tallinn e Riga, mas ainda assim tem o seu charme.

Também é bacana ver a cidade de cima, do monte onde fica o Castelo Gediminas, porém o mais curioso de Vilnius é a República Independente de Uzupio. Um bairro de Vilnius que se proclama uma república independente. E tem imigração, dia da independência e a constituição fixada em um dos muros do bairro, quer dizer, do “país”. No roteiro que eu vou deixar o link aqui abaixo eu conto melhor essa história.

Veja aqui o meu roteiro completo em Vilnius

Onde ficar em Vilnius

Roteiro pelos Países Bálticos: Vilnius

Em Vilnius você pode fazer também um passeio de barco pelo Rio Neris, caminhar na beira do rio ou até mesmo fazer um passeio de balão super famoso no fim de tarde da cidade.

Veja aqui onde se hospedar em Vilnius

Para Vilnius eu recomendo 2 dias, nada mais que isso, como eu disse, a cidade é pequena e infelizmente não é tão bonita como Riga e Tallinn.

Vilnius


Distâncias


  • Tallinn x Parnu: 127km | Tempo de viagem: 1h40 de carro ou 2h de ônibus.
  • Parnu x Riga: 182km | Tempo de viagem: 2h20 de carro ou 2h30 de ônibus.
  • Riga x Kaunas: 261km | Tempo de viagem: 3h20 de carro ou 4h de ônibus.
  • Kaunas x Vilnius: 102km | Tempo de viagem: 1h10 de carro ou 1h30 de ônibus.

Planejando a sua viagem


calendario

Quando ir

A melhor época para visitar os Países Bálticos é na primavera e verão. São países frios no outono e inverno e nessa época as temperaturas ficam quase sempre abaixo de zero, além de nevar. Eu confesso que gosto e o frio não me atrapalhou em nada.

 

carro

Como chegar

Não existem voos diretos do Brasil para os Países Bálticos, na primeira vez eu estava em Paris e voei direto com a Air Baltic, uma excelente companhia aérea que eu recomendo muito. Existem voos diretos das principais cidades européias para lá.

 

icon1

Visto

Brasileiros não precisam de visto para nos Países Bálticos. Estônia, Letônia e Lituânia fazem parte da União Européia e sendo um país Schengen, o visto de entrada vale para a visitar todos os países.

 

icon2

Quanto custa

Mais barato que os países do oeste europeu, Dá para comer bem pagando até entre 10 e 15 euros. Se hospedar em um 3 estrelas por 22 euros a diária.

 

icon3

Como se locomover dentro das cidades

Todas as cidades são pequenas, dá para fazer tudo a pé, mas em todas elas existem uma rede de bondes (trams) ou ônibus que são bem eficientes.

 

icon4

Onde se hospedar

O melhor lugar para se hospedar em ambas as cidades é dentro das Old Town ou próximo. Confiram os meus posts com dicas de hospedagem para você escolher o local ideal.

 

icon4

Seguro viagem

O Seguro viagem é obrigatório para viajar para a Europa. Faça seu seguro viagem aqui com desconto.

 


Reserve a sua hospedagem aqui




Booking.com


Resolva a sua viagem


Reserve a sua hospedagem pelo Booking.com

Faça aqui o seu seguro viagem internacional

Compre aqui os ingressos para os seus passeios

Consultoria de viagens e roteiros personalizados

Ebooks e guias para download


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

10 Comentários

  • Responder outubro 17, 2018

    Andrea

    A foto de introdução já é um convite para o post e com o roteiro ficou 10…parabéns pelos dicas e a forma que colocou!

    • mm
      Responder outubro 18, 2018

      Fabricio Moura

      Obrigado, Andrea =)

  • Responder outubro 17, 2018

    Leo Vidal

    Fabricio, achei seu roteiro perfeito e fatalmente o reproduzirei quando for conhecer os Países Bálticos. Achei ótima a opção do ônibus, parece ser bem tranquilo mesmo. Pela sua experiência, 10 dias seriam suficientes para conhecer tudo. Mas fiquei na dúvida, você saiu de onde para Estônia??? Voo direto para Europa a partir do Brasil e depois conexão para lá?

    • mm
      Responder outubro 18, 2018

      Fabricio Moura

      Oi Leo, tudo bem? Obrigado pela mensagem. Eu fiz os 3 países em duas viagens distintas. Primeiro eu fiz Letônia e Estônia e senti falta da Lituânia, voltei 9 meses depois para fazer só a Lituânia. Em 10 a 12 dias é possível sim e na primeira ocasião eu voei de Paris para Riga e na segunda viagem eu fui de Varsóvia para Vilnius de ônibus com a Lux Express, pq a passagem era muito barata, 9 euros contra 123 euros do avião.

  • Responder outubro 18, 2018

    Gabriela Torrezani

    Muito legal o seu roteiro, já faz tempo que quero conhecer a Letônia com uma amiga que tem origem Leta, mas os outros países nunca tinham passado pela minha mente… adorei, vou sugerir a ela dfe fazermos esse passeio pelos 3 países balticos de uma vez 😀

    • mm
      Responder outubro 18, 2018

      Fabricio Moura

      Eu me apaixonei por Riga, até pensei em passar um tempo maior lá, quem sabe ano que vem?

  • Responder outubro 19, 2018

    Edson Amorina Junior

    Adorei o roteiro, Fabricio, acabou de entrar num to do list aqui para viagens futuras :-9

    • mm
      Responder outubro 19, 2018

      Fabricio Moura

      Obrigado Edson! Vale muito a pena, são países lindos.

  • Responder outubro 20, 2018

    Angela C S Anna

    esse roteiro é show de balls! eu acompanhei quando vc fez no insta e achei demais. até coloquei nos meus países pra visitar esse ano, só que com neve eu não sobrevivo não aheuahea

    • mm
      Responder outubro 21, 2018

      Fabricio Moura

      Hahahahaha que isso guria, neve é tão bom hahhaha só que não! Mas depois dos -18 na Rússia, nada me assusta mais.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.