Marina Barrage, um parque em cima de uma barragem em Singapura

Marina Barrage

O parque do Marina Barrage é um lugar que eu descobri totalmente por acaso durante as minhas andanças por Singapura. Por isso eu sempre digo que a melhor maneira de conhecer uma cidade, é andando muito por ela.

O Marina Barrage é um excelente exemplo dos esforços do governo de Singapura de ser uma cidade verde e sustentável, reaproveitando e ressignificando espaços privados, convertendo-os em áreas abertas ao público.

Ponto de encontro no fim do dia

O lugar é um complexo onde funciona um reservatório de águas e uma barragem que regula o nível da água na Marina Bay, evitando assim que aconteçam inundações nos períodos das monções, quando as chuvas são bem intensas. Mas como em Singapura tudo é muito bem pensado, o terraço da Marina Barrage foi transformado em parque público.

E foi caminhando pela via lateral ao Garden by the Bay que eu cheguei até o Marina Barrage em um fim de tarde. O lugar estava cheio de gente fazendo piquenique, conversando, comemorando aniversários e muita gente soltando pipa.

O mais bacana é que a sensação que eu tive, é que eu era o único estrangeiro ali, se é que isso é possível em Singapura, uma cidade em que a população foi formada unicamente por estrangeiros.

A Singapore Flyer pode ser vista de diversos pontos da cidade


Como visitar o parque do Marina Barrage


A estação de metrô mais próxima do Marina Barrage é a Bayfront, a mesma que atende ao Gardens by the bay. E existem dois caminhos, um por dentro do Gardens, que eu acho mais bacana ou pela rua, passando pela Marina Boulevard e depois virando a esquerda na Marina Gardens Drive.


Vídeo



Reserve aqui seus passeios em Singapura



Confira o nosso post completo com dicas de onde ficar em Singapura clicando aqui ou siga as dicas abaixo.

Quando falamos de lugares para se hospedar em Singapura a primeira imagem que vem em mente é o espetacular Marina Bay Sands, um dos hotéis mais famosos e desejados do mundo. E a fama dele se deve ao luxo e a sua piscina, que é nada menos que a maior piscina de borda infinita no topo de um prédio em todo o mundo.

Nesta mesma região fica o The Fullerton Hotel Singapore, um hotel cinco estrelas incrível e que tem uma das melhores localizações de Singapura.

Do outro lado da Marina Bay fica o The Ritz-Carlton Millenia Singapore e além de todo o luxo de um Hilton, ele tem uma das melhores vistas de Singapura.

Se você não quiser gastar tanto no Hilton, coladinho nele fica o Marina Mandarin Singapore, que tem a vista igualmente boa

Chinatown, como o nome diz, é o bairro chinês de Singapura. Ele fica coladinho em Marina Bay e tem hotéis igualmente excelentes e mais baratos. Nessa região fica o excelente Orchid Hotel, um quatro estrelas super confortável, com uma piscina deliciosa.

Pertinho dele fica o Amara Singapore, eu já me hospedei no Amara de Bangkok e é maravilhoso. Um cinco estrelas com preço de 3 estrelas.

Para quem pretende ficar em hostel, as cápsulas são a melhor opção pois garantem mais conforto e privacidade que os hostels. A mais famosa delas é a MET A Space Pod, que tem filiais em Boat QuayChinatown e na Arab Street. Vale dizer que todas tem ótima localização, apesar de que eu acho a de Boat Quay melhor localizada. 

Em Chinatown tem um hotel cápsula bem famoso, o Galaxy Pod e o bacana é que ele tem cápsulas para casais a partir de R$ 190,00. Nada mal, heim?


Chegando em Singapura: visto, imigração e transporte
Como usar o metrô de Singapura
Regras e leis de Singapura, cuidado para não ser multado
Onde ficar em Singapura


O que fazer em Singapura
Gardens by the bay e as super árvores de Singapura
Bairro Árabe de Singapura
Little India, o bairro indiano de Singapura
Singapore Flyer, a roda gigante mais alta do mundo
Parque Marina Barrage


O seguro viagem é obrigatório para visitar Singapura, além de ser é altamente recomendável caso você tenha algum incidente e precise se auxílio médico ou apoio. Faça o seu seguro viagem aqui com desconto.










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.