O que fazer em Amsterdam, na Holanda em 3 dias

Dicas de Amsterdam em 3 dias

Olá, viajantes! Bem no comecinho do blog, lá em 2015, eu escrevi um post com roteiro de Amsterdam. Tanto tempo se passou que agora eu achei melhor ampliar o leque de conteúdo sobre a cidade e escrever esse post atualizado com o que fazer em Amsterdam em 3 dias. Vamos lá?!

***

Amsterdam é uma das cidades mais fascinantes, cosmopolitas e plurais da Europa. Um lugar único que reúne diversão para todos os gostos e gêneros. Passeios nos famosos canais que cortam a cidade, os mais de 70 museus, cafés charmosos e claro, o infame Bairro da Luz Vermelha.

Antes de aprofundar neste post com o roteiro de Amsterdam em 3 dias, eu vou deixar aqui embaixo alguns links muito importantes para o planejamento da sua viagem. Recomendo a leitura.

Dicas da Holanda para para ajudar na sua primeira viagem
Onde ficar em Amsterdam
Como é passar pela imigração em Amsterdam e transporte até a cidade

Amsterdam em 3 dias

O que fazer em Amsterdam


O que fazer em Amsterdam em 3 dias


Andar pela cidade

Eu acho que esta é a melhor maneira de começar um roteiro em Amsterdam. Afinal, não existe melhor maneira de conhecer uma cidade do que andando por ela. E como Amsterdam é uma cidade plana, caminhar por suas ruas e ruelas é muito confortável.

Observe com as casas e sobrados germinados são peculiares. Você pode achar que alguns estão tortos, de fato, eles são desalinhados, inclinados e parece que vão desabar. A razão disso, é que Amsterdam foi construída em uma área abaixo do nível do mar. Como a cidade surgiu em uma área arenosa e alagada, as ruas e casas foram construídas em cima de estacas de madeira. E com o passar dos séculos, essas estacas foram se deteriorando e as casas entortando ou afundando.

Entre as curiosidades, Amsterdam nunca poderá ter um metrô, por isso eles tem uma rede de trams (bondes) tão boa.

Amsterdam em 3 dias

O que fazer em Amsterdam em 3 dias

Amsterdam em 3 dias

O que fazer em Amsterdam


Museumplein 

Acredite, Amsterdam tem mais de 70 museus. Certamente é impossível conhecer todos eles em uma viagem de 3 dias em Amsterdam. Mas existem alguns que são obrigatórios. Siga direto para a Museumplein ou Praça dos Museus. É lá que ficava o famoso letreiro “I amsterdam”. Se você não sabia, o letreiro foi removido dali e agora é itinerante, sendo exposto em diferentes partes da cidade.

Na Museumplein ficam o Rijksmuseum (nunca consegui falar esse nome), o Museu Van Gogh e perto também fica o Stedelijk e a Concertgebouw, uma casa de espetáculos. Curte ópera? Lá sempre tem espetáculos com preço bem amigo.

Amsterdam em 3 dias

Museumplein quando ainda tinha o letreiro

Museumplein


Vondelpark 

Não distante da Museumplein, fica o Vondelpark, o maior e mais famoso parque público de Amsterdã. É aquele lugar para fugir do barulho, sentar na grama e tomar um sol ou fazer um piquenique com os amigos.

Amsterdam em 3 dias

Vondelpark

Amsterdam em 3 dias

Amsterdam em 3 dias: Vondelpark


Museu de Cera Madame Tussard 

Uma das filiais do Museu de Cera Madame Tussard fica na Dam Square, na parte mais histórica da cidade. Eu já fiz um post aqui no blog falando sobre o museu, dá uma olhada. Também na Dam fica o Palácio Real de Amsterdã. 

Quando eu estive lá, estava acontecendo uma série de reuniões e encontros da União Européia, no sábado a tarde o Presidente da China visitou o Palácio e no domingo eles receberam o Obama. Podem imaginar o nível da segurança, né? 

Leia mais sobre a visita ao Museu Madame Tussauds em Amsterdam

Amsterdam em 3 dias

Museu de Cera Madame Tussard

Museu de Cera Madame Tussard


Casa da Anne Frank 

Não distante dali, na Prinsengracht, nº 263, fica o Museu Anne Frank, que funciona no prédio onde a Família Frank e outras pessoas se esconderam por mais de 2 anos da caçada dos nazistas pelos judeus durante a Segunda Guerra Mundial. 

Uma dica: Compre seus ingressos pela internet (tem links no fim do post) ou chegue muito cedo e se prepare para longas filas. 

Outra Dica: Do outro lado do canal, fica o Cafe Wester, um ótimo lugar para almoçar ou para tomar um belo café e mesmo sendo um lugar turístico, o preço é bem honesto. Eu comi um sanduíche de peito de frango com purê de abacate, cheesecake de frutas vermelhas de sobremesa, um refri e um café por menos de 10 euros.

Amsterdam em 3 dias

Casa da Anne Frank


Red Light District 

Um funcionário do hotel em que eu fiquei me disse que “vir a Amsterdã sem visitar o Red Light District é como ir a Londres e não ver o Parlamento e o Big Ben”. Pretensioso ou não, o bairro de Amsterdam onde a prostituição é legalizada, é bem mais do que um lugar onde as moças de vida nem tão fácil assim atendem a sua clientela.

O bairro foi criado para que as moças pudessem exercer a profissão mais antiga do mundo em um lugar longe dos olhares mais conservadores. As ruas são apinhadas de pequenas vitrines emolduradas com neón vermelho. 

Quando você diz que vai no bairro da luz vermelha pela primeira vez, o conselho é sempre o mesmo: “Guarde sua câmera se não quiser ter problemas”. E o conselho é sério. Dizem que você pode ser agredido por alguns “seguranças” que ficam rodando por ali e até ter a sua câmera jogada em um dos canais. Eu fiz algumas fotos, a uma boa distância e com zoom de 40x da minha câmera. Mas fiz morrendo de medo.

Ainda sobre o tema sexual, pertinho do Red Light District fica o Museu do Sexo, vale dar uma conferida. 

Leia mais sobre a visita ao Red Light District em Amsterdam

Amsterdam em 3 dias

Amsterdam em 3 dias: Red Light District


Passeio de barco pelos canais 

Outro passeio clichezão mas imperdível, é o tour de barco pelos canais. Mas não se assuste, os canais não são tão limpos como imaginamos. Tem uma boa quantidade de lixo circulando por eles e os holandeses culpam os turistas. 

O passeio noturno tem um charme especial, quando a cidade fica iluminada com pequenas luzes, quase uma penumbra. Alguns barcos oferecem jantar e degustação de vinhos. Eu amei esse passeio e faria mais vezes, pois conseguimos ter uma visão bem diferente da cidade. São dezenas de canais e mais de mil pontes, só no centrinho da cidade são 80 pontes. São tantas pontes e canais que alguns chamam Amsterdam de “Veneza da Holanda”.

No fim do post tem alguns links onde vocês podem comprar esse passeio em Amsterdam.

Amsterdam em 3 dias

Passeio de barco pelos canais


Jordaan 

O Jordaan é meu canto preferido na cidade, ele fica a oeste da região central, tem aquela cara de cidade pequena. Você vai encontrar feirantes e barraquinhas de orgânicos nas ruas, mercados de pulgas vendendo óculos vintage e LPs raros. Não deixe de entrar nos pequenos mercadinhos, brechós e restaurantes charmosos .

Em cada esquina, um canal mais bonito que o outro e a gente fica encantado com os predinhos tortinhos com suas janelas amplas e telhado triangular. 

Amsterdam em 3 dias

Jordaan

Pode acreditar, vez ou outra a gente ainda encontra um morador usando os tradicionais klompen, o tamanco de madeira que é um dos ícones da Holanda. Nunca imaginei que eles ainda fossem usados.

No Jordaan você também vai encontrar uma fartura enorme de docerias e cafés e em um deles, o Café Papeneiland, tem um bilhetinho emoldurado na parede escrito pelo ex-presidente americano Bill Clinton, dizendo que ali ele comeu a melhor torta de maçã da vida dele. E esse pedacinho do paraíso custa apenas 4 euros.

Leia mais sobre o Jordaan aqui

Amsterdam em 3 dias

Amsterdam em 3 dias: Os tamancos de madeira viraram vasinhos de flores


Heineken Experience 

Também por estas bandas fica o Heineken Experience, um dos passeios mais populares em Amsterdam e muito procurado pelos fãs da famosa ceveja. É um grande museu da Heineken com muitas instalações interativas. Vou confessar que eu achei meio dispensável. Prefiro gastar mais tempo nos museus da Museumplein.


Opções de  bate-volta saindo de Amsterdam


Keukenhof

Keukenhof fica entre Amsterdam e Rotterdam, um parque enorme com os jardins mais bonitos que você vai ver na Holanda e talvez, na sua vida e eu não estou exagerando.

São mais de 32 hectares de campos floridos, o parque das tulipas tem uma coleção maravilhosa de paisagens com inúmeras espécies de flores, 7 jardins incríveis e mais de 100 obras de arte.

Keukenhof é ideal para um bate-volta desde Amsterdam de 1 dia. Mas atenção, Keukenhof só pode ser visitado de Março a Maio. Veja aqui como chegar.

Amsterdam em 3 dias

Keukenhof


Rotterdam

Este é outro bate-volta que vale a pena fazer para quem tem mais tempo em Amsterdam. Rotterdam fica distante uns 40 minutos de Amsterdam e os trens conectam as duas cidades a cada 30 minutos. 

Veja aqui o post com um roteiro para o bate volta até Rotterdam

o que fazer em rotterdam

Rotterdam


Bruxelas

Se você tem um dia a mais, dá para fazer um bate-volta de 1 dia até Bruxelas. Na minha primeira vez em Amsterdam eu fiz essa viagem e a valeu muito a pena. Eu peguei um trem na Amsterdam Centraal bem cedinho e lá pelas 11h da manhã eu já estava em Bruxelas. A viagem dura em média 3 horas.

Dá para conhecer as principais atrações de Bruxelas, comprar os famosos chocolates belgas e ainda retornar para Amsterdam a noite.

Eu vou deixar aqui embaixo alguns links que explicam tudo sobre este bate-volta.

O que fazer em Bruxelas em 2 ou 3 dias
O que fazer em Bruxelas em 1 dia
Onde comprar chocolates em Bruxelas
Como ir de trem de Amsterdã a Bruxelas

O que fazer em Bruxelas

Grand Place (imagem: Shutterstock)


Como andar em Amsterdam


Amsterdam não é megalópole e tem uma população de menos de 1 milhão de habitantes. Como eu já disse acima, Amsterdam tem uma ótima rede de transporte, os trams cortam a cidade de ponta a ponta. Mas se você optar por caminhar, a cidade é plana e de fácil locomoção. Ou você pode alugar uma bike e fazer como os holandeses.

De uma forma geral, tudo em Amsterdã fica bem próximo, dá para sair de um lugar e já entrar em outro. Visitar os museus e fazer um passeio de barco. Desembarcar e um bairro gostoso e curtir a noite. Amsterdã tem um espírito jovem e vibrante e a última coisa que você não vai querer é ficar no quarto do hotel.


Onde ficar em Amsterdam


Eu escrevi um post mapeando as melhores áreas para se hospedar em Amsterdã:

Onde se hospedar em Amsterdã: dicas de hotéis bons e baratos

Mas você pode também ver a nossa lista completa de sugestões no Booking.com. Reservando um hotel pelo Booking, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso. Clique aqui



Booking.com


Reserve aqui os seus passeios em Amsterdam


 


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.