O fantástico Museu de Arte Islâmica de Doha, no Qatar

Museu de Arte Islâmica

Se tem uma coisa que eu admiro no Qatar, é que o país preserva e cuida muito bem de sua história. Às vezes de forma bem sutil, como nas orações que decoram os postes de luz no caminho do aeroporto, ou de forma mais palpável andando pelo Souq Waquif. Mas é nos museus, como o fantástico MIA – Museu de Arte Islâmica de Doha, que temos a real dimensão do quanto o Qatar valoriza e preserva a sua história, entretanto, sem deixar de olhar para o futuro. 

O Museu de Arte Islâmica já impressiona a distância, basta uma simples caminhada pelo Corniche para que ele prenda a nossa atenção. 

Museu de Arte Islâmica

Museu de Arte Islâmica

 

Museu de Arte Islâmica

O MIA

 

Museu de Arte Islâmica

Uma das imensas janelas laterais

De linhas retas – uma das características da arte islâmica – o museu é um projeto do arquiteto Ieoh Ming Pei. Que em seu portfólio tem a Pirâmide do Louvre em Paris. Ming Pei viajou pelo mundo estudando a arte islâmica para criar o museu que ele considerou a sua maior obra, a sua Monalisa.

Em um pequeno país como o Qatar, mas gigante em superlativos, a escolha do local de construção do Museu de Arte Islâmica foi feita meticulosamente. Ieoh Ming Pei teve várias opções à sua disposição, mas ele queria algo único e uma ilha artificial foi construída para abrigar o museu.

Museu de Arte Islâmica

Outro pátio com vista para o skyline de Doha

A razão, é para que nada – até mesmo em um futuro muito distante – fosse obstruir a frente do museu. E suas enormes janelas laterais emolduram o passado e o futuro do Qatar. De um lado vemos o Souq Waqif e o porto dos Dhow – barcos que os antigos cataris se aventuraram por meses no mar na colheita de pérolas. E nas outras janelas vislumbramos o moderno skyline de Doha, é o futuro! O Museu de Arte Islâmica de Doha é uma ponte entre o passado e o futuro do Qatar. 

Onde ficar em Doha Museu de Arte Islâmica

Passado, presente e futuro


Impressiona por fora e encanta por dentro


Se do lado de fora o Museu de Arte Islâmica de Doha já impressiona, é quando entramos nele que o nosso queixo cai e ficamos por longos segundos sem palavras.

A  tradição artística do mundo islâmico cria ricos ornamentos altamente geométricos e simétricos. Com a evolução nos séculos, essa arte passou a ficar cada vez mais detalhada e aprimorada pela matemática contemporânea e recentemente por programas de computador, que fornecem ferramentas para criar variações modernas destes ornamentos históricos. 

Museu de Arte Islâmica

Hall principal do MIA

E esses padrões estão em todos os lugares, no Museu de Arte Islâmica de Doha, a geometria está em todos os lugares. Basta olhar com cuidado pelo imenso hall central e a sua fantástica escada. A arte islâmica e a geometria estão em todos os lugares, observe a simetria dos desenhos, o piso formando padrões que parecem subir pelas paredes e atingir os andares superiores. Um verdadeiro presente para os olhos.

Museu de Arte Islâmica

A geometria em todos os cantos

 

Museu de Arte Islâmica

Visto de cima


O acervo do Museu de Arte Islâmica


Com uma construção tão impressionante assim, um risco é que a embalagem chame mais atenção do que o conteúdo. Mas o Museu de Arte Islâmica foi desenhado de uma forma a valorizar ainda mais as peças nele expostas.

A coleção do museu tem peças de diversas partes do mundo islâmico, do Oriente Médio a África, Europa e Ásia. Tapeçarias lindíssimas, pinturas, louças, porcelanas de séculos de história e jóias, muitas jóias. Muitas peças faziam parte da coleção particular da família Al Thani, que são os governantes do Qatar.

Museu de Arte Islâmica

Galerias internas do MIA

Achei bem interessante também uma parte do museu com astrolábios islâmicos, além de muitos instrumentos de navegação, de geometria e matemática. O astrolábio é um instrumento naval antigo, que era usado para medir a altura dos astros acima do horizonte. 

Museu de Arte Islâmica

Muitas jóias

 

Museu de Arte Islâmica

Pinturas


Como visitar o Museu de Arte Islâmica


O Museu de Arte Islâmica fica no Corniche, pertinho do Souq Waqif. Em breve poderá ser acessado pela estação Souq Waqif (Gold Line) do novíssimo metrô de Doha que está sendo construído para a Copa de 2022 e já tem algumas estações em funcionamento.

A entrada do museu custa 50 Rials, mas você pode comprar o Museum Pass por 100 Rials que dá acesso também ao Museu Nacional do Qatar, além de outros museus por 3 dias.

Museu de Arte Islâmica

Museu de Arte Islâmica

Dicas:

  • Tome o Lime & Mint, uma limonada carregada com bastante hortelã no café do museu. Este suco é muito típico do Qatar, além dos chás e do Chai, um café árabe que mais se parece com um chá com especiarias.
  • Aproveite também para passear pelo MIA Park, um parque que foi construído ao lado do museu. No fim dele existe um imenso gramado que parece com as montanhas dos Teletubbies e de lá temos uma vista linda do skyline de Doha. Carrinhos de golfe fazem o trajeto gratuito do estacionamento do museu até o parque, algo muito útil no calorão de Doha.

Mais imagens do Museu de Arte Islâmica


Museu de Arte Islâmica

O café do museu

 

Museu de Arte Islâmica

Acervo

 

Museu de Arte Islâmica

Acervo

 

Museu de Arte Islâmica

Eu já gostava da arte islâmica, eu fiquei ainda mais apaixonado

 

Museu de Arte Islâmica

A arquitetura interessante do MIA

 

Museu de Arte Islâmica

Detalhe do teto

 

Museu de Arte Islâmica

MIA Park

 

Museu de Arte Islâmica

O skyline visto do MIA Park


Vídeo


Confiram o nosso vídeo com 10 coisas para fazer em Doha:



Eu escrevi um post super detalhado com dicas de onde ficar em Doha e também onde evitar. Recomendo a leitura.

A melhor região para ficar em Doha é no Souq Waqif, ou ao redor dele. Dentro do Souq existem alguns hotéis excelentes, como o Souq Waqif Boutique Hotels da Tivoli que tem uma localização excelente. Ou o Al Najada Doha Hotel, que também é da Tivoli e fica em frente ao Souq, assim como o Al Najada Doha Hotel Apartments by Oaks que é um aparthotel.

Outra opção é o Alwadi Hotel Doha MGallery, que fica em um dos outros lados do Souq e com excelente localização. O Kingsgate Hotel Doha, que foi onde eu já fiquei duas vezes e me agradou bastante.

Outras opções na mesma região, temos o Horizon Manor Hotel, ao lado do Museu de Arte Islâmica, assim como Saraya Corniche Hotel e o Best Western Plus Doha.


Dicas para organizar a sua viagem
Quanto custa viajar para o Qatar
Como é passar pela imigração em Doha
Como se vestir no Qatar
Voando para Doha com a Qatar Airways em Classe Executiva
Voando para Doha com a Qatar Airways em Classe Econômica


Roteiro completo em Doha em 3 dias
O que fazer em Doha em uma conexão
Museu de Arte Islâmica
Museu Nacional do Qatar
Souq Waqif
Corniche e passeios de barco pelo mar de Doha
Biblioteca Nacional do Qatar










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


Compartilhe este post:

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.