Como é passar pela imigração em Doha no Qatar

Olá, viajantes! Neste post eu vou contar para vocês como foi passar pela imigração em Doha no Qatar. País sede da próxima Copa e ponto de conexão para quem voa com a Qatar Airways.

***

Desde 2017 os brasileiros e cidadãos de mais de 80 nacionalidades estão isentos do visto de turismo para visitar o Qatar. O país sede da Copa do Mundo de 2022 quer facilitar a entrada dos visitantes. Mesmo se você não for para a Copa, o Qatar é um país belíssimo e Doha um importante ponto de conexão para quem viaja para a Ásia. Por tanto, com a isenção do visto, ficou mais interessante aproveitar a conexão ou alguns dias para conhecer um pouco de Doha.

Eu voei de São Paulo para Doha com a Qatar Airways e fiquei 5 noites. Tempo suficiente para conhecer a cidade. Eu sei que nem todo mundo tem esse tempo todo disponível, mas como disse acima, vale aproveitar o stopover para conhecer um pouco da cidade.

Um detalhe curioso é que no check-in no Brasil o funcionário da Qatar Airways perguntou pelo meu visto. Não sei se ele é novo, mas eu tive que explicar para ele que desde 2017 o visto não é mais necessário. Ele respondeu com um “se você está dizendo…”. Achei de um despreparo imenso, imagina só um funcionário da Qatar falando isso?


Como é passar pela imigração em Doha


Após desembarcar em Doha, basta seguir as placas indicando “Immigration” ou “Baggage Claim”. Tome cuidado ao seguir a multidão pois muitas pessoas seguem para a conexão e poucas ficam em Doha. Siga sempre as placas e na dúvida, pergunte para algum funcionário. Existem muitos no aeroporto para orientar os passageiros.

Após descer uma escada rolante, a gente já vê a distância os balcões de imigração. Não precisa preencher nenhum formulário. Os documentos necessários são a passagem de saída do Qatar, comprovante de hospedagem e em alguns casos, perguntam quanto dinheiro você tem em mãos, além de cartões de crédito.

Como eu voei de classe executiva, o procedimento para quem viaja em cabine superior é um pouco diferente. Chegando na área de imigração eu virei a esquerda e segui para o Arrival Lounge. Um lounge da Qatar onde é feita a imigração dos passageiros viajando em Business ou First Class. 

Confesso que é algo que eu nunca vi na vida. Um funcionário pegou meu passaporte e fez a imigração. Só colheu a minha digital de modo eletrônico e não perguntou absolutamente nada. O carimbo no passaporte vale para uma permanência de 30 dias. 

Em seguida um funcionário passou a minha mochila no raio-x e pegou a minha mala na esteira. Pronto! Já tinha passado pela imigração em Doha e nem tinha percebido.

Para quem viaja de econômica, o procedimento é diferente. Tudo é feito nos balcões como nos demais aeroportos. As digitais também são colhidas e logo depois vem o raio-x da bagagem de mão, e as esteiras de bagagem.

Eu não fiz nenhuma imagem pois eles proíbem isso nessas áreas do aeroporto. 

Depois eu segui para o desembarque e já encontrei o funcionário do hotel que estava me esperando.

Confesso que foi bem mais fácil e simples do que eu imaginava, o fato de estar voando de Business tornou a experiência ainda melhor, mas a isenção de visto facilita demais as coisas.

Para quem tem pouco tempo em Doha, recomendo muito o serviços da Doha Experience. A Luci é uma guia brasileira baseada em Doha e me mostrou a cidade de modo muito especial. Confesso que sem ela a minha experiência não teria sido nem a metade do que foi. Recomendo muito o trabalho dela.


Onde ficar em Doha


Procurando onde ficar em Doha? Veja aqui a nossa lista de sugestões de hospedagem. Ou encontre uma opção de hospedagem na caixa abaixo.



Booking.com


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.