Souq Waqif, o coração cultural e social de Doha, no Qatar

Souq Waqif

Uma das coisas que mais me impressionou em Doha foi a maneira como o passado, presente e o futuro convivem harmonicamente. E nada representa melhor a história do Qatar do que o Souq Waqif, o antigo e ainda pulsante mercado de Doha.

Para contextualizar, Souqs são mercados tradicionais encontrados na maioria das cidades árabes, especialmente no norte da África e nos países da região do Golfo Pérsico.

Coração cultural e social do Qatar, o Souq Waqif é um antigo mercado onde beduínos traziam suas mercadorias – como ovelhas, cabras e lãs – para trocar por itens essenciais. Até a década de 1970, antes da construção do Corniche, o calçadão a beira mar e uma das áreas mais agradáveis da cidade, as águas do Golfo Pérsico chegavam até o Souq. 

E como o mercado costumava ser inundado com o vai e vem da maré, os comerciantes trabalhavam em pé, em barracas improvisadas. Daí o nome Souq Waqif, onde “Waqif” significa “em pé” em Árabe.

Souq Waqif

Souq Waqif

Entretanto, o mais expoente ícone da tradição qatari caiu em declínio nos anos 90 com a necessidade de modernização do Qatar movida a petrodólares. Os shoppings com ar condicionado floresceram em Doha e o Souq Waqif perdeu seu brilho. Até que após um incêndio em 2003, o governo colocou em prática um plano de reconstrução do Souq Waqif e restauração de construções históricas.

Souq Waqif

Paredes de barro e com as vigas expostas

Souq Waqif

Um grande ponto de comércio e também de encontro

As lojas de paredes de barro e com as vigas de madeira exposta, nos transporta para um autêntico Souq do século 19. Mas não se engane com a rusticidade, logo abaixo do Souq Waqif há um grande e moderno estacionamento dotado de um potente ar condicionado. 

E se alguma vez você já esteve em um Souq, esqueça completamente a sua experiência. Primeiramente, em Doha não há assédio com os visitantes e em segundo lugar, o Souq Waqif é perfumado, limpo e agradável.

Souq Waqif

Dedão duvidoso

O Souq Waqif é um excelente lugar para fazer compras, desde nozes e frutas secas até as roupas mais tradicionais bordadas com fios de ouro e até mesmo algumas quinquilharias made in China. Não tem jeito, os chineses estão em todas as partes. O Souq também é um ótimo lugar para comer.

Dos mais tradicionais aos restaurantes típicos de outras partes do mundo. Lugares baratos e também sofisticados, como o Parisa, um restaurante iraniano que já foi frequentado pela monarquia qatari e que vale a visita apenas para admirar a decoração. Porém, se você quer comer bem, sem voltar mais pobre para o Brasil, recomendo o Damasca. A comida é incrível e a atmosfera do lugar é única.

Souq Waqif

Sala VIP do Parisa

E já que estamos em um lugar tão tradicional, a falcoaria – o esporte mais tradicional do Qatar – ocupa uma grande área do Souq Waqif. Entre nas lojas para conhecer um pouco mais da falcoaria. A maioria dos animais ficam encapuzados, imóveis e tranquilos livres dos estímulos sensoriais embaixo da proteção de couro. E se as aves impressionam, você ficará surpreso ao descobrir que dentro do Souq existe um hospital completo para os falcões, o Souq Waqif Falcon Hospital atende a todas as necessidades das aves e dos seus donos ricos.

Desde cirurgias, check-ups e até um banco de penas. Se um falcão perdeu uma de suas penas em uma disputa, isso não é um problema.

Souq Waqif

Falcões

Se por um lado os falcões do Qatar tem tratamento super vip, outros animais não têm tanta sorte. Foi caminhando por uma das vielas do Souq Waqif que eu cheguei a uma área de venda de animais. Centenas de bichos em gaiolas apertadas a uma temperatura sempre em torno dos 40 graus. Cães, gatos, muitos pássaros, coelhos e até mesmo tartarugas. É o lado triste do Souq Waqif, algo muito comum nesse tipo de mercado e que tirou um pouco do brilho da experiência. Mesmo sendo um dos meus lugares favoritos em Doha.


Como visitar o Souq Waqif


O Souq Waqif fica no coração de Doha, pertinho do MIA – Museu de Arte Islâmica. Em breve o acesso será muito simples pela Estação Souq Waqif do novíssimo metrô de Doha. 

As lojas do Souq começam a abrir por volta das 8h da manhã. Muitas fecham lá pelas 13h e reabrem às 16h. A melhor hora para visitar o lugar é no fim da tarde e começo da noite, quando a temperatura está mais baixa e a visita fica mais agradável.

Na minha primeira visita ao Souq eu fui com a Luci da Doha Experience, uma guia brasileira que me mostrou Doha de uma maneira única. Além de me mostrar curiosidades e lugares únicos do Souq Waqif que só quem é guia poderia conhecer. Recomendo muito o trabalho dela.

Souq Waqif

Souq Waqif


Onde ficar em Doha


Eu escrevi um post super detalhado com dicas de onde ficar em Doha e também onde evitar. Recomendo a leitura.



Booking.com


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram



mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.