Poznan na Polônia em 1 dia: bate volta saindo de Berlim

Poznan em 1 dia

Que tal aproveitar a sua viagem para a Alemanha para conhecer um pouquinho da Polônia? Pois é possível fazer uma viagem de bate-volta saindo de Berlim para Poznan em 1 dia.

***

Poznan é uma das cidades mais bonitas da Polônia, eu estive lá e fiquei 2 dias. Contudo, por ser uma cidade bem pequena, é possível conhecer tudo em 1 dia e voltar no começo da noite para Berlim ou para onde você estiver.

Leia também:
Roteiro na Polônia: Cracóvia, Wroclaw, Poznan e Varsóvia
O que fazer em Varsóvia em 2 ou 3 dias
Roteiro em Cracóvia em 3 ou 4 dias
O que fazer em Wroclaw em 2 dias


Poznan em 1 dia: como fazer o bate-volta


Poznan tem um aeroporto que recebe voos de Berlim, entretanto esta está longe de ser a maneira mais barata e mais prática de chegar em Poznan. A viagem de avião dura 40 minutos, mas precisamos considerar aqui o tempo de espera perdido nos aeroportos, além do deslocamento.

Portanto, a melhor maneira de conhecer Poznan em 1 dia saindo de Berlim, é de ônibus. A Flixbus faz a viagem entre as duas cidades em vários horários e com ótimos preços. Eu já viajei com eles em todo o roteiro que eu fiz na Polônia, veja como é viajar com a Flixbus. Certamente uma ótima opção.

Poznan em 1 dia
Como é viajar com a Flixbus (imagem: divulgação)

O preço da passagem varia com o horário, época do ano ou promoções. Mas o preço básico é de 12 Euros o trecho, o que é uma ótima tarifa. A viagem entre as duas cidades demora em média 3 horas. O tempo também varia de acordo com as paradas, entretanto, sugiro pegar um ônibus expresso.

O ideal é sair bem cedo de Berlim e voltar no fim do dia. Em 7 horas na cidade você conseguirá conhecer bem Poznan. A estação rodoviária de Poznan funciona junto com a estação de trens, fica pertinho do centro e dá para fazer tudo a pé.


O que fazer em Poznan


Primeiramente, comece o seu passeio por Poznan pelo centro histórico da cidade. Essa parte de Poznan é muito semelhante as outras cidades polonesas com suas ruas estreitas, igrejas belíssimas e casinhas antigas, a maioria do século 16.

O que fazer em Poznan Poznan em 1 dia
Poznan em 1 dia: o que fazer

No coração do centro histórico fica a antiga Praça do Mercado (Stary Rynek), é a parte mais bonita de Poznan com dezenas de sobradinhos coloridos germinados rodeando a imensa praça. No meio da Praça do Mercado fica a antiga prefeitura, a construção mais imponente do centro histórico de Poznan. 

Poznan em 1 dia
Praça do Mercado de Poznan

O interessante é que ao meio dia, dois bodes de metal surgem de uma das portinhas da torre e dão 12 cabeçadas. Todo mundo fica imóvel assistindo a briga dos bodes.

Poznan em 1 dia
Praça do Comércio e a antiga Prefeitura ao fundo

Saindo um pouco do centrinho, vale a visita ao Parque Cidadela.  Um imenso parque dentro de Poznan. Cheio de obras, enormes campos verdes e jardins. Lá dentro fica também o Museu Militar de Poznan, cheio de aeronaves e tanques de guerra russos. Tudo da época que a Polônia era dominada pela União Soviética.

Poznan em 1 dia
Museu Militar de Poznan

Também fora do centrinho, mas a uma curta caminhada a partir da Praça do Mercado fica a Catedral de Poznan. O nome oficial dela é Basílica Catedral de São Pedro e São Paulo e foi construída no século X na Ilha Ostrów Tumski.

Poznan em 1 dia
Catedral de Poznan

Porém, a Catedral de Poznan não é apenas uma igreja bonita, ela é o primeiro templo católico da Polônia. E estamos falando de um dos países mais católicos do mundo e de onde veio o Karol Wojtyła, o Papa João Paulo II.

***

É possível conhecer Poznan em 1 dia, todavia, é bacana ficar um pouco mais em Poznan, recomendo ler o meu post com roteiro de 2 dias e com outras dicas, sobretudo onde ficar em Poznan.

***


Chegando em Berlim pelo Aeroporto Shonefeld
Como usar o metrô de Berlim
Qual é a melhor época para visitar Berlim
Quantos dias ficar em Berlim
Onde ficar em Berlim


O que fazer em Berlim (roteiro de 3 ou 4 dias)
A Ilha dos Museus em Berlim
Como visitar o Muro de Berlim
Como é a visita ao Check Point Charlie
Roteiro do Terceiro Reich e Segunda Guerra Mundial
Roteiro em Berlim Oriental
Muro de Berlim e a East Side Gallery
Tempelhof: o aeroporto de Hitler que virou parque
Tiergarten: uma ilha verde no coração de Berlim


Escolher uma boa localização para se hospedar é um ponto essencial para garantir uma boa experiência em qualquer cidade. Quer mais dicas de hospedagem? Confira a nossa nosso post com todas as dicas.

Algumas dicas:

Como eu chegaria a Berlim e também partiria por essa estação, eu me hospedei no Meininger Hotel Berlin Hauptbahnhof, do lado da estação e pertinho do Portão de Brandemburgo e do Reichstag. O quarto não muito grande, mas era super confortável, com um bom banheiro e um excelente café da manhã.

Nessa mesma região, tem outros bons hotéis que eu conheço e recomendo. E todos são muito bem localizados:

Meliá Berlin
Arte Luise Kunsthotel
Hotel Augustinenhof

Veja mais hotéis nessa região

Outros bairros bacanas e que tem hotéis mais baratos são Prenzauler Berg (veja a lista de hotéis aqui) e Charllottenburg (veja a lista de hotéis aqui). Prenzauler Berg tem muitos bares, restaurantes e fácil acesso ao metrô, assim como Charllottenburg.

Ambos não ficam longe das áreas turísticas e tem opções mais econômicas de hospedagem.

Veja mais opções de hospedagem em Berlim










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


Compartilhe este post:
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.