Como se locomover e quantos dias ficar em Siem Reap

quantos dias ficar em Siem Reap

Siem Reap é a porta de entrada do Camboja para quem deseja visitar o complexo de templos de Angkor Wat e nesse post vou tratar de dois assuntos importantes para quem está planejando uma viagem para lá: como se locomover e quantos dias ficar em Siem Reap.


Como se locomover em Siem Reap


A primeira coisa que você precisa ter em mente quando estiver planejando uma viagem para o Camboja é que este é um dos países mais pobres do mundo, onde a infraestrutura de transportes é bem precária e Siem Reap não tem transporte público.

Isso mesmo, a cidade não ônibus ou trens e nem preciso dizer que metrô é algo que eles provavelmente nem sabe o que é.

Tuk-tuk

Mas se a cidade peca em não oferecer formas de transporte convencionais, a oferta de tuk-tuks é enorme. Eles estão espalhados por todos os cantos da cidade, nas praças, portas de hotéis, mercados… em qualquer lugar você vai achar um deles.

Andar de tuk-uk em Siem Reap é muito barato, uma corrida de uns 8 quilômetros custa 2 dólares e a concorrência é tão grande que os caras te esperam na porta para poder garantir uma corrida de volta para o hotel.

Cheio de tuk-tuks nas portas dos hotéis

Cheio de tuk-tuks nas portas dos hotéis

Apesar do calorão que faz em Siem Reap, é uma viagem agradável, muitas vezes rola uma poeira na cara mas faz parte da aventura.

Você pode contar com eles para te levar da cidade até os templos de Angkor Wat e ainda circular o dia todo com eles pelo complexo de templos, que é enorme.

Uma delícia andar de Tuk-tuk

Uma delícia andar de Tuk-tuk

Taxi

Eles são raridade, mas existem. Não usam nenhuma sinalização que indique que se trata de um taxi e muito menos usam taxímetro. No fundo são carros particulares que prestam esse serviço. A maioria atendem os grandes hotéis e o preço é combinado antes das corridas. O difícil é encontrar um deles, na dúvida, conte com os tuk-tuks.

Alugando uma moto

Outra maneira muito usada para se locomover em Siem Reap é alugando uma moto, dessas do tipo lambreta, que são muito comuns nesse canto da Ásia.

Você pode alugar os veículos em pequenas agências, mas alguns hotéis oferecem esse serviço para os clientes, a diária custa em média 30 dólares e vem com o tanque cheio.

Bicicleta

Para circular pela cidade você também pode alugar uma bike, o duro é pedalar naquele calorão. As ruas de Siem Reap são planas, o que facilita bastante a locomoção.

A maioria dos hostels oferecem as magrelas para alugar e alguns fazem parte de um programa chamado The White Bicycles, que é uma cooperativa que aluga as bikes para turistas e a renda vai para famílias de vítimas de minas terrestres e instituições de caridade.

O The White Bicycles é um projeto bem legal que existe em Siem Reap e vale muito a pena apoiar. As bikes são alugadas por 2 dólares a diária.

camboja4

The White Bicycles

Carro particular

Essa é a maneira mais cômoda para ir de Siem Reap até o complexo de templos de Angkor e visitar todos os templos. Eu contratei um carro com motorista, o que foi vital para a minha sobrevivência naquele calor de 45 graus.

Ele me buscou no aeroporto no dia em que eu cheguei e me levou por todos os templos de Angkor em um carro com um belo ar condicionado, água gelada e ainda toalhinhas refrescantes. Essas frescurinhas que fazem toda diferença.

Preço desse “luxo”: 50 dólares e olha, achei que valeu muito a pena.


Quantos dias ficar em Siem Reap


Como eu disse no começo do post, Siem Reap é a porta de entrada para quem deseja visitar Angkor e as pessoas sempre ficam com dúvidas sobre quantos dias ficar em Siem Reap.

Eu recomendo 3 dias cheios, não considerando o dia da chegada e o dia da partida. A não ser que você chegue bem cedo e passe o dia fazendo um tour pela cidade.

O templos de Angkor podem ser visitados em dois dias, é o ideal, pois são muitos templos e vale a pena perder algumas horas em cada um deles.

Aqui no blog tem um roteiro completo pelos templos:
Roteiros em Angkor Wat e Angkor Thom no Camboja

Angkor Wat

Angkor Wat

Também tem esses dois posts que eu escrevi quando estava lá no Camboja:

Siem Reap: Sunrise em Angkor Wat e cidade antiga
Siem Reap: Templo de Tomb Raider e outros templos

No terceiro dia você pode fazer um passeio pela cidade e visitar o antigo mercado central de Siem Reap, o Museu Nacional de Angkor e os templos da cidade. Também tem um post sobre isso, dá uma olhada:

O que fazer em Siem Reap no Camboja além de Angkor Wat

Old Market

Old Market

No blog também tem alguns posts úteis que vale a pena a leitura:

15 coisas que você precisa saber antes de visitar o Camboja
Como conseguir o visto para o Camboja
Como é passar pela imigração no Camboja em Siem Reap


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar