Como ir do aeroporto de Orly até o centro de Paris ou CDG

aeroporto de Orly até o centro de Paris

Paris é atendida por dois grandes aeroportos, o mais famoso deles é o Charles de Gaulle e o mais antigo, o Orly. Antes da construção do Aeroporto Charles de Gaulle, o Orly era o principal aeroporto de Paris e consequentemente da França. Até hoje Orly é o segundo mais movimentado do país e nesse post eu vou explicar como ir do aeroporto de Orly até o centro de Paris ou de Orly até o Charles de Gaulle para quem estiver em conexão.

Mesmo o Charles de Gaulle sendo o principal aeroporto internacional da França, muitas companhias aéreas operam em Orly, entre elas a TAP, Iberia, Air Europa, Vueling, Easyjet, Royal Maroc, Transavia e muitas rotas da Air France para a Europa e para os territórios franceses mundo afora.

Por tanto, se você sai do Brasil para Paris voando com a TAP, Iberia, Royal Maroc e em alguns casos com a British Airways, você vai desembarcar em Orly. Por isso a importância de saber como ir do aeroporto de Orly até o centro de Paris.

Leia mais:
Veja aqui como ir do Charles de Gaulle até o centro de Paris
Seguro viagem é obrigatório para viajar para a Europa. Faça o seu aqui com desconto


Como ir do aeroporto de Orly até o centro de Paris


Monotrilho + Trem: OrlyVal e RER B

A rede de metrôs de Paris não chega até Orly, por conta da localização do aeroporto que fica relativamente afastado da cidade. O Charles de Gaulle é atendida pela linha B do RER (Réseau Express Régional) que são serviços de trem que saem da região metropolitana e seguem para a cidade, Orly não tem estação do RER, mas é conectado ao serviço pelo OrlyVal.

O OrlyVal é um monotrilho que liga o aeroporto de Orly a estação Antony, que é atendida pelo RER B, o mesmo que vai até o Aeroporto Charles de Gaulle.

Máquina de venda de bilhetes

Ao desembarcar em Orly, basta seguir as placas indicando o OrlyVal até chegar na estação do monotrilho, lá você encontrará algumas máquinas de venda do bilhete e uma bilheteria. Comprar na máquina é muito fácil, o procedimento é esse abaixo:

1) Toque na tela para aparecer o menu principal.
2) Selecione o idioma, o primeiro que aparece é o Francês, mas o sistema está disponível em inglês, espanhol, alemão e italiano. Vamos considerar o inglês, ok?
3) Clique em “Purchase Tickets”.
4) Escolha “To Paris”. Ou se você estiver voltando para o aeroporto, escolha “Tickets for Airports”.
5) Confirme a sua estação de partida.
6) Escolha a estação de destino em Paris ou o Aeroporto se você estiver voltando.
7) Escolha a tarifa (cheia ou para crianças de 4 a 9 anos).
8) Escolha o número de bilhetes. Dá para comprar a volta de uma vez.
9) Confirme o valor.
10) Escolha o pagamento que pode ser feito com notas (mas não em todas as máquinas), moedas ou cartão de crédito.

O bilhete da viagem completa até Paris (OrlyVal + RER B) custa 12.90 euros.

Siga as placas indicando o OrlyVal

Vagão do RER B

Chegando na estação Antony, siga as placas para o RER B e pegue o trem no sentido Mitry-Claye, o trem faz algumas paradas nas estações Denfert-Rochereau, Louxembourg, Port Royal, Chatelêt e Gare du Nord. Dessas estações você tem acesso a rede de metrôs da cidade.

Plataforma da estação Antony

Veja aqui como usar o metrô de Paris

A viagem do OrlyVal até a estação Antony leva uns 8 a 10 minutos e da estação Antony até Paris demora de 25 a 30 minutos.

Para voltar da cidade para o aeroporto, pegue o RER B Sud nos sentidos Massy Palaiseau ou Saint-Rémy Lès Chevreuse. NUNCA pegue o trem no sentido Robinson, este não vai até a estação Antony.

Mapa da linha


Ônibus + Trem: OrlyBus e RER C


Outra opção, e mais barata, é pegar o OrlyBus, um serviço de ônibus que vai do Aeroporto de Orly até a estação Pont de Rungis, que é atendida pelo RER C, outra linha de trem que vai até Paris.

O OrlyBus custa 2.50 euros e o RER C até Paris custa 3.95 Euros e o tempo de viagem é praticamente o mesmo.

Na minha opinião, eu evitaria esse serviço pois a linha C do trem de Paris é gigantesca e cheia de ramais, por isso é muito fácil se perder ali e pegar o trem no sentido errado. Vale a pena pagar um pouco mais e ir na combinação OrlyVal e RER B.

O OrlyBus sai da Porta G no Terminal Sul e da Porta D do Terminal Oeste de Orly.


Ônibus


Linha 1 do ônibus da Air France

A Air France tem uma linha e ônibus que liga Orly a Paris e qualquer pessoa pode usar o serviço, não precisa necessariamente ter voado com a companhia aérea francesa.

A linha 1 vai de Orly até as estações de metrô/trem Gare de Montparnasse, Invalides (pertinho da Torre Eiffel) e Etoile. A viagem dura aproximadamente 1 hora e o bilhete custa 12.50 euros.

Existe também a linha 2, que vai de Orly e vai até o Charles de Gaulle e eu falo melhor abaixo.

Linha 183

Essa linha liga Orly a estação Porte de Choisy do metrô que fica no anel rodoviário que circunda Paris. De lá você tem acesso a rede de metrôs da cidade. É uma opção super econômica pois a passagem custa só 1,90 euros e a viagem leva menos de 1 hora.


Como ir do aeroporto de Orly até o Charles de Gaulle


Monotrilho + Trem: OrlyVal e RER B

Primeiro você vai pegar o OrlyVal até a estação Antony do RER B, como eu já expliquei direitinho acima. A diferença é na hora de comprar o bilhete, você vai escolher a opção entre os aeroportos.

Chegando na estação Antony, você vai pegar o trem no sentido Gare du Nord. Apesar da linha que atende o Charles de Gaulle ser a mesma, não são todos os trens que seguem para lá, alguns param em estações intermediárias ou na Gare do Nord.

Chegando na Gare du Nord, basta pegar o primeiro trem que for no sentido Charles de Gaulle e pronto. A viagem total demora pouco mais de uma hora.



Se você estiver procurando onde ficar em Paris, aqui no blog tem um post bem completo explicando os melhores bairros e onde você deve evitar. Veja aqui. Mas deixo algumas dicas abaixo.

Na minha primeira vez em Paris me hospedei no hotel Bonséjour Montmartre, que tinha nada menos que 4 estações do metrô perto e ficava a uns 15 minutos de caminhada da Gare du Nord. Eu paguei o equivalente a 280 reais na diária com café da manhã.

Já na minha segunda vez em Paris eu fiquei no sensacional Hotel Saint-Louis Pigalle. O hotel também fica em Montmartre, coladinho na estação Pigalle do metrô. Entretanto o que eu mais gostei nesse hotel, é que os quartos tem uma atmosfera de casa. 

Tem hotéis que não tem como errar e o Mercure Paris Pigalle Sacre Coeur é certamente um deles. O hotel fica coladinho na Basílica de Sacré-Coeur e com estação de metrô ao lado. 

A rede Novotel não tem como errar, são hotéis confortáveis e com preços acessíveis. A dica aqui é o Novotel Paris Les Halles, que fica pertinho do Louvre e tem instalações modernas e muito confortáveis.

Hotel Opera Maintenon é um verdadeiro achado, um hotel duas estrelas, mas com conforto de hotel 4 estrelas e ótimo preço. 

Já pensou, ficar hospedado do lado da Torre Eiffel em Paris e sem pagar uma fortuna? A dica é o Hotel Royal Phare, um hotel super charmoso e confortável localizado a uma quadra da Champ de Mars e a uns 700 metros da Torre Eiffel. 

Outro hotel que é um pequeno achado em Paris, o Hotel De Suede Saint Germain é pequeno, aconchegante e fica em uma rua bem tranquila de Paris.


Como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até o centro de Paris
Como ir do aeroporto de Orly até o centro da cidade
Como é passar pela imigração em Paris
Como usar o metrô de Paris
Conheça os 5 golpes mais comuns em Paris


O que fazer em Paris em 4 ou 5 dias
Como visitar a Torre Eiffel
Como visitar o Museu do Louvre sem pegar filas
Dicas para visitar o Museu do Louvre pela primeira vez
Como visitar o Arco do Triunfo
Île de La Cité e Catedral de Notre-Dame
O que fazer em Montmartre
Cemitério do Père-Lachaise










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

2 Comentários

  • Responder fevereiro 29, 2020

    Paulo

    A minha Eurotrip irá ser basicamente: chegada por Lisboa, partida por Paris. Tava pensando mesmo em usar o Orly e essas dicas vieram a calhar!

    • mm
      Responder fevereiro 29, 2020

      Fabricio Moura

      Gostei do aeroporto, apesar de ser muito antigo, ele está revitalizado e tem fácil acesso.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.