Como é voar com a Turkish Airlines de Istambul para São Paulo

Turkish Airlines de Istambul para São Paulo

Depois de fazer alguns voos de curta e média distância, eu estava bem ansioso para saber como é voar com a Turkish Airlines de Istambul para São Paulo.

Voar com a Turkish é sempre uma ótima experiência, mas é nos voos de longa distância que o serviço, até mesmo em classe econômica, mostra o seu diferencial. Vocês podem ler todas as minhas resenhas de como é voar com a Turkish Airlines aqui.

Eleita diversas vezes como a melhor companhia aérea da Europa, a Turkish tem sua base no novo Aeroporto Internacional em Istambul, atendendo mais de 300 destinos em mais de 120 países, é a companhia que mais voa para destinos internacionais.

A Turkish opera um serviço diário de Istambul para São Paulo com continuação até Buenos Aires. Uma ótima opção para brasileiros chegarem tanto na Argentina, quanto em qualquer canto do mundo.

Leia outras avaliações aqui

Como é voar com a Turkish Airlines de Istambul para São Paulo


Como é voar com a Turkish Airlines de Istambul para São Paulo


Novo Aeroporto de Istambul

O meu voo com a Turkish Airlines de Istambul para São Paulo aconteceu antes da companhia transferir as suas operações do antigo Aeroporto Ataturk para o novo Aeroporto Internacional em Istambul.

Por isso eu não posso contar como é a experiência do passageiro neste novo aeroporto, mas aqui tem vários posts sobre este aeroporto e eu recomendo a leitura.

Conheça o novo aeroporto de Istambul
Como ir do novo aeroporto de Istambul até o centro da cidade
Onde ficar perto do novo aeroporto de Istambul

Novo Aeroporto Internacional de Istambul

Novo Aeroporto Internacional de Istambul

Check in

Eu estava vindo de Paris com o stopover de uma noite em Istambul, por isso eu já cheguei na cidade com o cartão de embarque do voo da Turkish Airlines de Istambul para São Paulo na mão. A mala que eu havia despachado não precisou ser retirada.

Depois de curtir uma noite em Istambul, eu cheguei cedo no aeroporto pelo metrô – uma facilidade que o novo aeroporto não tem – e fui direto para a segurança e controle de imigração.

Tags de plástico para a identificação das malas

A aeronave

O voo Turkish Airlines de Istambul para São Paulo, o TK15 com 14 horas de duração foi operado por um Boeing 777-300ER prefixo TC-JJL. Este avião foi entregue novo para a companhia aérea em 2011. Estas aeronaves estão configuradas com 49 lugares na classe executiva no layout 2-3-2 e 300 lugares na classe econômica no layout 3-3-3.

Classe econômica do Boeing 777 da Turkish

As últimas poltronas da econômica

Logo iluminado da Turkish

Falando em classe econômica, que foi onde eu voei, esta configuração que a Turkish colocou nos 777-300ER em filas de 9 poltronas é melhor que muitas empresas que adotam o layout de 10 poltronas por fileira, como a Emirates, Qatar, Air France, KLM e Latam. Isso reflete em mais conforto para o passageiro.

Telas individuais

Todas as poltronas são equipadas com telas individuais do sistema de entretenimento e com portas USB. Inclusive o sistema da Turkish embarcado nessas aeronaves é a versão mais atual, mas eu achei a qualidade da imagem um pouco ruim. As telas são touchscreen, mas também vem com o controle remoto acoplado a poltrona. A aeronave conta com duas câmeras externas que a gente pode acompanhar todo o voo pelo sistema de entretenimento.

Porta USB e outras conexões

Controle remoto

O sistema de entretenimento da Turkish é ótimo, com uma grande variedade de filmes, inclusive muitos recentes, séries de TV, música, jogos e o air-show (mapas de voo). O sistema está disponível em vários idiomas, incluindo o português. Mas nem todos os programas e filmes tem legenda ou dublagem em português.

Esta aeronave também era equipada com internet w-fi paga, mas não cheguei a testar.

Conforto e amenities

A poltrona é revestida com tecido e tem o apoio de cabeça ajustável, eu achei a distância entre elas boa, nada extraordinário, mas bem melhor que em muitas empresas aéreas. Nas poltronas tinham travesseiros de boa qualidade com fronha de algodão, cobertores embalados em sacos plásticos e fones de ouvido.

Poltrona em detalhes

Apoio para os pés

Travesseiro

As poltronas também tem apoio para os pés, o que ajuda um pouco mais na hora de descansar, também achei que elas tem um bom reclino, deu para descansar e dormir algumas horas.

Logo depois da decolagem a tripulação começou a distribuição dos amenity kits da econômica. Na bolsa da Institute Karité veio meia, máscara, escova e creme dental, protetores de ouvido, pantufas e um lip balm da Institute Karité. Este foi o amenity kit de classe econômica mais completo que eu já vi, fiquei realmente impressionado.

Amenity kit da econômica

Produtos de banheiro

Voo e serviço de bordo

A aeronave deixou o gate com um pouco de atraso e a decolagem foi demorada por conta do tráfego de chegadas e partidas no aeroporto Ataturk, um problema crítico que aquele aeroporto tinha.

Logo após a decolagem, a tripulação distribuiu o menu com as refeições e bebidas disponíveis para aquele voo e os amenity kits que eu já mostrei acima.

Menu do voo

Aproximadamente 1 hora após a decolagem a tripulação começou o serviço de bordo. A primeira refeição foi um almoço. Tinham duas opções: frango ou massa, um rigatoni com molho de tomate e queijo parmesão.

Como sempre na Turkish, a comida estava muito boa e além do prato principal tinha uma saladinha de entrada e feijões bombay no azeite. Também tinha um mousse de chocolate como sobremesa e pão. Na bandeja tinha também um copinho de água, sal, pimenta, manteiga, sachê de molho e um lenço umedecido para a higiene das mãos.

Turkish Airlines de Istambul para São Paulo: o almoço

Café para arrematar

Para beber tinha uma enorme variedade de bebidas, como sucos, refrigerantes e bebidas alcóolicas. Eu pedi um vinho tinto que veio em garrafinha individual, algo que eu acho maravilhoso. Os talheres eram de metal e o copo de plástico. Após o almoço a tripulação passou servindo café ou tradicional chá turco.

Depois de comer eu acabei trocando de lugar, pois tinha um russo sentado do meu lado e ele estava muito bêbado, continuava bebendo ainda mais e estava me incomodando. Por sorte tinham outras poltronas vazias, inclusive, tive a sorte de pegar um lugar sem vizinhos.

Snacks e mais bebidas

Assisti um filme e logo depois a tripulação passou distribuindo água, mais aquela variedade enorme de bebidas e um snack. Já dava pra perceber que comida e bebida não faltariam nesse voo da Turkish Airlines de Istambul para São Paulo.

Assisti mais um filme e a tripulação veio com mais uma rodada de bebidas e sanduíches frios. Que estavam deliciosos e por sinal, na galley traseira fica uma cesta enorme cheia de sanduíches, chocolates e outros snacks, além de bebidas.

Panorama da cabine traseira durante o voo

Sanduíches

Mais uma soneca e parecia que esse avião não ia chegar nunca, afinal, estamos falando de um voo de 14 horas. Então quando começamos a nos aproximar do litoral brasileiro, cerca de 1h30 antes do pouso em São Paulo a tripulação começou o último serviço, o jantar.

Se aproximando da costa brasileira

Só tinha uma opção, uma beringela recheada com carne moída com tomate a arroz. Uma saladinha de entrada, pão e mousse de morango de sobremesa. Para beber, novamente eu escolhi o vinho tinto e nem preciso dizer que estava tudo muito gostoso.

Turkish Airlines de Istambul para São Paulo: Jantar

Logo depois do último serviço já iniciamos os procedimentos de pouso no Aeroporto Internacional de Guarulhos em São Paulo, onde chegamos na hora correta. Em São Paulo esta aeronave fica aproximadamente 1h30 em solo antes de seguir para Buenos Aires na Argentina.

Conclusão

Como sempre a Turkish entregou um serviço muito acima de maioria das companhias aéreas, mas neste voo de longa distância a companhia conseguiu superar as minhas expectativas. Um voo de 14 horas na econômica é cansativo, não tem como não ser, mas a qualidade do serviço da Turkish deixa essa jornada menos desgastante.


Assista ao vídeo dessa viagem




Se você estiver procurando onde ficar em Istambul, aqui no blog tem um post bem completo explicando os melhores bairros e onde você deve evitar. Veja aqui.

Veja também onde se hospedar perto do Novo Aeroporto de Istambul.

Na minha última passagem por Istambul eu fiquei no Dosso Dossi Hotels Old City. O Hotel fica no Sultanahmet, colado na Mesquita Azul e na Hagia Sofia. O hotel tem um café da manhã fantástico, além de alguns mimos como chá da tarde e sopa no fim da noite como cortesia.

Na minha primeira viagem eu fiquei em Yenikapi, e essa região é cheia de boas opções de hospedagem e eu escolhi o Marmara Place Old City Hotel e gostei muito desse hotel. A localização era perfeita, a poucos metros do metrô e apenas 2 quadras curtas do ponto de onde passam os trams em direção ao centro histórico.

Pertinho dele, e ainda mais perto do ponto dos trams, tem o Eskar Hotel, que falaram super bem dele pra mim e também é uma ótima opção de hospedagem em Istambul.

Outro hotel nessa região que estava entre os meus favoritos era o Eternity Hotel, com decoração super clean e vista incrível do salão de onde é servido o café da manhã.

Quer ficar hospedado em um hotel no melhor estilo palácio vitoriano e pagando pouco? A dica é o Deluxe Golden Horn Sultanahmet Hotel e como o nome diz, ele fica no Sultanahmet, colado nas grandes atrações de Istambul.

Agora, se você não quer arriscar e prefere ser conservador na hora de escolher onde ficar em Istambul, a dica é o Eurostars Hotel Old City. Ele fica pertinho da Ponte Galata e do Sultanahment.

Outras opções no Sultanahmet, dá uma olhada no Optmist Hotel, que tem uma vista linda da Mesquita Azul, o principal ponto turístico de Istambul. Outro hotel lindinho é o Coliseum, que fica praticamente dentro do Hipódromo e com uma vista perfeita da Mesquita Azul, Hagia Sofia e do Bósforo.


Como ir do novo aeroporto de Istambul até a cidade
Com ir do aeroporto Sabiha Gökçen até o centro de Istambul
Como usar a rede de metrô e bondes de Istambul
Imigração em Istambul
Golpes na Turquia


O que fazer em Istambul
Os bazares de Istambul
Passeio de barco pelo Estreito do Bósforo










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

4 Comentários

  • Responder dezembro 2, 2019

    Renato

    Ola Fabrício!

    Obrigado pela matéria. Pretendo viajar com a Turkish em março/abril e envolve esse voo que vai de Istambul para São Paulo.

    Uma pergunta: tenho um irmão bem grande (1,90 e 180kg hahaha). Fiquei preocupado com esses apoios para os pés, porque acho que ele ia preferir nao utilizar.

    Esses apoios eram retráteis? Dava pra recolher eles de alguma forma para não utilizá-los?

    Obrigado pela atenção.

    Abs,

    • mm
      Responder dezembro 4, 2019

      Fabricio Moura

      Olá! O apoio de pés é retrátil. Mas seu irmão é um cara alto, recomendo pagar pela primeira poltrona para ele ter mais espaço.

  • Responder dezembro 27, 2019

    Juliana Miranda

    Uau, 2 refeições quentes mais lanche é realmente um serviço diferenciado. Já voei de/para Europa com diversas companhias e para dar um exemplo nesse mês pela Tap as bebidas alcoólicas eram extremamente controladas (um copinho por passageiro), serviço rude e mesquinho.
    Felizmente farei o trecho CDG-IST no próximo mês, é bom ter algo de qualidade”

    • mm
      Responder dezembro 27, 2019

      Fabricio Moura

      O Serviço deles é realmente impecável, eu fiz CDG-IST no A330, foi excelente.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.