Onde ficar em Paris: dicas de hospedagem barata

Onde ficar em Paris

Onde ficar em Paris? Foi a pergunta que eu fiz em um fórum de viajantes na internet e depois de várias mensagens eu cheguei a conclusão que escolher hospedagem em Paris não é uma tarefa muito simples.

Os hotéis são em geral mais caros que em outros lugares e eu evito hostels, pois como viajo sempre com equipamentos caros e muitos lugares não tem armários, eu não me sinto seguro. Mais o que me incomoda mesmo é a falta de privacidade, já que eu também trabalho bastante durante as viagens. Esse pequeno detalhe já eliminou boa parte das chances de encontrar hospedagem barata em Paris.

Encontrar uma hospedagem bem localizada, com acesso fácil a rede de trens e metrôs, um quarto decente e com bom preço foi uma missão. Quase como encontrar uma agulha no palheiro. Outro fator importante para mim, era uma acomodação que fosse próxima a estação de trens Gare du Nord, pois é de onde partem os trens para o Aeroporto Charles de Gaulle e como eu chegaria tarde e sairia de Paris bem cedo, eu precisava estar estrategicamente perto dessa estação.

Atenção: Seguro viagem é obrigatório para viajar para a Europa. Faça o seu aqui com desconto


Onde ficar em Paris


Foi aí que eu comecei a buscar hotéis na região de Montmartre, o bairro que na minha opinião é o mais bacana e charmoso de Paris. Se você viu o filme O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, sabe que é nesse bairro que o filme acontece.

Onde ficar em Paris: Ruazinha de Montmartre

Pois foi em Montmartre que eu me hospedei e não me arrependi. Foi lá que eu encontrei uma ótima oferta de hotéis decentes e com preço que cabiam no meu orçamento. Eu me hospedei no hotel Bonséjour Montmartre, que tinha nada menos que 4 estações do metrô perto e ficava a uns 15 minutos de caminhada da Gare du Nord. Eu paguei o equivalente a 280 reais na diária com café da manhã.

Outro hotel que eu vi na ocasião era o Résidence De Bruxelles, esse era ainda mais perto da Gare du Nord, uns 5 minutos de caminhada e com uma estação de metrô praticamente em frente. Eu só desisti dele pois não tinham vagas. No Booking eu encontrei alguns comentários em português de hóspedes dizendo que “a rua não parecia ser muito segura por ser uma região cheia de imigrantes”. Santo preconceito, Batman! Eu passei por essa rua diversas vezes e nunca vi nada de estranho. Na época, a diária nesse hotel ficava em torno de 200 reais, sem café da manhã.

Onde ficar em Paris: Montmartre

Montmartre é uma região que eu recomendo muito a hospedagem, é cheia de bons bares, restaurantes e mercadinhos onde você poderá comprar para abastecer o frigobar com coisas gostosas e economizar uns bons euros. Só tenha cuidado com os queijos, hahaha, entenda aqui.

Dá uma olhada na minha lista de hotéis em Montmartre

Agora, se você pode gastar um pouco mais, tem hotéis incríveis em Paris e isso eu acredito que não seja nenhuma novidade para você, né? Resta saber onde escolher.

Um bairro bem bacana para se hospedar é o Le Marais, que fica no entorno da Ile de la Cité, a ilha onde fica a Catedral de Notre-Dame e não muito distante do Louvre.

Nessa região tem hotéis carésimos, mas também tem hotéis mais econômicos como o Ecole Centrale com diárias em torno de 400 reais. Sim, isso é um hotel econômico nessa cidade.

Dá uma olhada na minha lista de hotéis em Le Marais

Onde ficar em Paris: Le Marais

A região que corresponde ao centro de Paris é enorme, bem localizada e perto de tudo. Também tem hotéis de 8.000 reais a diária, mas pesquisando a gente acha boas ofertas, como o Hotel Devillas, simpático e bem localizado, com diárias que começam em 470 reais.

O centro de Paris tem ofertas para todos os bolsos e pode ser uma boa opção para você.

Dá uma olhada minha lista de hotéis no centro de Paris

Onde ficar em Paris: Centro de Paris

Ainda não encontrou um bom hotel? Dá uma olhada nessa seleção:


Booking.com


Reserve um passeio em Paris



Posts sobre Paris


O que fazer em Paris pela primeira vez
Como visitar a Torre Eiffel
Catedral de Notre Dame e a Île de la Cité
Dicas para visitar o Museu do Louvre
Como visitar o Museu do Louvre sem pegar filas
A basílica de Sacré-Coeur e Montmartre
Como visitar o Arco do Triunfo
Vamos falar dos queijos fedidos da França?

Planejando a sua viagem

Como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até o centro da cidade
Como ir do Aeroporto de Orly até o centro da cidade
Como usar o metrô de Paris
Onde ficar em Paris
Os 5 golpes mais comuns em Paris


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

8 Comentários

  • Responder dezembro 20, 2017

    Cristina

    Paris é realmente um dos lugares mais caros em termos de hospedagem. A dica do Montmartre é muito boa e o bairro é uma gracinha. Boa escolha!

    • mm
      Responder dezembro 20, 2017

      Fabricio Moura

      Montmartre é uma delicia mesmo, em uma próxima ocasião eu certamente ficarei lá. Obrigado pela mensagem.

  • Responder dezembro 20, 2017

    Deisy Rodrigues

    Só devido a referência ao filme O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, já sei que amaria me hospedar em Montmartre, a localização é bem estratégica, uma ótima dica.

  • Responder dezembro 20, 2017

    Marcia

    Escolher o bairro em Paris vai interferir muito na sua experiência de viagem, né? Eu acho que é o caso que merece um gasto maior pra poder entrar no clima da cidade.

  • Responder dezembro 22, 2017

    Fabio Pastorello

    Adorei as dicas, eu também curti muito me hospedar em Montmartre, o bairro é um charme e adorei me sentir dentro do filme do Amélie Poulain. Marais também é uma ótima pedida, como você falou, mas carinho de fato.

  • Responder dezembro 23, 2017

    Keul Fortes

    Que delicia de post! Tudo que leio com dicas de Paris eu salvo por aqui. hahah! Adorei as dicas de onde se hospedar. Eu particulamente adoro ficar perto da Notre Dame onde é cheio de bistrôs.

  • Responder dezembro 27, 2017

    Camila Magalhães

    Paris é o lugar onde Air B’n’B faz toda a diferença da vida!
    em 2016 paguei 2200 REAIS no apto mega charmoso para ficar 9 noites no Marais!
    E apesar de ter 3 estações de metro no meu quarteirão eu usei quase nada!

    Fiz a cidade praticamente a pé me perdendo e descobrindo cantinhos maravilhosos!
    Ficar e Montmartre acho que seria uma ótima pedida para uma segunda visita a cidade, pois vc depende de metro para se hospedar por lá!

    E andar de metro em Paris me pareceu um desperdício de belas oportunidades!

    • mm
      Responder dezembro 28, 2017

      Fabricio Moura

      Oi Camila, realmente o Airbnb é uma ótima opção em Paris e você pagou baratoooo nesse apartamento. Excelente!

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.