Guia prático para você usar o metrô da Cidade do México

metrô da Cidade do México

Sobrevoando a Cidade do México, a gente entende a razão dela ser a maior cidade da América Latina e uma das maiores do mundo em termos de população. São bairros e mais bairros subindo e descendo as montanhas no horizonte. E para atender a essa demanda de mais de 20 milhões de pessoas que vivem na região metropolitana, o metrô da Cidade do México é igualmente grande… e cheio.

A rede do metrô da Cidade do México é formada por 12 linhas, separadas por números e cores, que cobrem toda a cidade e seguem para os outros municípios da região metropolitana. São 195 estações e mais de 200 quilômetros de rede.

O metrô chega até ao Aeroporto Internacional Benito Juarez, sendo uma opção de transporte para quem estiver chegando na cidade. Mas eu não recomendo e você já já vai entender o porquê.

Como ir do aeroporto da Cidade do México ao centro de metrô


Como usar o metrô da Cidade do México


É muito simples usar o metrô da Cidade do México, para quem vive em São Paulo ou já andou por aqui, não vai ter nenhuma dificuldade. Mas mesmo que você não esteja acostumado a usar esse tipo de transporte, vai ser bem simples.

O primeiro passo é comprar o bilhete, chamado de boleto, nas bilheterias, que são chamadas de Taquillas. A notícia ruim é que o metrô da Cidade do México não tem passes para um dia ou mais. Para cada viagem, você precisa comprar um bilhete. A boa notícia é que o bilhete é muito barato, cada viagem custa 5 pesos (menos de 1 real).

Taquilla

 

Bilhete do metrô

A dica é comprar vários bilhetes para você não perder tempo nas filas antes de embarcar.

Comprado o bilhete, basta inserir na catraca para ter acesso a parte fechada das estações.

Nas plataformas tem o nome da estação e o sentido para onde o trem estiver indo, você vai encontrar vários mapas da rede com facilidade nas plataformas. Mas vale ter um mapinha salvo no celular, já que eles não distribuem os mapas impressos.

Display com as estações da linha com pictogramas referentes das localidades

O metrô da Cidade do México tem vagões exclusivo para mulheres e crianças, eles ficam na extremidade dos trens. A medida foi criada por conta do assédio nos vagões, mas sendo bem honesto, eu não vi isso acontecer em nenhum momento, nem na rua.

O que você precisa saber

O metrô da Cidade do México é bem antigo e mal cuidado. Bastante sujo e todos os vagões que eu peguei não tinham ar condicionado. Um amigo mexicano disse que no horário de pico é comum as pessoas desmaiarem por conta do calor e do aperto.

Falando nisso, o metrô da Cidade do México é cheio, muito cheio. Sabe a Linha Vermelha do Metrô de São Paulo em horário de pico? É tipo assim, mas quase o dia todo. Dificilmente você vai encontrar onde se sentar.

Até que esse estava vazio

Entrar no metrô com mala é uma missão quase impossível. A integração entre as estações são longas e não tem elevadores ou escadas rolantes. Agora você pode entender por que eu não recomendo usar o metrô para sair ou chegar no aeroporto.

Dentro das estações você verá algumas placas dizendo “estação segura”, é que são estações preparadas para aguentar terremotos, algo bem comum no México. Eu estava lá no terremoto de setembro de 2017 (leia aqui).

Horário de funcionamento:

De segunda a sexta: das 5h à meia-noite.
Sábados: das 6h à meia-noite.
Domingos e feriados: das 7h à meia-noite.

Evite usar o metrô nos horários de pico, que acontece no começo da manhã e no fim do dia. No mais, vale a pena aguentar o aperto e gastar quase nada para se locomover pela Cidade do México.

Mapa da rede


Procurando hospedagem na Cidade do México?


Olha a nossa lista de sugestões no Booking.com. Reservando um hotel pelo Booking, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso. Clique aqui


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar