Khao San Road, a rua mais famosa e maluca de Bangkok

Khao San Road onde se hospedar em Bangkok

A Khao San Road é o que melhor representa a atmosfera caótica de Bangkok, é a rua mais famosa, mais procurada e que em 300 metros de comprimento, a gente consegue entender toda a essência do que é a capital da Tailândia.

Khao San Road ficou (mais) famosa com o filme “A Praia” com Leonardo Di Caprio, que também ajudou fazer famosa as Phi Phi Island e Maya Bay, no mar de Andaman, no sul do país.

A rua nunca dorme e vai se transformando ao longo do dia. De uma falsa calmaria pela manhã até o fervo da noite, mas não vai achando que você vai ver shows de pompoarismo na rua, insetos para comer por todos os lados e sangue de cobra para beber. Não é exatamente assim.

Khao San a luz do dia

Khao San a luz do dia

Até às 23h, a Khao San é quase uma rua familiar, com seus bares, restaurantes e turistas fazendo uma massagem tailandesa depois de um dia andando pela cidade. Depois disso, começam a ficar mais frequente as ofertas por drogas, prostitutas e shows de pompoarismo.

Khao San a noite

Khao San a noite

Falando em shows de pompoarismo, eles estão ficando cada vez mais clandestinos, pois contribuem para o turismo sexual da Tailândia e pouco a pouco estão acabando. A reação das pessoas que assistem são as mais opostas: tem quem caia na gargalhada, fique chocado e até vomita.

Quem viu o filme “Priscilla, Rainha do Deserto” vai se lembrar dessa cena:

Ooooh shit!

Se você não faz ideia do que é um show de pompoarismo ou “ping-pong pussy show” (let me google that for you…), explicando de uma maneira mais discreta, são moças que fazem coisas não habituais com as partes íntimas, como arremeçar bolinhas, acender cigarros, escrever, encher balões e não, você não está lendo errado! Preço? De 500 até 1000 Bahts só para entrar.

As moças na função

As moças na função

Sabendo do que você pode encontrar ou não, sabendo se esquivar das armadilhas, a Khao San é o melhor lugar para conhecer pessoas, barganhar e comprar bugingangas, fazer uma massagem pagando bem pouco, tomas ótimas cervejas e comer a melhor comida de rua de Bangkok. E os insetos? Sim, eles existem mas muitas vezes se resumem a algumas barraquinhas vendendo escorpião frito, insetos que eu nem sabia o que eram ou tarântulas.

Muitos insetos

Muitos insetos

Vai um escorpião aí?

Vai um escorpião aí?

Massagem tailandesa na calçada mesmo

Massagem tailandesa na calçada mesmo

Cerveja Chang e Pad Thai

Cerveja Chang e Pad Thai

A Khao San também é um ótimo lugar para coisas mais ousadias (não é pompoarismo, pelamor), mas beber direto do balde alguns litros de álcool de origem duvidosa, um penteado maluco com dreads e tererês, ou uma tatuagem que vai marcar a sua vida para sempre. Sim, fiz duas e amei, mas não dá pra sair fazendo assim, sem mais nem menos, tem que se informar dos bons lugares.

Tinha acabado de fazer

Tinha acabado de fazer

Para muitos que visitam Bangkok, a viagem perfeita começa se hospedando na Khao San, e são dezenas e dezenas de pequenos e médios hostels e hotéis. O vai e vem de mochileiros é constante a qualquer hora do dia. Quem se hospeda aqui não busca sossego, busca o agito da rua mais caótica e amada de Bangkok.


Como chegar a Khao San Road


Naquela região não tem metrô ou trem, o jeito para quem não se hospeda no entorno é ir de taxi ou tuk-tuk. Ônibus existem, mas são confusos e complicados de usar.

banner

 


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram.


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page
mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar