Koh Nangyuan: três ilhas unidas por uma praia em Koh Samui

Koh Samui

No ano passado eu fiz a minha primeira viagem pela Ásia e conheci muitos lugares na Tailândia, mas ficou um gostinho de quero mais. Esse ano eu voltei para poder visitar alguns lugares que não tinha conseguido na primeira viagem e um deles foi Koh Samui.

Mas o que me fez voltar a Tailândia e especialmente a Koh Samui? Posso te dizer que foi tudo por causa de uma imagem, essa imagem que está na capa do post. Parece o paraíso, não é mesmo? Um lugar no meio do oceano onde três ilhas são unidas por uma faixa de areia branca.

Pronto, bastou para despertar a minha curiosidade e eu coloquei Koh Samui no meu roteiro. Esse pedacinho do paraíso se chama Koh Nangyuan e fica distante 1h30 de lancha rápida desde Koh Samui, ela fica coladinha em Koh Tao, uma outra ilha bem grande da região.

A primeira imagem que a gente tem da ilha ainda no pier

A primeira imagem que a gente tem da ilha ainda no pier

Quem visita essas ilhas, especialmente Koh Nangyuan, tem Koh Samui como base e ponto de partida. Samui é bem desenvolvida, tem um aeroporto internacional e uma enorme rede hoteleira. Samui por si só já é um excelente destino com vida noturna agitada, templos e praias bonitas.

Foi em Samui que eu contratei um tour até Koh Nangyuan e Koh Tao, mas eu explico melhor mais abaixo sobre como fazer isso.

A estreita faixa branca que une as ilhas

A estreita faixa branca que une as ilhas

Para entrar em Koh Nangyuan a gente paga uma tarifa de 100 Bahts, que dá uns 10 reais e tem revista no píer, não pode entrar nas ilhas com garrafa de água, uma forma de protegerem a natureza no local, reduzir a produção de lixo a claro, fazer o povo consumir nos bares da ilha.

Três ilhas, uma faixa de areia e uma infinidade de corais e peixes em torno de uma natureza única.

Caminhando pelo píer a gente já fica encantado com a transparência da água e a quantidade absurda de peixes. Mas o melhor ainda estava por vir, ou as melhores surpresas de Koh Nangyuan.

A primeira coisa que todo mundo faz é subir até o mirante (view-point) em uma das ilhas para poder ver essa maravilha do alto, sabe aquela imagem de cartão postal das ilhas? A imagem de capa do post? Isso que eu queria ver.

Passarela que leva até a escadaria do mirante e praia ao fundo

Passarela que leva até a escadaria do mirante e praia ao fundo

 

Passarela junto ao mar que dá acesso as escadas que levam ao mirante

Passarela junto ao mar que dá acesso as escadas que levam ao mirante

A vista compensa

A vista compensa

Chegar ao mirante é fácil, basta seguir as plaquinhas, passar por uma passarela junto ao mar e subir a longa escada até o topo. A escadaria tira o fôlego da gente, é bem alto. O mirante em si é um conjunto de pedras de onde o povo sobe para ver as ilhas e claro, fazer mil fotos.

Tenha muito cuidado nas pedras, pois é um lugar bem perigoso, não existe corrimão, corda, parapeito… enfim, nada para garantir a segurança das pessoas que ficam se amontoando para fazer uma selfie. Cair ali e se machucar é muito fácil.

Depois do mirante, o melhor é descer e curtir a praia. A praia branquinha é uma mistura de areia, pedrinhas e restos de coral, que machucam um pouco os pés, mas é lindo mesmo assim.

Cardumes e mais cardumes de peixes

Cardumes e mais cardumes de peixes

Perfeito para snorkel

Perfeito para snorkel

Coral

Coral

O mar é perfeito para fazer snorkel, se você não tiver uma máscara, o tour tem máscaras inclusas e dá para alugar na ilha. A transparência da água, o coral a um metro de profundidade e a variedade enorme de peixes é lindo de ver. Vale muito a pena e é algo que você não pode deixar de fazer.

A ilha tem também um bom restaurante, bares e umas lojinhas. Também tem um resort lá com vários bangalôs, fico imaginando que se hospedar ali deve ser legal, mas sem muita privacidade, pois a ilha costuma receber muitos turistas, o que deve tirar a paz de quem se hospeda ali.


Como chegar a Koh Nangyuan


Para quem quiser fazer o passeio de forma independente, do píer de Koh Samui saem barcos direto para Koh Tao, a ilha que fica ao lado de Koh Nangyuan. Até no aeroporto de Samui dá pra comprar o bilhete do ferry e o transfer do aeroporto até o pier.

Você pode se hospedar em Koh Tao e contratar um barqueiro até Koh Nangyuan por 200 bahts, sem pressa e fazer tudo no seu tempo.

O que a maioria das pessoas fazem é um bate-volta desde Koh Samui, e foi o que eu fiz. No hotel tinha um balcão de turismo que vendia o passeio por por 1.200 Bahts (120 reais) e foi caro considerando os preços da Tailândia, mas acho que vale a pena.

A van me buscou no hotel às 7h30 da manhã e as 8h30 embarcamos no pier da My Samui Island – a companhia que opera o passeio – em um esquema super organizado. O tour vai direto para Koh Nangyuan e lá ficamos algumas horas, depois vamos para Koh Tao para almoçar, vale dizer que o almoço, assim como água e frutas no barco estão inclusos no preço, também tem um mini café da manhã antes do embarque. Depois do almoço visitamos três pontos de mergulho com snorkel e retornamos ao hotel por volta das 17h.

Postado em:
Quinta-feira, 15 de junho de 2017


Leia mais


Roteiro completo pelas ilhas da Tailândia a partir de Krabi
Todos os posts sobre a Tailândia


Procurando hospedagem em Koh Samui?


Olha a nossa lista de sugestões no Booking.com. Reservando um hotel pelo Booking, você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso. Clique aqui


Sigam o Vou na Janela no Facebook e no Instagram


 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestPrint this page

mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em São Paulo, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar