Tiger Kingdom em Chiang Mai: tigres drogados ou não?

Tiger Kingdom

Visitar o Tiger Kingdom em Chiang Mai não estava nos meus planos, eu estava voltando da aldeia das mulheres Kayoan de Mianmar quando a guia perguntou se eu queria visitar lugar. Eu confesso que tinha curiosidade de ver com meus próprios olhos se o Tiger Kingdom fazia jus com a fama negativa.

Sobre lugares assim, a gente ouve as piores coisas, que drogam e exploram os animais e falando nisso, poucos dias depois um elefante morreu de exaustão no Camboja justamente quando eu estava lá. A exploração de animais selvagens é muito comum não só na Ásia, mas no mundo todo ou você acha que o Seaworld em Orlando é um santuário de proteção animal?

O ponto é que existem lugares e lugares, eu não visitei o Tiger Temple de Bangkok, mas não é difícil achar fotos e vídeos na internet que mostram os animais sonolentos e praticamente desmaiados enquanto turistas montam nos bichos e protagonizam as maiores bizarrices.

Tiger Kingdom

Tiger Kingdom

O Tiger Kingdom em Chiang Mai diz que “os animais não são drogados, mas criados por humanos para conviverem com humanos”. Não vou dizer se eles drogam ou não, pois não tenho condições afirmar isso, relato aqui o que eu vi.

Diferente de outros lugares como esse, em Chiang Mai os animais são bem ativos, alguns estão dormindo, outros andando pelo lugar ou brincando entre si e eles não tem sinais de maus tratos. O pessoal de lá diz que são animais de hábitos noturnos e que dormem muito durante o dia, como são bem alimentados, não precisam caçar.

Números oficiais apontam que existem hoje apenas 150 tigres vivendo soltos na Tailândia.

Tigres são animais selvagens, eu não sei se eles podem ser domesticados a ponto de agirem dessa forma dócil, ou se realmente rola um sedativo.

Tiger Kingdom

Tiger Kingdom

Se por um lado é triste ver um animal como esse confinado em uma jaula, por maior que seja, não é seu ambiente natural. Mas por outro lado, a caça na Tailândia é um mercado valioso. Números do órgão de proteção animal tailandês diz que existem hoje apenas 150 tigres vivendo soltos na natureza e por mais que seja errado manter esses animais em lugares como o Tiger Kingdom, é uma forma de preservar a existência da espécie.


Como é a visita ao Tiger Kingdom?


 

O Tiger Kingdom fica fora de Chiang Mai, eu não paguei pela visita, foi convite. Mas você paga pelo porte do animal que quer visitar e são tigres pequenos, médios e grandes. Eles também oferecem o fotógrafo para documentar a visita.

Escolhendo o seu animal, você é levado até a jaula correspondente para ser fotografado com o tigre que escolheu e é só isso.

Minha opinião
Honestamente? Por mais bonitos e impressionantes que sejam esses animais, não seja esse tipo de turista? Não pague para ver animais confinados, para cavalgar em elefantes, para tirar fotos com macacos e outros animais que não deveriam estar em posse de humanos.

Na hora eu fiquei com cara de bobo, é um bicho muito bonito, mas é errado manter esses animais em lugares assim. Se é para preservar a espécie, que seja em um lugar adequado e sem fins comerciais. Ou que tenham um programa efetivo de combate a caça predatória.


Reserve os seus passeios em Chiang Mai



Eu escrevi um post com dicas de onde escolher a sua hospedagem em Chiang Mai. Recomendo a leitura. Entretanto eu vou deixar algumas dicas aqui embaixo.

Chiang Mai surgiu como uma cidade murada e com o passar dos séculos, ela foi crescendo para fora dessa área. E o melhor lugar para se hospedar em Chiang Mai é dentro dessa área ou no entorno dela.

Quando eu visitei Chiang Mai, eu me hospedei no Rich Lanna House. O hotel tem um ambiente super acolhedor, quartos amplos, ótimo café da manhã e uma bela piscina para se refrescar no calorão.

Perto do Night Bazaar eu recomendo o Zero Chiang Mai, um hotel 3 estrelas super charmoso e com quartos arejados e modernos.

Dentro do centro histórico eu recomendo o fantástico U Chiang Mai. Um hotel que não tem como errar, além de proporcionar uma experiência única no coração do centro histórico.

O Baan Boo Loo Village é outro hotel que fica dentro do centro histórico, mas e esse hotel é muito especial, ele é composto por casas tradicionais tailandesas. Eu já fiquei em um hotel assim, foi uma experiência única.

Se você busca economia, mas sem abrir mão do conforto, recomendo o imbatível Eurana Boutique Hotel. Um hotel 3 estrelas muito confortável com diárias a partir de 100 reais. Incrível, não é?


Quando ir e quanto custa:
Qual é a melhor época para visitar a Tailândia
Quanto custa viajar para a Tailândia?
Custo de vida na Tailândia
Que moeda levar para a Tailândia

Imigração e serviços:
Chegando em Bangkok por Suvarnabhumi e Dom Mueang
As companhias aéreas low-cost da Tailândia
Como funciona o Grab, o Uber da Ásia
Chip de internet na Tailândia

Leia mais::
Perigos e golpes na Tailândia
15 coisas que você precisa saber antes de visitar
Songkran, o ano novo tailandês

Para organizar a sua viagem:
O que fazer em Bangkok
Onde ficar em Bangkok
Como usar o metrô de Bangkok

Roteiros em Bangkok:
O que fazer em Bangkok
O melhor roteiro de barco em Bangkok
8 experiências em Bangkok
O que fazer em Ayutthaya (bate volta)

Atrações de Bangkok:
Grand Palace e Wat Phra Kaew
Wat Arun: o templo do amanhecer
Wat Pho: o templo do Buda deitado
Passeios de barco em Bangkok
O melhor roteiro de barco em Bangkok
Chinatown e o templo do Buda de Ouro
Templo de Mármore em Bangkok
Templo Golden Mount
Mercado Flutuante
Mercado do trem
Khao San Road
Suan Pakkad Palace
Chatuchack Weekend Market
Asiatique
Iconsian
Jim Thompson House
Caminhe sobre Bangkok em uma passarela de vidro


Como chegar em Ayutthaya
O que fazer em Ayutthaya (bate volta)


O que fazer em Chiang Mai
Onde ficar em Chiang Mai
Aldeia das “mulheres girafa”
Tiger Kingdom
Templo Doi Suthep
Festival das Laternas de Chiang Mai
Uma experiência com os monges de Chiang Mai


Sukhothai, o berço da civilização tailandesa


Krabi & Railay Beach
Railay Beach, como chegar e o que fazer
Roteiro pelas ilhas saindo de Krabi
A ilha dos morcegos gigantes
Tour das 7 ilhas

Phi Phi Island
O que fazer em Phi Phi Islands
Como chegar em Phi Phi
Onde ficar em Phi Phi
Maya Bay
Mergulho em Phi Phi

Phuket
O que fazer em Phuket
Patong Beach em Phuket

Koh Lipe
O que fazer em Koh Lipe
Como chegar em Koh Lipe
Onde ficar

Koh Samui
Dicas de Koh Samui, como chegar e o que fazer
Três ilhas unidas por uma praia em Koh Ningyuan










Reservando um serviço com um dos parceiros do blog, você ajuda o Vou na Janela a produzir mais conteúdo e não paga nada a mais por isso. O Vou na Janela só recomenda empresas e serviços em que confia.


mm

Fabricio Moura

Meu nome é Fabricio, moro em Bangkok na Tailândia, sou designer e apaixonado pelo mundo. Descobri que viajar é se perder e se encontrar. Se conhecer melhor e se amar mais. Acumular histórias e experiências. Vamos?

Seja o primeiro a comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.